Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Política

TRE do Pará discute a representação da mulher na política

O Programa de Estudos Eleitorais do TRE-Pa terá como tema: “Nós, Mulheres: Representação e Participação Política”

Segundo especialistas, o nível de participação de mulheres no Poder Legislativo é um indicador confiável do grau de amadurecimento das democracias: quanto mais postos o sexo feminino conquista na cúpula do governo, mais igualitário tende a ser aquele país ou, pelo menos, mais preocupados os governos estão em reduzir as diferenças entre homens e mulheres.

Segundo dados compilados pela Inter-Parliamentary Union uma associação dos legislativos nacionais de todo o mundo, no Brasil, pouco mais de 10% dos deputados federais são mulheres. Ocupamos o 154º lugar entre 193 países do ranking elaborado pela associação. O Sistema do Tribunal Superior Eleitoral, nas Eleições de 2016, apenas 13% dos cargos políticos foram ocupados por mulheres.

Pensando nisso, o TRE do Pará trouxe como tema para a edição de novembro do Programa de Estudos Eleitorais, “Nós, Mulheres: Representação e Participação Política” que terá como palestrante, a Dra.Eneida Desiree Salgado, Dra.Georgia Ferreira Martins Nunes, Dra.Juliana Rodrigues Freitas, Dra.Paula Bernardelli e Dr.Joelson Costa Dias.

O evento será, às 10h, no plenário do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA). Podem se inscrever estudantes, magistrados, advogados e público em geral, toda programação é gratuita e concede certificado com carga horária de 4 horas. Os participantes podem ainda se inscrever na modalidade remota, que permite participação via internet pelo portal do TRE-PA. Nesse caso para receber seu certificado o participante precisará encaminhar uma resenha da palestra assistida para o e-mail: estudoseleitorais@tre-pa.gov.br.

O Programa tem como objetivo contribuir para promoção da democracia, por meio da socialização de informações e conhecimentos sobre as regras que norteiam o processo eleitoral e a participação política dos cidadãos. Ele é realizado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará através da Escola Judiciária Eleitoral do Pará (EJE).

Conheça um pouco sobre os palestrantes:

Dra. Eneida Desiree Salgado, Mestre e Doutora em Direito do Estado, com estágio de pós-doutoramento na Universidade Nacional Autónoma de México. Professora de Direito Constitucional e Eleitoral na Universidade Federal do Paraná. Pesquisadora e vice-líder no Núcleo de Investigações Constitucionais. Consultora Eleitoral.

Dra. Georgia Ferreira Martins Nunes, Procuradora-Geral do Município de Teresina. Professora e palestrante. Mestre em Direito Público pela Universidade Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS/RS. Especialista em Direito Público, em Direito Privado e em Direito Eleitoral pela Universidade Federal do Piauí – UFPI. Coordenadora-Geral da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político – ABRADEP (2017/2018). Diretora Tesoureira da OAB/PI (2013/2015). Coordenadora e professora dos cursos de Pós-Graduação lato sensu em Direito Eleitoral da ESA/PI e da Escola Nacional da Advocacia, Conselho Federal da OAB / UNISC (Ensino a Distância). Professora-convidada da Escola Judiciaria Eleitoral do TRE/PE; da Escola Judiciaria Eleitoral do TRE/PR; da Universidade Positivo(PR); da Escola do Legislativo do Piauí (ALEPI) e da Escola de Contas do TCE/PI Presidente da Comissão Estadual da Mulher Advogada da OAB/PI (2013/2015). Vice-Presidente da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Juridica – ABMCJ – Seção Piauí (2013/2014). Membro da Comissão Nacional de Legislação do Conselho Federal da OAB (2010/2012). Secretária-Executiva da Secretaria Municipal de Governo de Teresina (2009/2010). Co-autora dos livros: Justiça Eleitoral, Controle das Eleições e Soberania Popular. Curitiba: Ithala, 2016; e Estado Contemporâneo: Direitos Humanos, Democracia, Jurisdição e Decisão. Curitiba: Juruá, 2014.

Dra. Juliana Rodrigues Freitas, Doutora em Direito Público UFPa/ Universitá di Pisa. Mestre em Direitos Humanos UFPA. Especialista em Direito Municipal UFPA. Professora Universitária. Advogada e Consultora Eleitoral.

Dra. Paula Bernardelli, Advogada eleitoralista. Pesquisadora do grupo Política por/de/para Mulheres (UFPR/UERJ). Membro da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP). Membro da Comissão Permanente de Direito Político e Eleitoral do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP).

Dr.Joelson Costa Dias, Advogado, sócio do escritório Barbosa e Dias Advogados Associados, Brasília-DF. Ex-Ministro Substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Mestre em Direito pela Universidade de Harvard. Vice-Presidente da Comissão Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Conselho Federal da OAB. Foi Procurador da Fazenda Nacional e servidor concursado do Tribunal Superior Eleitoral e da Câmara Legislativa do Distrito Federal. É membro fundador da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (ABRADEP).

Gestão

Pará vai sediar Encontro Nacional do IRB, em novembro

O Encontro Nacional Região Norte 2017, que abordará o tema “Os Desafios da Gestão da Saúde na Amazônia Legal”, tem a parceria entre o TCM-PA e TCE-PA.

O Estado do Pará vai sediar, nos dias 9 e 10 de novembro próximo, um dos Encontros Nacionais do Instituto Rui Barbosa (IRB). O Encontro Nacional Região Norte 2017, que abordará o tema “Os Desafios da Gestão da Saúde na Amazônia Legal”, tem a parceria entre o Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará (TCM-PA) e Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA). Os dois dias de atividades ocorrerão na sede do TCM-PA, no bairro do Telégrafo, em Belém.

Palestrantes de várias regiões brasileiras e de outros órgãos virão à capital paraense para discutir questões sobre a saúde, como o SUS, fortalecimento da atenção básica e a transparência na compra de medicamentos. Segundo o presidente do TCM-PA, conselheiro Daniel Lavareda, esses encontros realizados pelo IRB buscam a capacitação e o aprofundamento em temas especializados e inerentes à matéria relativa ao controle, visando ao aperfeiçoamento de membros e servidores dos Tribunais de Contas brasileiros.

O Instituto Rui Barbosa oferece capacitação por meio do planejamento e execução de Encontros Nacionais, em cada uma das cinco regiões do País, com posterior divulgação e disseminação do conhecimento por meio do portal eletrônico do IRB.

As inscrições são gratuitas e online através do link https://libano.tce.mg.gov.br/eeventos/encontronacionaldoirb/3479

ENCONTRO NACIONAL REGIÃO NORTE 2017 – “OS DESAFIOS DA GESTÃO DA SAÚDE NA AMAZÔNIA LEGAL”

LOCAL: TCM/PA – Tv. Magno de Araújo, 474, Telégrafo, Belém – PA

PERÍODO: 09 e 10/11/2017

DIA 09/11/2017 – QUINTA-FEIRA – 8h – 9h

Credenciamento – 9h – 9h30

Abertura do Encontro – 09h30 – 11h

Palestra “ Sistema Único de Saúde e Financiamento”, com Charles Cezar Tocantins de Souza, Vice-Presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – CONASEMS.

11h – 12h30

Painel: Monitoramento e Disseminação de Indicadores de Saúde: Lançamento do Boletim da Saúde do Estado do Pará. Painelista: Prof. Dr. Eduardo José Monteiro da Costa, Diretor Presidente Fundação Amazônia de Amparo e Estudos e Pesquisas

12h30 – 14h30 – Intervalo para o almoço

14h30 – 16h30

Palestra – “Fortalecimento de Atenção à Saúde – Programas do Ministério da Saúde”, com João Salame Neto, Diretor do Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde.

16:00h – 16:30h – Intervalo

16h30 – 18:00h – Palestra – “A gestão hospitalar com foco na eficiência e na humanização”, com Milene Teixeira da Silva Ferreira, Auditora de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado do Pará, Controladora da CPP

Dia 10/11/2017 – Sexta-feira

9h – 10h

Palestra: “O Melhor Remédio é a Transparência: Controle social de medicamentos no Estado do Pará”, com Ivan Silveira da Costa, Presidente do Observatório Social de Belém.

Intervalo

10h30 – 12:00h

Palestra – “Judicialização da Saúde”,  com o Conselheiro Sebastião Helvécio, Presidente do Instituto Rui Barbosa e Conselheiro do TCE-MG.

12h – 12h30

Encerramento

Turismo

Feira Internacional de Turismo da Amazônia (FITA) será em setembro com nova formatação

A FITA 2017 terá também a Mostra Gastronômica do Pará e a Oca do Conhecimento, com apresentação de iguarias e produtos gourmet presentes nos territórios de rotas de turismo e gastronomia.

Com um formato renovado e que promete maior interação com o público consumidor, a Feira Internacional de Turismo da Amazônia (FITA) 2017 já tem data definida para ser realizado este ano. Entre os dias 21 e 24 de setembro, de 17 às 22 horas, no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, a FITA reunirá a exposição de produtos e serviços de empresas de turismo e gastronomia, a Vitrine Cultural com produtos do arranjo produtivo local do programa Alimentação Fora do Lar e produção associada das rotas turísticas (Belém-Bragança, do Queijo do Marajó, do Cacau e Chocolate, do Vale do Xingu), espaço destinado ao Passaporte Pará para comercialização de destinos, rotas, roteiros e produtos turísticos do Estado, além de apresentações culturais de artistas dos seis polos de turismo paraense: Belém, Amazônia Atlântica, Araguaia Tocantins, Marajó, Tapajós e Xingu.

Entre as principais novidades pensadas e elaboradas pelo corpo técnico da Secretaria de Estado de Turismo, a fim de modernizar a feira e de colocar o evento em nova era e no mesmo patamar das mais importantes feiras de turismo nacionais, a renovada FITA terá também a Mostra Gastronômica do Pará e a Oca do Conhecimento. A Mostra terá apresentação de iguarias e produtos gourmet presentes nos territórios de rotas de turismo e gastronomia.

Já a Oca do Conhecimento promoverá eventos técnicos como seminários, fóruns, convenções, workshops e palestras, entre eles a Convenção dos Turismólogos, Seminário de Cooperação Pan-Amazônica para desenvolvimento do turismo e gastronomia, Oficina Culinária de Embutidos e Defumados, reunião do Fórum Técnico de Indicação Geográfica e Marcas Coletivas do Estado do Pará, workshop de inovação em Design Thinking, cases de sucesso da atividade turística, entre outros, envolvendo empresários do trade, profissionais do setor e gestores públicos, trocando experiências e conhecimentos para desenvolvimento da atividade turística paraense.

Ir até o consumidor final é o objetivo principal da nova FITA, fugindo dos modelos tradicionais para criar um ambiente atrativo e de interação entre público e quem vende, seja produtos, serviços ou conhecimento. “É o que pretendemos para a Feira Internacional de Turismo da Amazônia (FITA) em sua próxima e renovada versão. Mais do que conquistar, é preciso encantar o consumidor”, afirma o secretário de Estado de Turismo, Adenauer Góes.

Feiras tem a capacidade de mobilizar e promover uma grande circulação de pessoas e com isso gerar receita para praticamente todas as atividades transversais do turismo, como as redes de hotéis e restaurantes, agentes de viagens, transportadoras turísticas, companhias aéreas, centros de convenções, logística, etc. Um estudo do Sebrae, de 2013, o II Dimensionamento Econômico da Indústria de Eventos no Brasil revela que o setor movimentou R$ 209,2 bilhões, o que representa uma participação de 4,32% do PIB do Brasil.

Seminários Regionais – Para promover a FITA e mobilizar os atores envolvidos com a cadeia produtiva da atividade turística, a Setur está realizando Seminários Regionais para a apresentação do projeto FITA 2017 nos seis polos de turismo do Estado, com a parceria da Faciapa e associações comerciais locais. O primeiro seminário foi no último dia 13 deste mês, em Soure, no polo Marajó. Nesta segunda-feira (19), ocorre o segundo em Salinópolis, no Hotel Solar, cidade do polo Amazônia Atlântica. Já na próxima quarta-feira (21) quem recebe o evento de mobilização é o Tapajós, no auditório da Associação Comercial de Santarém.

“Todo esse trabalho que vem sendo desenvolvido pelas gestões públicas, quer do Estado quer seja dos municípios, e pelo empresariado, será mostrado muito brevemente na FITA. É importante que os polos turísticos possam se preparar para participar deste evento, estão todos sendo convidados, para que o Pará possa ver na realidade de uma forma bem objetiva tudo que é oferecido na economia do turismo”, conclui Adenauer Góes.

Saúde

Semana de enfermagem é realizada por profissionais do ramo, em Parauapebas

De acordo com Leonice de Oliveira, “a organização do evento pretende obter, como resultados esperados, a promoção do conhecimento, a motivação e o empenho dos profissionais de saúde no cuidado com a saúde da população”.

Em 12 de maio se comemora o Dia Internacional da Enfermagem e dia 20 do mesmo mês o Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem, em alusão às datas, o Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Pará (Senpa) e a Associação de Enfermeiros de Parauapebas (AEP) realizam a XV Semana da Enfermagem, com o tema “A enfermagem na linha de frente, transformando o cuidado”.

A abertura oficial do evento ocorreu nesta sexta-feira (12), no Ceup, com a presença de diversas autoridades, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, além de acadêmicos dos cursos relacionados à área. “Há 25 anos cheguei aqui em Parauapebas, recém formada na época aprendi muito com os técnicos de enfermagem que já atuavam há muito tempo na saúde. Parte do nosso trabalho, na enfermagem é feito na base do improviso, mas é isso que sustenta a vida dos nossos pacientes”, disse a enfermeira Nilcelha Pantoja, que participou da composição da mesa de abertura do evento.

A presidente da AEP, Leonice de Oliveira, agradeceu o apoio de toda a equipe que esteve empenhada na organização do evento e destacou os sacrifícios pessoais que os profissionais da enfermagem precisam fazer por conta do trabalho. “Muitas vezes saímos de nossas casas para um turno de 12 horas mas a gente acaba dobrando, deixando nossos familiares preocupados”.

O vereador Marcelo Parcerinho, que é presidente da Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara de Vereadores, que durante o evento representou o presidente da casa de leis, elogiou os profissionais.  “Vocês são os verdadeiros guerreiros da saúde. Aqueles com quem a população tem o primeiro contato. Mesmo com falta de insumos e condições de trabalho, vocês estão lá, cuidando do paciente”.

O vereador também chamou a atenção do secretário de saúde, presente no evento, para a contratação de vários profissionais de enfermagem que atuaram durante anos no Hospital Municipal e hoje estão desempregados. O titular da saúde, Francisco Cordeiro, por sua vez, disse: “a maior evolução que teremos no hospital será quando conseguirmos trazer esses profissionais de volta”.O deputado estadual Gesmar Costa também prestigiou o evento. “Vocês escolheram uma das coisas mais difíceis, cuidar das pessoas, principalmente quando elas estão doentes. A enfermagem é um sacerdócio, parabéns pelo empenho de cada um em fazer o melhor no atendimento em saúde”, disse o deputado.

A programação de abertura da semana de enfermagem foi concluída com a palestra da enfermeira Dathilane Mergulhão sobre o tema principal. O desenvolvimento de multitarefas. As principais habilidades dos profissionais da área, assim como seus desafios, foram abordados brilhantemente pela profissional que tem vários especializações e larga experiência na saúde pública.

Programação

Dia 17/05, às 19h, no auditório do CEUP, a Jornalista Karine Gomes irá palestrar sobre Ética e Comunicação nas relações interpessoais.

O tema: Câncer de Cérebro será desenvolvido pelo palestrante Rodolfo Amoury Júnior, médico oncologista, dia 18/05, com início às 19h, também no CEUP.

Passeio ciclístico, atividades humanitárias e culturais irão movimentar a Semana.

A programação encerrará dia 20/05 com atividades recreativas.

De acordo com Leonice de Oliveira, “a organização do evento pretende obter, como resultados esperados, a promoção do conhecimento, a motivação e o empenho dos profissionais de saúde no cuidado com a saúde da população”.

Eventos

Núcleo de Articulação e Cidadania realiza encontro com integrantes do terceiro setor em Marabá

A diretora geral do NAC, Daniele Khayat, e o secretário Extraordinário de Estado de Integração de Políticas Sociais, Heitor Pinheiro, participam do evento.

Nos dias 11 e 12 de maio, o Núcleo de Articulação e Cidadania (NAC), realiza, em Marabá, o “Encontro do Plano Existir” e o “II Encontro: Desafios para o Terceiro Setor – Região de Carajás”. O evento do Existir vai ocorrer a partir das 8h30 de quinta-feira, 11, no auditório da Secretaria Municipal de Educação de Marabá com o objetivo de conhecer e implementar a rede de atenção à pessoa com deficiência no município. A diretora geral do NAC, Daniele Khayat, e o secretário Extraordinário de Estado de Integração de Políticas Sociais, Heitor Pinheiro, participam do evento.

Haverá também uma mesa redonda com o tema “Os desafios para as políticas de atendimento à pessoa com deficiência”, com a participação da secretária adjunta da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Heloisa Guimarães, e a professora doutora da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), Lucélia Cardoso Cavalcante Rabelo. Em seguida a coordenadora do Comitê Gestor do Plano Existir, Meive Piacesi, fará a formação da rede de atenção à pessoa com deficiência de Marabá, encerrando o evento.

Ainda no dia 11, a partir das 13 horas, no plenário da Câmara de Marabá, iniciará o credenciamento para o “II Encontro: Desafios para o Terceiro Setor – Região de Carajás”. A abertura do evento será às 14 horas com o painel “Pará Sustentável – Um modelo de desenvolvimento para o Estado” com o secretário Heitor Pinheiro, que vai falar sobre sustentabilidade, parceria e governança compartilhada, e a coordenadora da diretoria de projetos estratégicos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), Marjorie Moriya, sobre o projeto Pará 2030, planejamento estratégico desenvolvido pelo governo estadual para melhorar a economia paraense.

Às 16h acontecerá a palestra “Desafios e Perspectivas para o Terceiro Setor”, com Nailton Cazumbá, que é especialista em contabilidade para Organizações do Terceiro Setor, e em Auditoria e Controladoria. Ele também é professor em cursos de pós-graduação. coordenador da Comissão do Terceiro Setor do Conselho Regional de Contabilidade da Bahia e colunista no portal Nossa Causa.

Já na sexta-feira, 12, a programação inicia às 8h30 com a palestra “Comentários sobre a Regulamentação Estadual da Lei nº 13.019/14” com o auditor geral do Estado, Paulo Amoras. Em seguida inicia o mini-curso “Lei 13.019/2014 e suas Alterações na Relação entre o Poder Público e Organizações da Sociedade Civil”, com José Alberto Tozzi, Mestre em Administração com foco no Terceiro Setor pela PUC SP. As inscrições para os dois eventos podem ser feitas no site: http://www.nac.pa.gov.br

Direitos

Polícia Civil promove palestras sobre direitos da mulher em Parauapebas

Delegada Ana Carolina Abreu, titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) foi quem ministrou as palestras

A Polícia Civil esteve presente em duas palestras realizadas neste final de semana em Parauapebas, em decorrência das comemorações pela semana alusiva ao Dia Internacional da Mulher. Com as temáticas sobre violência doméstica e aplicação da Lei Maria da Penha, a delegada Ana Carolina Abreu, titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) do município prestou informações e esclarecimentos ao público em geral, em especial estudantes, presentes na Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) e no Instituto Federal do Pará (IFPA), campus de Parauapebas.

O tema da palestra foi “Os Direitos da Mulher”. A DEAM de Parauapebas está presidindo uma extensa programação alusiva à Semana da Mulher desde o dia 3 deste mês, por meio de rodas de conversas com o tema “Coisa de Gênero”, voltadas às mulheres da comunidade e universitários.

No último dia 8, data do Dia Internacional da Mulher, a delegada coordenou um bate-papo com mulheres, na sede da DEAM para esclarecer dúvidas sobre a Lei Maria da Penha. Em outra palestra, realizada na sede da Faculdade Metropolitana, em Parauapebas, a titular da DEAM do município palestrou sobre violência de gênero, para alunos de Direito e Engenharia.

Belém recebe um dos maiores eventos do fisco do Brasil

Evento reunirá mais de mil auditores e fiscais das secretarias da Fazenda de todo o país. Entre os palestrantes estão nomes como o do historiador Leandro Karnal, do jornalista Luis Nassif e do diretor do BID, José Tostes Neto

Belém recebe, entre os dias 27 de novembro e 1º de dezembro, o 17º Congresso Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Conafisco), com o tema ‘Sonegação Fiscal é crime. Quem paga a conta é você’. Esse é o maior evento da categoria, promovido pela Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco) e pelo Sindicato dos Servidores do Fisco Estadual do Pará (Sindifisco-PA). A abertura será no dia 28, na sede da Assembleia Paraense, com a presença do doutor em História Social (USP), Leandro Karnal. Depois, a programação segue a partir do dia 29, no Hotel Princesa Louçã.

Os cinco dias do encontro incluem a realização de eventos esportivos, lançamento de livro, premiações e painéis de debate, com o objetivo de criar um espaço de diálogo, aprimorar a atuação dos profissionais do fisco e difundir a educação fiscal na sociedade. Para isso, foram chamadas personalidades de renome, como Karnal, que abre as atividades com a palestra Ética e Sonegação no Brasil atual; o jornalista Luis Nassif que irá abordar as Perspectivas Políticas Sociais e Econômicas do Brasil; o diretor do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), José Tostes, abordando o tema Sonegação Fiscal é Crime: suas modalidades e as medidas propostas para combatê-la; entre outros.

O Congresso Nacional do Fisco discutirá a relevância de se cumprir as leis fiscais e como elas são essenciais fontes de arrecadação e se transformam em investimentos em políticas públicas, e como a sonegação é, muitas vezes, desencadeadora de esquemas de corrupção no país. Portanto, o Congresso vem aprimorar a formação de auditores e de toda a categoria em prol de uma atuação ética. Além disso, traz temas como direito tributário, administração tributária, formação acadêmica e outras temáticas do fisco.

De acordo com o presidente da Fenafisco, Manoel Isidro dos Santos Neto, além de aperfeiçoar o trabalho dos profissionais da área, a importância do congresso reside em estimular que a categoria atue na educação fiscal da população, que haja o controle social sobre seus direitos e que estas temáticas sejam do entendimento de toda sociedade.

Na ocasião, ainda ocorrerá a premiação do concurso de monografias da Fenafisco que, pela primeira vez, foi conquistada por uma mulher, a paraense Líria Kédina Moraes, auditora fiscal de Receitas Estaduais do Pará,  com a tese de doutorado Dissonância da Autonomia Federativa Tributária: uma análise da tributação sobre a propriedade de embarcações e aeronaves. O encerramento também ocorre na Assembleia Paraense, com a posse da nova Diretoria e do Conselho Fiscal da Fenafisco.

Serviço
Programação completa:  http://www.conafisco.org.br/programacao/

17º Congresso Nacional do Fisco Estadual e Distrital

Data: de 27 de novembro a 1º de dezembro

Local: Hotel Princesa Louçã (Programação normal) e Assembleia Paraense (abertura e encerramento)

Horário: consultar a programação

Principais Palestrantes

Leandro Karnal

Doutor em História Social pela USP. É escritor e tem publicações sobre o ensino de História, História da América e História das Religiões. É comentarista do Jornal Cultura (TV Cultura, SP).

Luis Nassif 

Jornalista, formado pela Escola de Comunicação e Artes da USP. Diretor da Agência Dinheiro Vivo e comentarista econômico.  Autor dos livros: O Plano CruzadoO Jornalismo dos anos 90,Os Cabeças de Planilhas, entre outros.

José Tostes 

Graduado em Administração, é consultor do Fundo Monetário Internacional. Especialista Líder em Gestão Fiscal e Municipal do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Auditor Fiscal da Receita Federal e mestre em Fazenda Pública e Administração Tributária.

Senador Paulo Paim

Sindicalista. Atualmente, é Senador da República.

Pará

Gestão de pessoas no agronegócio será discutido em Redenção-PA

A Premix, empresa líder em nutrição animal, realiza no dia 20 de junho, em Redenção (PA), a palestra “Gestão de pessoas na empresa agropecuária: Como transformar um problema em time de alta performance”.  O evento faz parte da edição de 2016 do evento Ciclo de Diálogos Produtivos Premix@deValor. 

 Por Carla Layane
Antônio Chaker El-Memari Neto será o palestrante
 O zootecnista e mestre em produção animal Antônio Chaker El-Memari Neto será o palestrante e compartilhará junto aos pecuaristas técnicas eficazes para a identificação do perfil da equipe e seus pontos de desenvolvimento, além de levar informações práticas para que as pessoas possam desenvolver a si mesmas e a seu time dentro da fazenda.
Consta também na programação:
  • definição das características da gestão de pessoas na empresa agropecuária e seu impacto sobre o sistema de produção e rentabilidade;
  • os principais desafios para se atrair, selecionar e reter talentos no campo;
  • quais são os comportamentos dos líderes agropecuários na construção do time vencedor, além de debater os elementos com elevado impacto sobre o lucro da fazenda.
Serviço:
Palestra: “Gestão de pessoas na empresa agropecuária: Como transformar um problema em time de alta performance”.
Data: 20 de junho
Horário: 19h30
Local: Condomínio Terra Brasil
                                 
error: Conteúdo protegido contra cópia!