Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!

Apenas 22 empresas participam do Liquida Parauapebas, da CDL

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Parauapebas realiza nos dias 9, 10 e 11 de março a 1ª Edição da Promoção Liquida Parauapebas, evento que tem como objetivo fomentar a economia local neste período do ano a partir da comercialização de produtos e serviços com preços atrativos. A meta é o aumento de 10% nas vendas em comparação ao mesmo período do ano passado.

“A Liquida Parauapebas 2017 vai oferecer descontos reais a partir de 30% (percentual mínimo para adesão do lojista), podendo chegar até 70%, tudo está sendo preparado para que o consumidor possa acreditar na seriedade do projeto e se beneficiar dos preços baixos”, diz um trecho do release sobre a campanha, divulgado pela CDL.

Geralmente, ações como essas são sempre bem-vindas, principalmente em períodos de crise, quando o empresariado sempre questiona a diminuição no ritmo de vendas. No entanto, mesmo com o esforço da entidade que atua pelo bem comum dos lojistas, a adesão de empresas para a campanha foi muito pequena. Apenas 22 estão participando do Liquida Parauapebas.

“Fizemos um investimento para essa campanha. A meta era no mínimo 80 lojas, mas, infelizmente, os lojistas não estão aderindo. É muito difícil entendê-los, mas, estamos fazendo o nosso papel”, afirmou o presidente da CDL, Marksan Gomes.

“Com relação ao pequeno número de empresas participantes na campanha, eu enxergo dois prováveis motivos: um é porque a CDL fez pouca propaganda prévia junto às empresas – só enviaram um e-mail. Acredito que tenha sido uma falha da entidade. Não ter trabalhado com antecedência a campanha e não ter visitado os lojistas para conseguir mais envolvimento. Outro ponto falho que eu observo é em relação aos próprios gestores, que às vezes têm um pensamento negativo, achando que não vão vender bem. Nós participamos de todas as campanhas da CDL e sempre conseguimos vender todo o nosso estoque disponível nas promoções. Participo do Liquida Parauapebas porque acredito que é bom para a loja e para o cliente, que poder vir comprar com um preço acessível”, relatou o responsável pelas Lojas Maranata em Parauapebas, Rafael Cardoso de Oliveira.

De acordo com a direção de marketing da CDL, a entidade conta com 300 associados, porém, muitos não se enquadram no perfil da promoção, como por exemplo, escritórios de contabilidade.

Para conferir a lista de lojas participantes e informações sobre a campanha, clique no site: www.cdlparauapebas.com.br

Dia da Mulher

Nesta quarta-feira (8), em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, o comércio é aquecido, principalmente com a venda de artigos para presentes, flores, chocolates, cosméticos e perfumaria. Parece que alguns empresários não acreditam ainda em uma retomada da economia. Por exemplo, a única floricultura na Rua do Comércio já não contava mais com botões de rosas a partir do meio-dia de hoje, e a procura por parte dos clientes era enorme, a maior parte em busca deste produto específico que é tradicionalmente entregue nesta data para as mulheres.

Já uma loja de chocolates, que é franquia nacional, recém aberta no Rio Verde, também perdeu várias vendas por conta do seu estoque de um produto promocional específico, produzido especialmente para o Dia das Mulheres e muito divulgado nas redes sociais.

“Nossa, acho que mais de 50 pessoas já vieram aqui depois do almoço querendo comprar esse kit e a gente não tem mais”, relatou a vendedora da loja, referindo-se ao conjunto de composto por pincéis de maquiagem, um estojo e 20 bombons de chocolate. A franqueada vendeu 10 mil desses kit’s, no valor de R$ 39,00 cada, nas suas quatro lojas, três localizadas em Parauapebas e uma em Canaã dos Carajás.

Seja o primeiro a escrever um comentário

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!