Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
futebol

Cleriston tem a missão de fechar a meta do PFC na disputa da Segundinha do Parazão

O goleiro já mostrou serviço no último amistoso defendendo pênalti contra o Gavião Kyikatejê

Por Fábio Relvas

A diretoria do Parauapebas Futebol Clube (PFC) aposta em um goleiro de fora do estado para fechar a meta na Segundinha do Campeonato Paraense. Trata-se de Cleriston Danilo Ferraz, de 25 anos, natural da cidade de Pradópolis, interior de São Paulo. O atleta começou a carreira na base do Fluminense (RJ) e ainda teve passagens por outras equipes como: Sertãozinho (SP), Anapolina (GO), Marília (SP), Olímpia (SP), Rio Verde (GO) e Iporá (GO). O goleiro chegou para ser titular do Gigante de Aço.

“Eu iniciei minha carreira na base do Fluminense do Rio de Janeiro e depois quando cheguei no profissional comecei a andar bastante. Joguei bastante em São Paulo e no estado de Goiás e agora recebi essa oportunidade, o convite de vir aqui para o estado do Pará. É uma oportunidade nova, uma chance nova de abrir o mercado novo também”, afirmou o goleiro Cleriston.

O goleiro nunca havia jogado no futebol paraense e nem contra times do estado do Pará, a não ser os dois amistosos realizados em preparação a Segundinha. O goleiro entrou em campo contra a Seleção de Canaã dos Carajás, no empate em 2 a 2, no estádio Benezão, e contra o Gavião Kyikatejê, no último domingo no Rosenão, quando o placar terminou no 0 a 0. Cleriston foi destaque do PFC contra o time indígena defendendo um pênalti e garantindo o placar em branco.

“Cada goleiro tem uma maneira de estudar bastante o jogador que vai converter a cobrança. Eu particularmente gosto de ver bastante o jeito que ele vai para a bola, é uma coisa minha. Eu espero até o máximo que consigo para definir o canto. Na realidade a gente escolhe o canto, mas tem uma série de coisas que acompanha sua escolha que é: a corrida do jogador para a bola, o jeito que ele se posiciona e graças a Deus eu fui feliz e consegui defender”, revelou o paredão do PFC.

O técnico Everton Goiano, em suas entrevistas, sempre afirma que o importante nesse momento, não é golear ou vencer todos os amistosos, e sim testar todos os jogadores que estão no plantel para poder saber qual será a equipe titular que vai entrar na estreia do Campeonato Paraense da segunda divisão. O comandante foi muito questionado em relação ao resultado positivo, que não veio nas duas partidas amistosas. O camisa número um do PFC tem a mesma opinião.

“Para nós atletas é importante para o professor fazer as alterações que ele tem que fazer. Ver bastante o que ele tem passado nos trabalhos e ver se os atletas estão cumprindo dentro de campo. É mais um estudo. Então agora valendo três pontos é outra cara ali dentro. Quando o negócio é valendo mesmo, mexe com o brio de cada um e o PFC tem um elenco muito forte e tenho certeza que vai ser para brigar pelo acesso”, disse Cleriston.

O Parauapebas Futebol Clube (PFC) entra na reta final de preparação para a estreia na Segundinha do Parazão. O Gigante de Aço tem mais cinco dias de treinos visando à competição estadual. O primeiro desafio da equipe será contra a Desportiva Paraense, da cidade de Marituba, no próximo domingo (15/10), às 16h, no estádio José Raimundo Roseno Araújo, o Rosenão. O treinador vem passando informações para seus atletas sobre os adversários da Chave A2 na qual está o Gigante de Aço.

“Ele já passou principalmente do primeiro adversário (Desportiva Paraense), que a gente tem neste próximo final de semana e a gente vai trabalhar essa semana dando ênfase em cima do que foi passado para chegar no domingo fazer um grande jogo e um bom resultado diante da nossa torcida” finalizou o arqueiro do PFC.

No quesito goleiro, a equipe da capital do minério está bem servida. Além de Cleriston, que mostrou serviço nos dois jogos amistosos, a equipe conta também com Matheus, que atuou na segunda etapa das partidas que serviram de teste antes da estreia e veio de fora do estado e Marcos, goleiro da base do Gigante de Aço. Segundo a direção, o time inscreveu 22 jogadores para a disputa da Segundinha.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!