Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Religião

Cantata de Páscoa da Assembleia de Deus em Belém encanta e emociona o público

Cada nota a ser tocada e as cenas teatrais representadas foram planejadas e ensaiadas durante dois meses para refletir a mensagem da Páscoa com amor e tocar o coração das pessoas.

Por Mara Barcellos – de Belém

Com o tema “Cantata Pra Viver e Pra servir”, o Templo Central da Assembleia de Deus em Belém do Pará realizou na Semana Santa um grande espetáculo de Páscoa, que incluiu apresentação teatral e musical, acompanhada pela Orquestra Sinfônica da Igreja.

O evento é tradição na igreja e tem como objetivo apresentar em forma de canto e teatro a mensagem da morte e ressurreição de Jesus Cristo, retratando a maior história de amor do universo. O evento aconteceu nos dias 14 e 16 deste mês.

“Estamos aqui celebrando um ser que foi morto, crucificado e que vive entre nós. Ele perdoou nossos pecados num gesto sublime, demonstrando o seu amor por nós. E esse momento que estamos fazendo hoje é a expressão da nossa gratidão por tudo que Deus representa na nossa vida”, destacou o Pastor Samuel Câmara, presidente da Assembleia de Deus em Belém.

A Cantata deste ano teve a participação de mais de 80 coristas e mais de 60 músicos na Orquestra. No repertório, sete hinos foram escolhidos e executados para representar musicalmente o tema do evento.

“ O critério de escolha das canções é feito de acordo com o tema. O hino “Consumado” que foi tema da abertura do espetáculo representou que o plano de Deus foi consumado. E dessa forma, acredito que conseguimos emocionar o público, porque essa história nos ensina e nos emociona”, enfatizou, Marcos Matos, maestro.

Cada nota a ser tocada e as cenas teatrais representadas foram planejadas e ensaiadas durante dois meses para refletir a mensagem da Páscoa com amor e tocar o coração das pessoas.

Para o ator Elrik Lima, que interpretou Jesus na encenação, a experiência faz compreender o sentimento de servir. “ Um dos maiores aprendizados nessa mensagem é que Jesus nos ensina a servir e amar ao próximo com humildade. E nessa hora, o Espírito Santo nos faz entender o que é o amor verdadeiro”, destacou.

Mais de três mil pessoas estiveram presentes nas noites do espetáculo. Windson Marechal Junior é um dos espectadores que aprecia a Cantata de Páscoa da Assembleia de Deus há alguns anos e sempre se encanta com a apresentação. “ Este ano o espetáculo está mais bonito e mais organizado e todos estão de parabéns. As canções foram escolhidas para emocionar e elas tocaram o meu coração”, ressaltou. “Sempre participo da Cantata e esse ano está ainda mais linda. É um convite à reflexão da mensagem e dos ensinamentos que Jesus deixou para a humanidade”, disse, Mônica Neves de Oliveira.

Organizado pelas Missões com Adultos, Jovens, Adolescentes e Surdos, ao todo, 250 pessoas estiveram envolvidas na organização e apresentação do evento.

Páscoa

Mercado em Parauapebas oferta diversidade de ovos de Páscoa

Várias escolas procuraram interagir sobre o tema Páscoa com os alunos

Grandes, médios, pequenos, de marcas conhecidas ou novas no mercado, com brinquedos ou doces dentro ou simplesmente vazios, vendido em lojas de departamento, em supermercados ou por profissionais autônomos, produzido aqui na cidade ou vindo de Gramado, sem glúter, sem lactose, doce ou amargo, é grande a variedade de opções de ovos de páscoa no mercado em Parauapebas.

A Páscoa é uma época movimentada para o mercado. As grandes redes de varejo em Parauapebas encheram as prateleiras, mas até esta quinta-feira (13) ainda tinha muito chocolate disponível para a venda. “Nossa expectativa é vender pelo menos 90% do estoque até domingo, a maioria das pessoas deixa sempre para última hora”, disse uma caixa das lojas Americanas.

“É a primeira Páscoa que estou trabalhando com chocolate de colher. Fiz uma divulgação no Facebook, também com meus amigos e tenho muitas encomendas para sábado e domingo. Estou satisfeita com o retorno. E o bom de tudo isso é que consigo fazer tudo em casa. Meu marido vai me ajudar na entrega”, disse a autônoma, Fabíola Pontes.

Comemoração da Páscoa

A professora de ensino religioso, Michele Keilla Silva Costa aproveitou o momento para trabalhar a temática do voluntariado com seus alunos. “Com minhas turmas da Escola Josias Leão, a maior parte formada por adolescentes, eu consegui organizar os alunos do sexto ao nono ano para que eles próprios organizassem atividades para as crianças das turmas da manhã. Eles compraram balinhas, confeccionaram as lembrancinhas, fizeram pintura facial nas crianças, foi bem produtivo”, informou a professora.

Já na escola municipal Olga da Silva foi realizada na quarta-feira (12) a Páscoa Solidária a partir de um trabalho interdisciplinar iniciado pela professora Michele Keila, mas que contou também com o apoio dos demais professores. “Nós organizamos uma gincana com diversas atividades para os alunos, inclusive a arrecadação de alimentos para serem doados à famílias carentes da comunidade. Os professores se juntaram e fizeram cestas de bombons para dar à equipe campeã da gincana”, relatou a professora.

Nas contas da direção da escola foram arrecadas cerca de 50 cestas básicas que serão montadas a partir de segunda-feira (17) para serem distribuídas pelos próprios alunos. Algumas crianças desta escola também ganharam chocolates. “Nós estamos muito felizes por termos ganho esse ovo de Páscoa”, disseram as irmãs Ana Paula e Ana Alice, que são alunas da escola. “Fiquei muito feliz por elas terem ganho, eu e o pai delas estamos desempregados e com certeza não daria para comprar ovos de Páscoa”, disse a mãe das meninas.

Já algumas escolas particulares, que têm uma linha mais religiosa, comemoram a Páscoa de forma diferenciada. O símbolo é uma ovelha, em vez do tradicional coelhinho, e seus alunos recebem pão e suco de uva, em vez de ovos de Páscoa para ilustrar ainda mais o significado cristão para a Páscoa, que representa a época da morte e ressurreição de Jesus.

Parauapebas

Ovos de Páscoa caseiros são boas opções para o consumidor

Ovos de páscoa industrializadosA poucas semanas do domingo de páscoa, que será celebrado no dia 27 de março, consumidores já procuram por ovos de chocolate. Mas, este ano, em razão da situação econômica e dos altos preços nos produtos industrializados, os ovos caseiros devem conquistar cada vez mais consumidores.

Em Parauapebas, já prevendo uma demanda maior, uma empresa de doces lançou, inclusive, o curso para a produção de ovos de chocolate. A instrutora, Glaucia Acioly, disse que a ideia de oferecer o curso busca principalmente atender pessoas interessadas em aumentar a renda nesse período e que desejam confeccionar ovos de chocolate para a família.

“Cada turma tem entre 10 a 12 alunos. O curso custa R$ 50, e ensina a fazer ovos de páscoa simples, trufados, recheados, além de bombons diversos”, diz Glaucia, acrescentando que o objetivo é também fazer com que o aluno ganhe uma renda extra nesse período e em datas especiais, como o dia internacional da mulher, por exemplo. A turma terá início no dia 6 de março, com aulas práticas das 14h30 às 18 horas.

Preços

Ovos caseirosEm dois supermercados visitados na cidade, ovos de chocolate ao leite de marcas conhecidas estão sendo comercializados por mais de R$ 40 reais, no caso do produto de 350 gramas. Os com temas de desenhos animados e com brindes para a criançada não saem por menos de R$ 26, produto de 160 gramas.

Já os preços dos ovos de chocolate caseiros chegam a custar a metade do industrializado, o que é uma alternativa interessante para quem não pode gastar muito. “Já fiz um pedido de três ovos para uma amiga que produz há três anos. Vou gastar 60 reais. Cada ovo tem 300 gramas”, conta Maria da Silva, moradora do bairro Liberdade. 

Solidariedade: Médicos da Alegria arrecadam alimentos para doação na Páscoa

Divulgação (1)Seja um doador, seja um voluntário, com essa proposta o Instituto Médicos da Alegria realiza no próximo dia 26 de março, a Festa da Befana de Páscoa. O objetivo é despertar na comunidade a vontade se tornar um voluntário da solidariedade. O evento, realizado todos os anos, beneficia centenas de crianças carentes de Parauapebas.

Para a realização do evento, o Instituto Médicos da Alegria arrecada alimentos e também produtos de higiene pessoal (sabonetes, creme dental, shampoo, toalhas). Os produtos de higiene serão doados para os pacientes do Hospital Municipal de Parauapebas, onde a equipe realiza trabalha voluntário aos sábados.

“O evento é mais uma ação de solidariedade para as crianças do município, onde elas terão a oportunidade de participar de brincadeiras, assistir a peças teatrais, coreografias e aprender o evangelho de forma criativa. Estamos visitando alguns bairros para decidirmos quais comunidades serão beneficiadas”, explica a coordenadora do Instituto Médicos da Alegria, Ana Ferreira.

As doações podem ser entregues, horário comercial, na secretaria da Paróquia São Sebastião, localizada na Praça Mahatma Gandhi, bairro Cidade Nova. Mais informações pelos telefones 3346 – 3434/ 98105 – 0747 (Ana Paula) 99104 – 3419 (Lucivone).

Ação solidária denominada Festa da Befana já beneficiou cerca de 1.230 crianças nos bairros dos Minérios, Tropical I, Palmares I, Liberdade I e Céu Azul com a distribuição de brinquedos, roupas, lanches e cestas básicas.

Conto de Páscoa

Sentado na beira da calçada , com um ovo de chocolate pequenino nas mãos , olhar sério , aquele menino se pôs a imaginar. Havia muitas coisas que ele não entendia, por mais que tentasse.

Durante a semana toda, na escola, na rua , em casa , em todos os lugares só se ouvia falar de Páscoa, coelhinho e ovos de chocolate. A professora até colocou Jesus no meio da história, mas só aumentou a sua confusão; ele não conseguia organizar o pensamento. Jesus não é aquele que nasceu no Natal? Faz tão pouquinho tempo, e ele já morreu??!!

Não, decididamente ele não entendia nada .

Não sabia exatamente o que uma coisa tinha a ver com a outra. Afinal de contas, por que comemorar, se Jesus morreu? Por que os ovos são de chocolate? E o coelho, o que ele faz nessa história?

Complicaaadooo!!!! Separava somente as coisas que entendia, e sabia o que era.

Entendia que estava esperando ganhar um ovo bem grande, daqueles que tinha visto na televisão, embrulhado num papel brilhante e com um laço de fita vermelha, que não veio, e ele sabia por quê: o dinheiro não deu. Ele sabia. Nem seu pai e nem sua mãe tinham prometido dar-lhe um ovo de páscoa; e ele sabia, também, que o coelhinho não o trazia para ninguém.

Então, como é que ele poderia satisfazer a sua vontade de comer chocolate? Como ia passar o domingo de páscoa sem comer ovo de páscoa? E a ideia veio assim, de repente!!! Por que não???

Foi até o primeiro semáforo daquela movimentada avenida e, quando o sinal ficava vermelho ele se lançava entre os carros e ia pedindo:

“Moço, dá um ovo de páscoa pra mim?”

“Senhor, poderia me dar um ovo de páscoa?”

“Moça , dá um ovo de chocolate pra mim?”

Assim, ia pedindo e ouvindo as mais esfarrapadas respostas, quando alguém respondia.

Até que, enfim, parou um carro velho, todo manchado de ferrugem. Dentro, um homem com cara de bravo … Ele tomou coragem, foi até lá e arriscou o mesmo pedido:

“Moço , eu quero um ovo de páscoa” .

E qual não foi sua surpresa quando aquele homem pegou, no banco do passageiro, um embrulhinho e lhe estendeu pelo vidro.

“Brigado, moço!!!” E saiu em disparada.

De volta à sua calçada, ele olhou o ovinho e sorriu feliz. Afinal, agora ele comemoraria a Páscoa.

Páscoa significa renascimento, renascer.

Desejo que neste dia, em que nós cristãos, comemoremos o seu renascimento para a vida eterna, possamos renascer também em nossos corações. Que neste momento tão especial de reflexão possamos lembrar daqueles que estão aflitos e sem esperanças. Possamos fazer uma prece por aqueles que já não o fazem mais, porque perderam a fé em um novo recomeçar, pois esqueceram que a vida e um eterno ressurgir.

IBEDEC – cuidados na compra de Ovos de Páscoa

Páscoa O IBEDEC – Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo – dá algumas dicas para o consumidor na compra dos ovos de páscoa:

Antes da compra de ovos, trufas e bombons de fabricação caseira, aconselha-se a fazer uma degustação do chocolate que será utilizado, analisar a higiene do local de fabricação. Os fornecedores de produtos caseiros devem seguir as regras dos produtos industrializados.

Para os ovos de páscoa industrializados é necessário que seja feito à pesquisa de preço, pois a variação pode ser significativa. Não é recomendado deixar para a última hora, o consumidor tem que aproveitar as variedades.

Levar crianças para a compra pode significar um custo maior no orçamento do que o previsto, elas se deixam levar pela embalagem mais atrativa. O consumidor deve ter cautela aos ovos que contém brinquedos dentro, sempre verificar se tem o selo do INMETRO e para qual idade os brinquedos são recomendados.

Nas promoções finais, com ovos quebrados, o consumidor deve analisar se realmente existe o desconto comparando o preço da promoção com um produto sem promoção.

O IBEDEC ainda alerta que hoje em dia já é comum encontrar ovos recheados com brinquedos, jóias e outros presentes. Quando o ovo é ofertado com outro produto dentro, ambos estão abrangidos pela proteção do Código de Defesa do Consumidor e ambos devem preencher todas as características de qualidade e segurança.

Wilson Rascovit, presidente do IBEDEC – Seção Goiás, destaca que também que “a embalagem do produto deve se referir claramente ao peso líquido do chocolate, que não poderá levar em conta o brinquedo, e deverá destacar também a faixa etária para a qual se destina o brinquedo”.

Caso a embalagem não traga informações sobre o brinquedo incluído, não compre. O risco para as crianças é grande, principalmente porque a maioria contém peças pequenas e não se destina a crianças com menos de 03 anos.

Rascovit ainda alerta que “O fornecedor pode ser responsabilizado por qualquer acidente causado ao consumidor pelo brinquedo, caso descumpra o dever de informação sobre o produto ou caso o produto tenha qualquer vício de qualidade”.

Também é certo que o brinquedo descrito na embalagem integra o produto e caso o ovo venha vazio, sua falta pode configurar quebra de contrato. O brinquedo tem a mesma garantia do CDC – Código de Defesa do Consumidor para venda de produtos, que é de 30 dias para bens não-duráveis e 90 dias para bens duráveis.

ATENÇÃO REDOBRADA
Caso o brinquedo não seja entregue, o consumidor tem assegurado 3 opções:

– Exigir que se cumpra a oferta;
Receber um produto ou serviço equivalente;
Ou, Desistir da compra e ter o valor pago devolvido;

Em qualquer delas, o consumidor ainda pode pedir indenização pela frustração sofrida pela criança que ganhou aquele presente defeituoso ou que não veio, dependendo da análise do Juiz em cada caso.

Requisitos Básicos a serem analisados:

As condições da embalagem (verificar se não há sinal de violação do conteúdo); Condições de armazenamento; A data de fabricação e vencimento; Selo do INMETRO caso tenha brinquedo; Peso; Caso o ovo de páscoa seja importado, deve constar no rótulo a tradução em português; Exija Nota Fiscal (para resguardar o direito de troca ou possível reclamação).

Fonte: IBEDEC-GO – ibedec@ibedecgo.com.br

Skol lança ovo de Páscoa feito de cerveja

Chamado de “Redondinho”, chocolate estará à venda a partir de 27 de março.

Comunicação do novo produto será feita apenas por meio de redes sociais

A Skol entrou de cabeça no período de Páscoa e resolveu juntar cerveja e chocolate em um único produto. Desenvolvido em parceria com a chocolateria Folie, o “Redondinho”, como foi chamado o ovo de Páscoa da marca, é feito de chocolate trufado e tem Skol em seu recheio.

“Criamos um ovo feito com cerveja para presentear nossos fãs mais engajados e também daremos a oportunidade para aqueles que são apaixonados pela marca comprarem a novidade”, afirma Pedro de Sá Earp, diretor de marketing de Skol.

A página da cerveja no Facebook será a principal plataforma para comunicar o projeto, desenvolvido pela F/Nazca. A marca irá presentear aqueles que mais interagem com a Skol na web e também fará uma ação em que os fãs que se marcarem nas fotos postadas do ovo Skol no Facebook, receberão o kit em casa.

O ovo estará à venda a partir de 27 de março. Haverá também um mini engradado, com 6 unidades.