Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
natal

Jacundá: À espera do Papai Noel

Dezenas de cartas escritas por crianças e pré-adolescentes da cidade de Jacundá têm como destino a Residência Oficial do Papai Noel, que mora no Polo Norte.

É mais de uma centena, dentro de uma caixa, à espera do bom velhinho de barba branca e com sua vestimenta vermelha. Os funcionários da Agência dos Correios da cidade começam amanhã a entrega dos primeiros presentes.

Com a evolução tecnológica e as novidades do mercado, os pedidos ao bom velhinho também evoluem, mas tem aqueles pedidos que continuam em alta como uma boneca e um carrinho, no entanto, que a boneca exprima alguns sons ou que o carrinho seja movido a controle remoto. E nem sempre os pedidos são relacionados a brinquedos, tem de roupas a sandálias – que seja de alguma marca famosa – a equipamentos tecnológicos como tablets, smartphones de última geração e computadores.

Nessa reportagem vamos omitir os endereços. É o caso da garota de 9 anos idade, identificada por Mariana que pediu uma bicicleta. Daniele, uma adolescente de 14 anos, optou por uma sandália. “Meus pais estão sem condições de comprar uma sandália e por isso peço ao Papai Noel”, diz a adolescente.

Renata de 11 anos relata o drama financeiro da família. Ela mora com a vó que está doente, tem outras irmãs e a mãe está desempregada e mora numa casa com telhado deteriorado. “Eu gostaria de ganhar um vestido muito bonito para passar a virada de Ano e o Natal”.

O gerente da unidade dos Correios de Jacundá, Rui Penalva, explica que neste ano os pedidos aumentaram. “E ficamos impossibilidade de andar pelo comércio a procura de padrinhos, o que afetou a coleta de brinquedos”. Mas isso não impede que qualquer pessoa vá à agência e encontre uma cartinha. “Tanto nós quanto o cliente (pessoa interessada em presentear) pode entregar o presente. Basta escolher uma das cartas”.

Os primeiros presentes serão entregues durante o dia de amanhã, sexta-feira, pelos servidores da agência. Esse prazo será estendido até semana que vem. Até lá, faça uma criança feliz.

error: Conteúdo protegido contra cópia!