Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Curionópolis

Ação Cívico Social beneficia centenas de moradores de Serra Pelada

Para a Aciso, o Exército trouxe todo o seu aparato, a Prefeitura os serviços públicos e a Vale deu o apoio logístico.

Atendimento médico e odontológico, entrega de medicamentos, aferição de pressão e diabetes, orientação e atualização de cadastro do Bolsa Família, entre outros atendimentos de saúde e sociais foram disponibilizados para a comunidade de Serra Pelada, em Curionópolis, na manhã desta sábado (9), na Escola Municipal Ângela Bezerra, durante a Ação Cívico Social (Aciso) do Exército Brasileiro.

A Prefeitura de Curionópolis e a Vale foram parceiras na realização do evento, que atendeu centenas de pessoas.

Rogério Macedo, chefe de Gabinete do Executivo destacou a importância do evento para a comunidade: “mais de 400 atendimentos foram feitos hoje e isso é só o início. Nós tivemos um compromisso de campanha, de atender Serra Pelada em suas principais demandas, e assim o governo do nosso prefeito Adonei Aguiar tem feito. Temos estado bem próximo à essa população tão carente”.

“Para a Aciso, o Exército trouxe todo o seu aparato, a Prefeitura os serviços públicos e a Vale deu o apoio logístico. Escolhemos Serra Pelada para a ação por que entendemos que é uma comunidade carente e que está próxima das nossas operações. O apoio da Prefeitura no evento é fundamental, sem ele não teria como se realizar”, afirmou Adenilson José de Souza, do setor de relações com a comunidade da Vale.

Kelma Oliveira, secretária de saúde de Curionópolis, informou que foram disponibilizados para ação: dois médicos, quatro enfermeiras, duas técnicas de enfermagem, uma farmacêutica, duas técnicas administrativo, além dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) da Serra Pelada e também aparelhos de medir pressão e glicose.

“É uma ação muito importante porque a gente atrai um grande público e assim conseguimos detectar pessoas que têm alguma doença crônica e que precisam de acompanhamento, como o caso da diabetes, e em seguida fazer a busca ativa desse paciente”, informou a secretária de saúde.

A dona de casa Maria de Lorde Pereira mora há 30 anos na Serra Pelada, ela tem diabetes e faz acompanhamento no postinho de saúde da localidade, mas sempre aproveita essas ações para monitorar ainda mais sua saúde. “Senti que minha diabetes estava alterada hoje, aproveitei o evento para vir me consultar e trazer meus netos para se divertir um pouquinho”.

Durante o Aciso houve uma programação especial para as crianças, com distribuição de pipoca, cachorro-quente e pirulito, além de muitas brincadeiras e pintura de rosto. Os pequenos e os adultos prestigiaram também apresentações folclóricas, de karatê e da banda do Exército do 52º Batalhão da Infantaria de Selva, que tocou músicas conhecidas da população.

Mobilidade Urbana

Prefeito Adonei Aguiar (DEM) vai modernizar o trânsito de Curionópolis

Convênio para a sinalização de trânsito vertical e horizontal, a fim de garantir segurança, fluidez e mobilidade urbana, já foi assinado com o Governo do Estado

A cidade de Curionópolis não será mais a mesma em muito breve. É o que promete o prefeito Adonei Aguiar.

Esta semana ele foi a Belém participar da 2ª Reunião do Fórum Permanente de Prefeitas e Prefeitos do Pará e voltou da capital recheado de notícias boas para a comunidade local. Uma delas é a modernização do trânsito urbano, para o qual o gestor conseguiu R$ 850 mil em recursos do Governo do Pará para investimentos, por meio do Programa Municípios Sustentáveis, coordenado pela secretária extraordinária de Estado dos Municípios Sustentáveis, Izabela Jatene.

De acordo com Adonei, a Prefeitura de Curionópolis celebrou com o Governo do Pará convênio para a sinalização de trânsito vertical e horizontal, a fim de garantir segurança, fluidez e mobilidade urbana, uma vez que Curionópolis está experimentando expressivo crescimento, embora o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) insista em rebaixar o contingente populacional, historicamente, sem que nada fosse feito ao longo de quase três décadas para reverter a questão.

“Curionópolis ainda poderá ser contemplado com outros convênios nas áreas de educação e infraestrutura”, prevê o prefeito, destacando que a cidade pode ganhar uma nova escola estadual e pavimentação asfáltica.

Nas ruas, a população comemora a notícia.

O comerciante Paulo José Soares, que tem automóvel e se locomove todos os dias de sua residência para o comércio, diz que seu carro já foi “atropelado” duas vezes em 2016 por motoqueiros que não respeitam os cruzamentos. “Curionópolis é uma cidade pequena, mas que tem uma frota bastante ativa. Já não era sem tempo a sinalização da cidade. O prefeito está de parabéns”, elogia.

E Soares tem razão. Nos últimos seis anos e meio, a frota de Curionópolis cresceu mais de 150%, passando de 2.331 veículos em dezembro de 2010 para 5.971 em junho deste ano. Isso, por si só, mostra que o município já não está mais parado no tempo.

“Além de modernizarmos nosso trânsito, vamos humanizar nosso tráfego para que as pessoas consigam enxergar não apenas crescimento, mas também desenvolvimento social. Não adianta implantar equipamentos modernos nas ruas se as práticas da sociedade são as mesmas, de não respeitar a sinalização”, disse Adonei, destacando que a prefeitura vai investir em educação para o trânsito.

Curionópolis

Prefeito Adonei Aguiar recebe a visita do novo diretor de Ferrosos Norte da Vale, que lhe traz boas novas.

A Semas fará a Audiência Pública para a ampliação e aumento de produção do Projeto Serra Leste em 24 agosto.

Na tarde desta quinta-feira (17), o prefeito de Curionópolis, Adonei Aguiar (DEM) recebeu em seu gabinete o novo diretor de Ferrosos Norte da empresa VALE, o senhor Antonio Daher Padovezi, quando trataram de assuntos relevantes para a economia de Curionópolis e região, tais como a ampliação e aumento de produção do Projeto Serra Leste, localizado no município, que hoje tem licença para produzir 6 milhões de toneladas de minério/ano, e que poderá ser aumentada a sua meta para 10 milhões de toneladas/ano, dependendo da demanda do mercado, iniciativa que aumentará a oferta de emprego para Curionópolis.

E a boa nova para o município é que Daher Padovezi informou, ainda, que o inicio da discussão deste grande projeto de ampliação terá início agora em agosto, com a realização de uma Audiência Pública para tratar das licenças a serem expedidas pelos órgãos competentes. Segundo a Vale, serão gerados 1200 empregos na instalação e 500 na manutenção do projeto.

O prefeito Adonei Aguiar disse “estar muito confiante com o futuro de Curionópolis e alegre pelo projeto gerar empregos diretos em uma época de crise financeira e com poucas perspectivas de investimento’, informando ainda que a Audiência Pública acontecerá no dia 24 para ouvir a população local e que “pretende usar parte da arrecadação gerada pelo projeto para implantar novas matrizes econômicas para Curionópolis, pois, como é notório, o minério é finito e é preciso pensar no futuro, poupando e investindo bem agora para quando este faltar.

Vice-prefeita de Curionópolis renuncia ao cargo

Confira a Carta-Renúncia entregue na Câmara Municipal

A vice-prefeita de Curionópolis, Quélia Regina Pereira Rosa, do Solidariedade entregou há pouco uma carta ao presidente da Câmara Municipal de Curionópolis, Francisco Aderbal de Oliveira, renunciando cargo. Na carta, a abdicante, não esclarece os motivos da renúncia, mas especula-se que se deu em virtude da relação desgastada com o prefeito Adonei Aguiar e à decepção com a política.

Quélia Regina assumiu o cargo de Adonei, em  03 de julho, quando este foi afastado pela justiça, acusado de improbidade administrativa quando era investigado pela Operação Alçapão, do Ministério Público do Estado. Ela ficou no cargo até o dia 20 de julho, quando o prefeito foi reempossado pelo TJPA, e neste período exonerou todo o secretariado de Adonei.

A Carta-Renúncia deverá ser lida em sessão ordinária da Câmara Municipal e só aí o Tribunal Regional Eleitoral será comunicado da decisão de Quélia Regina. Como a CMC está em recesso, a leitura deverá acontecer em 03 de agosto. Com a renúncia, quem passará a ocupar o papel de vice-prefeito de Curionópolis é o presidente da Câmara, Francisco Aderbal de Oliveira (DEM), que assumirá o cargo toda vez que Adonei Aguiar se ausentar do município.

Trânsito

Mototaxistas de Curionópolis concluem formação profissional

O curso foi ministrado por agentes do DETRAN a convite do prefeito Adonei Aguiar

Por Francesco Costa 

Após concluírem curso com uma carga horária de 30 horas/aulas dividido em três módulos: básico (ética, cidadania, saúde e noções básicas de legislação); específico (Legislação específica); e prático (Exame no circuito com passageiro), 23 mototaxistas de Curionópolis se tornaram aptos a exercer a função de transporte de passageiros e fretamento.

O curso foi ministrado por agentes do DETRAN a convite do prefeito daquele Município, Adonei Aguiar, que vem trabalhando para organizar o trânsito e os transportes em Curionópolis.

“Nosso objetivo é manter a população em segurança e o transporte de passageiros somará para o bem de todos”, afirmou Adonei Aguiar, dando conta ainda de que o trânsito é outra de suas muitas preocupações. Por isso, após reunir os mototaxistas e parabenizá-los pela conquista, conversou com os agentes municipais de trânsito à respeito da instalação do Departamento Municipal de Trânsito, traçando metas e planejamentos para o início do funcionamento do órgão.

O presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Curionópolis, Antônio Martins contou que tão logo o governo municipal convidou para fazer o curso os operadores do transporte de passageiros atenderam e vieram fazê-lo. Ele disse ainda que ao todo são 51 associados no sindicato e os demais ainda deverão fazer o curso para tornarem-se aptos à função.

“Para nós é de grande aproveitamento este curso, pois nos prepara para atender melhor os clientes, além de nos trazer mais segurança”, avaliou Martins.

O coordenador da equipe de instrutores do DETRAN, Edmilson Lima, conversou com os profissionais qualificados e os incentivou a fazer o certo, sendo multiplicadores daquilo que aprenderam. Com isso, os concluintes receberam certificação e credenciamento junto ao DMTC (Departamento Municipal de Trânsito de Curionópolis). Ato ocorrido na manhã de hoje, no gabinete do prefeito Adonei Aguiar.

Curionópolis

Ciclo Saúde fortalece atenção básica à saúde em Serra Pelada

Iniciativa promovida pela Vale e Fundação Vale também capacitou equipe de atendimento da unidade de saúde

Os moradores de Serra Pelada, no município de Curionópolis, sudeste paraense, celebram as ações do projeto Ciclo Saúde, uma iniciativa voltada para o fortalecimento da saúde em atenção básica. Como parte das ações, na última semana, foi entregue à comunidade a unidade básica de saúde Santa Casa de Misericórdia, que passou por reparos em sua infraestrutura e ganhou novos equipamentos ambulatoriais. O projeto Ciclo Saúde é uma cooperação técnica promovido pela Vale e Fundação Vale, em parceria com o Centro de Promoção da Saúde (Cedaps) e a Secretaria Municipal da Saúde de Curionópolis.

As melhorias na unidade de saúde contemplaram pintura do imóvel, pequenos reparos, compra de nova caída d’água, entre outros. O local também foi reordenado e os agentes comunitários de saúde ganharam um novo espaço para as suas atividades dentro da Santa Casa. A unidade também foi equipada com aparelhos para medição de pressão arterial (adulto e infantil), balanças antropométricas, entre outros. O mobiliário também foi renovado com mesas clínicas e para atendimento ginecológico, além de ventiladores, armários e computadores. A cozinha também foi mobilada com fogão semi-industrial e um bebedouro.

De acordo com a gerente de saúde da Fundação Vale, Lívia Zandonadi, cerca de 143 itens foram disponibilizados para a unidade de saúde. “Com a entrega desses equipamentos nós encerramos uma etapa de quase 15 meses de projeto aqui em Serra Pelada”. Lívia destaca também outro importante trabalho desenvolvido durante o Ciclo Saúde: o diagnóstico comunitário participativo. “Esse trabalho é inovador e foi totalmente construído e aplicado pela equipe de agentes comunitários. Nós temos dados de 1.114 domicílios. Essas informações devem nos dar uma excelente base para ações preventivas e de promoção da saúde que possam ser realizadas tanto dentro da unidade quanto na comunidade”, conclui.

Kátia Edimundo, diretora do Centro de promoção da Saúde (Cedaps), parceiro da Fundação Vale na realização do Ciclo Saúde, reforça a importância do fortalecimento da atenção básica nas comunidades. “O foco da política brasileira é a atenção básica. De cada 100 casos que chegam na unidade, 85 são resolvidos na própria atenção básica”.

A agente Comunitária de Saúde Francisca Alves Duarte, está entre os 25 profissionais que atuam na unidade de saúde Santa Casa de Misericórdia que recebeu a capacitação durante a realização do Ciclo Saúde. Ela comemora o novo espaço para as ações de saúde na comunidade. “Uma das coisas mais importante pra gente é ter um espaço para realização das nossas reuniões com a comunidade. Nós agora temos espaço, temos projetor e também o material que a Fundação Vale disponibilizou para as ações de educação e promoção da saúde”.

A próxima etapa do projeto Ciclo Saúde vai contemplar a implantação do projeto Jovens Construtores da Comunidades. “Nós vamos continuar com as capacitações, porque a equipe sempre precisa de capacitação. E vamos envolver os jovens na promoção da saúde. Eles serão os jovens construtores promotores da saúde de Serra Pelada. E nós acreditamos que essa próxima etapa deve consolidar o que foi construído ao longo da realização do ciclo saúde nessa comunidade”, conclui Kátia Edimundo.

Curionópolis

Conheça quem serão os secretários de Adonei Aguiar

A lista é extra-oficial, já que Adonei não divulgou oficialmente a lista com os nomes de seus secretários

O prefeito eleito e  diplomado de Curionópolis, Adonei Aguiar deverá empossar amanhã o seu secretariado. Não houve uma coletiva para o anúncio dos nomes, mas o Blog teve acessoa essa lista. Os nomes são:

  • Chefe de Gabinete
    Rogério Serelli Macedo

  • Procuradoria Geral do Município
    Dr. Alex Marcelo Marques
  • Controladoria Geral do Município
    Dr. Miramny Santana Guedelha
  • Secretário Municipal de Administração
    Sérgio Wilson Ramos
  • Secretário Municipal de Planejamento e Gestão
    Dr.  Gilmar Nascimento de Moraes
  • Secretário Municipal de Finanças
    André Gustavo Pagliuso
  • Secretária Municipal de Saúde
    Aurea Luzia Paes Martins
  • Secretária Municipal de Educação, Esportes e Cultura
    Maria Francisca Teixeira Lopes
  • Secretária Municipal de Assistência Social
    Verônica Fernandes Rabelo
  • Secretário Municipal de Produção
    Sales Miglene Camilo da Costa
  • Secretário Municipal de Meio Ambiente
    Adauto da Silva dos Santos

  • Secretário Municipal de Infraestrutura
    Francisco Antônio dos Santos Costa
Justiça

Adonei Aguiar diz que juízes e promotores são parciais quanto aos seus processos na justiça paraense

Momento em que Adonei Aguiar é preso por distribuir panfletos apócrifos em CurionópolisEm entrevista que deu à rádio Arara Azul FM, de Parauapebas, na semana passada, Adonei Aguiar, ex-candidato a prefeito de Curionópolis, se mostrou desnorteado e se colocou várias vezes como uma “vítima” da justiça, inclusive citando magistrados como o juiz Claytoney Passos Ferreira, autoridade da época em que ele, Adonei, foi pego em flagrante pela polícia, de posse de jornal apócrifo que utilizaria para difamar adversários (foto).

Cita, em seus devaneios durante a entrevista, até um promotor de Justiça, que sequer tem ligação com a comarca de Curionópolis, Alan Pierre Rocha, que responde por São Félix do Xingú. Em outro trecho, coloca também em dúvida a conduta da juíza eleitoral Eline Salgado, sempre conhecida por sua firmeza e seriedade. Sobra até para o magistrado de hoje, o recém chegado Dr. Danilo Alves e o promotor Franklin Jones, os quais deram voz de prisão, por falso depoimento, a uma testemunha que Adonei incitou a apresentar-se com história mal contada.

De forma irresponsável e até sujeito a novos processos da parte desses profissionais, Adonei se coloca sempre como um injustiçado, como se não tivesse ele mesmo protagonizado as situações pelas quais responde na Justiça e pelas quais chegou a ser preso. Ainda coloca em dúvida diversos profissionais da área do judiciário contra os quais nunca se ouviu nada que desabone condutas. O político mostra-se cada vez mais desnorteado e “empresta” o seu “apoio” a pretensos candidatos a deputado em 2014, que devem ter cuidado na hora de apresentá-lo como “companheiro”, para o tiro não sair pela culatra.