Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esporte

Parauapebas Futebol Clube tem novo presidente

"Uai" assumiu após a renúncia de Robervaldo Freitas

Apesar de o ato não ter tido a divulgação necessária, Robervaldo Vieira de Freitas renunciou ao cargo de presidente do Parauapebas Futebol Clube -PFC – no dia 28 de novembro passado alegando que o fez por falta de apoio para tocar o clube da forma como deve. Em seu lugar assumiu o vice-presidente, João Luiz Ribeiro, popularmente conhecido como “Uai”. “O Parauapebas é uma paixão que tenho, e para o qual sonho dias melhores”, disse Uai, afirmando que assumiu a presidência do clube pelo simples motivo da renúncia de Robervaldo, mas admitindo que sempre aguardou a oportunidade para assumir a agremiação esportiva.

Ainda de acordo com “Uai”, uma das principais motivações para a renúncia de Robervaldo foi a política.

Se depender de estrutura, agora o clube chegará no topo, pois “Uai” vem preparando nos últimos anos um excelente Centro de Treinamento onde o time poderá treinar e se preparar para os torneio. O local fica na margem esquerda da PA-275, sentido Curionópolis, próximo a Parauapebas. “Já estou arregaçando as mangas e buscando recursos para alavancar o clube, que deve pelo menos R$ 1 milhão entre direitos trabalhistas e dívidas no comércio como, por exemplo, restaurante e lojas de artigos esportivos.

Quanto a patrimônio do clube, “Uai” afirma não ter “recebido seque uma bola, camisa ou chuteira, quanto mais uma time”. Além disso, o clube está com as contas bancárias bloqueadas pela justiça. “Em resumo, do PFC só existe a diretoria da qual agora presido”.

Sobre o time, “Uai”informou que nos últimos anos o time é sempre montado de última na hora, às vésperas dos campeonatos, situação que em sua gestão será diferente. “Pretendo fazer uma “peneira” ainda nesse início de ano para encontrar talentos na região e assim formar a base do time. À essa base serão contratados apenas alguns jogadores mais experientes para completar o grupo.

A estrutura de treinamento do clube e ainda a assessoria de comunicação são indispensáveis, afirmou “Uai. “As pessoas só ficavam sabendo dos assuntos relativos ao clube se fossem ao estádio. Agora isso deve mudar, pois teremos uma assessoria de comunicação para levar as notícias do time”.

Os recursos para manutenção do clube e toda sua estrutura o presidente diz que buscará principalmente no poder público e nos empresários que devem anunciar no uniforme do time.

Quanto a dívida trabalhista (R$ 600 mil), “Uai” diz que pretende reduzí-la e saná-la pela força de negociação. Para o presidente, o regate da credibilidade e da identidade do clube é o ponto principal a ser trabalhado para que o torcedor volte ao estádio para prestigiar o clube.

UAI tem garantido apenas o restante do mandato deixado por Robervaldo, mas este se encerra em julho deste ano, período em que diz pretender trabalhar para sua reeleição e concluir seus projetos para o clube. “Conto com a ajuda do torcedor, dos empresários, da imprensa e do governo municipal – parceiros indispensáveis para o bom andamento de nossos projetos -, e com eles estou confiante que clube Parauapebas Futebol Clube voltará com tudo a divulgar de forma benéfica o nome do município.

O PFC deverá disputar a 2ª Divisão do Campeonato Paraense de Futebol, programada para novembro. Todavia, o presidente quer que o clube participe dos campeonatos sub-17 e sub-20 para criar uma base forte visando a competição de novembro.

Nos bastidores da Federação Paraense de Futebol há rumores de que pretende-se antecipar a 2ª Divisão para maio. Para tanto a FPF espera apoio do governo do Estado. Conversas nesse sentido já foram iniciadas.

Com informações de Francesco Costa.

error: Content is protected !!