Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Polícia

Parauapebas: Polícia Militar prende acusado de tentativa de estupro e dois assaltantes com moto roubada

A guarnição do Sargento Adenilson teve trabalho dobrado na manhã deste sábado, foi uma ocorrência em cima da outra
Continua depois da publicidade

Manoel de Jesus Gonçalves da Silva Filho, 26 anos, natural de Pindaré Mirim (MA), foi preso em flagrante, por volta das 10h30 deste sábado (10), por conta de tentativa de estupro contra uma vizinha dele, no Bairro da Paz. Ele nega a acusação, mas foi reconhecido pela vítima na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil. A prisão do suspeito foi efetuada pela guarnição formada pelo Sargento Adenilson e Cabo Rabelo, comunicados via Centro de Controle Operacional (CCO).

Eliseu Luiz de Queiroz, pai da vítima, uma jovem de 23 anos, grávida de três meses, contou à Reportagem do Blog que o marido havia saído para o trabalho e deixou a porta da casa apenas encostada.

Manoel de Jesus

Em seguida, ela foi tomar banho e ouviu um barulho; imaginando que o marido havia retornado por algum motivo, saiu do banheiro e deu de cara com o acusado, nu. Segundo relato da vítima, ele partiu para cima dela, tentando estuprá-la, mas ela reagiu e entrou em luta corporal com ele.

Em meio à confusão, a vítima passou a gritar por socorro, chamando a atenção dos vizinhos, que correram em auxílio, fazendo com que Manoel de Jesus fugisse em desabalada carreira. Entretanto, a Polícia Militar o localizou e o prendeu.

Ouvido pela Reportagem, Manoel de Jesus diz que nada disso aconteceu, que sequer encostou na jovem e que está sendo vítima de injustiça. “Mentira, mano, tá ligado?”, disse ele, contando que bebeu e depois foi para casa dormir, sendo surpreendido pela polícia com a acusação de tentativa de estupro. O rapaz, que não tem passagem pela polícia, afirma ser ajudante de pedreiro e afirma trabalhar em uma empreiteira da Vale.

Jesus, entretanto, foi reconhecido pela jovem, que, segundo seu pai, corre o risco de abortar pelo susto que passou. Na DP, a jovem estava muito nervosa, em companhia também do marido.

Assaltantes presos 

O trabalho do Sargento Adenilson e do Cabo Rabelo, entretanto, não parou por aí. Por volta das 11h30, também de hoje, o Disque-Denúncia foi informado de que uma dupla estava “metendo o bicho” pela cidade, assaltando quem aparecesse pela frente.

Com informações sobre as características da motocicleta roubada que os assaltantes conduziam (marca, cor e placa), e também da dupla, a equipe passou a fazer buscas. Jhony Silva dos Santos, 19 anos, e Giovanni Costa de Morais, 18, foram encontrados abastecendo em um posto de combustíveis da VS-10. Imediatamente, foi dada voz de prisão à dupla, que estava desarmada e não reagiu.

“Eles fazem parte de uma quadrilha. Nenhum cidadão, mulher ou criança pode andar com celular que eles roubam. Tem uma filmagem mostrando eles em ação, e três senhoras mais um rapaz já compareceram à delegacia e reconheceram os dois como assaltantes,” disse o policial.

Procurados pela Reportagem do Blog, na Delegacia de Polícia Civil, para que contassem sua versão, tanto Jhony quanto Giovanni preferiram ficar calados.

Na secura

Continua depois da publicidade

Os moradores do bairro da Paz, em Parauapebas, reclamam da pouca água que chega aquela localidade. Há mais de uma semana que não se vê o precioso líquido durante todo o dia, e, quando a noite chega, a água é liberada mas não tem pressão suficiente para chegar às caixas d’água, fazendo com que os moradores improvisem baldes e bacias para receber o sumido produto.

Segundo o prefeito Darci, foram investidos 17 milhões de reais na coleta, tratamento e distribuição de água em Parauapebas nos últimos três anos. Investimentos que não apresentam o retorno devido, visto que o bairro da Paz está na secura sem que nenhum representante da SAAEP dê nenhuma explicação. Um verdadeiro descaso com a população daquele bairro, que votou maciçamente no candidato petista nas últimas eleições municipais, talvez devido as promessas de campanha que afirmavam resolver a falta d’água do bairro rapidamente.

[ad code=2 align=center]