Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Breu Branco

Caso Diego do Alemão: Polícia diz ter imagens de atirador

Investigação segue apurando a execução e possibilidade de crime ter motivação política não é descartada

A Polícia Civil confirmou nesta quarta já possuir imagens do suspeito de tirar a vida de Diego Kolling, 34 anos, o “Diego do Alemão”, prefeito de Breu Branco, no sudeste paraense, morto com um tiro no dia anterior, terça (16). A informação foi repassada na entrevista coletiva concedida pelo secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), Jeannot Jansen, e a delegada adjunta de Polícia Civil, Christiane Ferreira, em Belém.

A delegada apontou que foram colhidas imagens ao longo da Rodovia PA-263, onde o prefeito pedalava quando foi atingido à altura do peito, por volta das 7h30, que mostram o suspeito em uma motocicleta. Ela afirmou acreditar que será dada resposta rápida para o caso e que já foram colhidos também depoimentos de testemunhas do crime.

O secretário de segurança, por sua vez, destacou que não há qualquer indício de que o prefeito tenha sofrido latrocínio, reforçou que a polícia trabalha com crime de execução e não descartou que o caso tenha motivação política. Os dois ressaltaram que a vítima tinha a imagem limpa, sem denúncias de envolvimento em atos ilícitos ou ameaças.

Diego Kolling, filiado ao PSD, pedalava acompanhado de dois colegas na rodovia que liga Tucuruí à Goianésia do Pará quando foi alvejado no peito. Ele chegou a ser socorrido à Unidade de Pronto Atendimento de Breu Branco, mas não resistiu ao ferimento. O corpo foi movido para o Instituto Médico Legal (IML) de Tucuruí, que determinou prazo de aproximadamente 15 dias para emissão do laudo trazendo o resultado da causa da morte.

A Segup determinou o deslocamento de guarnições da Ronda Tática Metropolitana (Rotam) de Tucuruí para Breu Branco e de uma equipe de policiais civis da Divisão de Homicídios (DH), de Belém, que está responsável pela investigação do crime. Diego do Alemão foi eleito com 10,916 votos (46.57%) pela coligação “Juntos Somos Mais Fortes”. O sepultamento do corpo do prefeito aconteceu na manhã de hoje, no município que administrava.

Violência

Prefeito de Breu Branco é assassinado com tiro no peito

Segup determina a imediata investigação da morte do prefeito de Breu Branco ocorrida na manhã desta terça-feira.

O prefeito de Breu Branco, Diego Kolling, o Diego do Alemão (PSD), foi assassinado com um disparo de arma de fogo que atingiu o lado esquerdo do peito nesta manhã. Ele pedalava na Rodovia PA-263 (Tucuruí-Goianésia) com um grupo de amigos, por volta das 7h30, quando foi alvejado.

Alemão chegou a ser socorrido à Unidade de Pronto Atendimento de Breu Branco, mas não resistiu ao ferimento. O corpo será removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Tucuruí, onde será submetido ao exame necroscópico.

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) informou que determinou o deslocamento, a partir da cidade de Tucuruí, de grupos de policiais militares da Ronda Tática Metropolitana (Rotam) para Breu Branco, a fim de reforçar o policiamento na cidade após a morte do prefeito, vítima de uma possível emboscada.

A secretaria determinou, ainda, o deslocamento de um helicóptero do Grupamento Aéreo para o município conduzindo uma equipe de policiais civis da Divisão de Homicídios (DH), que está responsável pelas investigações. O trabalho será coordenado pelo delegado Eduardo Rollo.

Diego do Alemão foi eleito com 10,916 votos (46.57%) pela coligação “Juntos Somos Mais Fortes”. Tinha 34 anos, era administrador, casado, sem filhos, e natural de Tucuruí. Foi eleito como vice o funcionário público Francisco Garcês da Costa (PEN), de 39 anos.

O direção Estadual do PSD encaminhou nota lamentando a morte de Diego Alemão. Diz a nota:

“O Partido Social Democrático do Estado do Pará – PSD/PA – manifesta seu profundo pesar e solidariza-se com os familiares e amigos do prefeito de Breu Branco, Diego Alemão, que foi covardemente assassinado esta manhã em mais um episódio lamentável da violência que tomou conta do Estado do Pará.  O Partido Social Democrático do Estado do Pará – PSD/PA – através de seus dirigentes, deputados federais, deputados estaduais e vereadores EXIGE do governo do Estado do Pará a imediata apuração e prisão dos responsáveis por essa abominável atrocidade”.

Vereadores

Discurso da Vereadora Joelma Leite (PSD) em Sessão Solene na CMP

"Tudo o que for para o crescimento de Parauapebas terá o meu voto" (Joelma Leite) .
Trabalhar com o objetivo de fomentar, incentivar e desenvolver novas matrizes econômicas para a geração de mais emprego e renda, e aprovar projetos que garantam a extensão da produção da agricultura familiar e a transformação de Parauapebas em pólo universitário. Assim foi pautado o discurso da vereadora Joelma Leite (PSD), durante a Sessão Solene de abertura do trabalhos legislativos de 2017 em Parauapebas,m que aconteceu ontem (15).
A vereadora Joelma Leite,  que é economista por formação, demonstrou sua preocupação, sobretudo, com o legado que as autoridades atuais devem deixar para as gerações que futuras, assim que a exploração de minério de ferro acabar. Confira os principais trechos de seu discurso:
Em primeiro lugar, quero agradecer a Deus a oportunidade de estar aqui falando para todos vocês. Estar vereadora da cidade em que cresci e que estabeleci minhas referências é com certeza uma honra. Cumprimento a mesa diretora desta casa, e desde já, desejo um mandato de paz, compromisso e muitas discussões produtivas. Cumprimento os colegas vereadores e as colegas vereadoras desejando um bom mandato a todos, com muita produção legislativa, em especial aquelas que possam melhorar a qualidade de vida das pessoas. Cumprimento também, a imprensa, que sempre se faz presente a essa casa. Cumprimento nossa tribuna de honra, agradecendo a todos pela presença. Uma saudação especial a todos os presentes na plenária.

Sempre, em começos de ciclos, a gente tende a refletir sobre o que passou e o que há de vir. E aqui não poderia ser diferente. Estamos iniciando um novo mandato, com novos e antigos atores e esperamos um novo enredo para resolver antigos e novos  problemas. Um deles, que grita em tom ensurdecedor é o desemprego. Infelizmente, já não somos aquela cidade que outrora atraía milhares de pessoas todos os dias e que conseguia absorver grande parte dessa mão de obra rapidamente.

Hoje, o nosso comércio já não tem aquela força que nos fazia crer que Parauapebas era realmente uma cidade diferenciada. E onde erramos? Porque estamos nessa situação? Porque o que mais temíamos aconteceu… Não, o minério ainda não acabou, mas a euforia da fase inicial passou. As expansões das minas pararam. Agora resta a exploração, cada vez mais mecanizada e menos carente de mão de obra.

E não adianta ficar chorando sobre o leite derramado, porque o problema não está por vir, ele já está aqui e como eu disse, gritando de forma ensurdecedora.

Esse, bem como outros problemas, serão nossos grandes desafios enquanto legisladores. Mais do que proteger e qualificar cada vez mais a mão de obra local, precisamos criar meios, a curto, médio e longo prazo para evitar que, o que era exceção antigamente, vire regra.

Neste sentido destaco algumas ações que podem vir a ser soluções, num primeiro momento paliativas, e outras de médio prazo, mais estruturantes.

Em 2015 foi aprovado nessa casa um Projeto de Lei que criava o Programa Gerar. Um programa de qualificação de mão de obra que fornecia uma ajuda de custo para que a pessoa pudesse desenvolver algumas atividades, enquanto se qualificava. Após muita polêmica, esse Projeto de Lei foi aprovado, mas nunca foi colocado em prática. Vejo o momento atual como oportuno para minimizar o sofrimento de muitos que perderam seus empregos, colocando esse programa em prática.

A médio prazo é preciso urgentemente pensar em explorar o potencial turístico local, pois essa é uma excelente fonte de renda para muitas cidades e também pode ser para Parauapebas, visto que fica aqui o Parque Nacional de Carajás. Mas é preciso criar condições para que isso aconteça. Criar e aprovar um plano municipal de turismo, qualificando a mão de obra local e fazendo com que as potencialidades locais se tornem conhecidas a nível nacional.

Hoje Parauapebas conta com um hospital de grande porte e um convênio com a Universidade Estadual do Pará. É preciso transformar Parauapebas em um pólo de formação universitária, pois isso gera renda para o município. Ainda mais se vier junto um curso de medicina, que aliado ao hospital já mencionado, pode tornar Parauapebas um centro médico tanto em formação de profissionais como em tratamento de pessoas, o que com certeza gera renda. Exemplos próximos são conhecidos, pois quantos de nós ou nosso familiares já foram fazer algum tipo de tratamento em Araguaína, no Estado do Tocantins, ou em Teresina, no Piauí? Ou quem não conhece alguém que também se formou em um desses lugares?

Não podemos, também, negligenciar nossa agricultura e pecuária. Qual é a nossa vocação? Como incrementar a produção e mesmo agregar valor a ela gerando trabalho e renda para nossos munícipes? Quero discutir aqui nesta casa e junto com os demais vereadores e vereadoras para aprovarmos um aumento nos valores praticados no Banco do Povo, bem como a ampliação de sua área de atuação. Para produzir é preciso gerar crédito, e Parauapebas já tem um Banco do Povo, é preciso apenas aumentar a potência.

Por fim, e talvez a mais dolorosa em se tratando de gestão pública, está passando da hora de criar uma Lei Complementar para regularizar a situação da CFEM. Isso inclui a criação de um fundo próprio, como prevê a Lei Orgânica Municipal, em seu artigo 75, como se fosse uma poupança compulsória para que o município esteja preparado em situações de emergência.

É sobre estas e outras questões que quero pautar minha atuação nesta casa, ressaltando que sempre serei a favor do que for bom para o município e seus munícipes, não importando de onde partiu a proposição.

Teremos muito trabalho e não podemos nos esquivar dele. Precisamos esquecer e aprender  com o passado e mirar no futuro.

Que sejamos de fato uma casa parlamentar, e não uma casa para lamentar. Muito obrigada!

Política

Segurança pública e educação serão prioridades neste primeiro momento do mandato do deputado estadual Gesmar Costa

Gesmar Costa afirmou estar à disposição do atual governo de Parauapebas para colaborar por Parauapebas

Nesta sexta-feira (13) o deputado estadual Gesmar Costa concedeu uma coletiva de imprensa para apresentar as prioridades do seu mandato e sua forma de atuação. Em seguida foi realizada uma confraternização com os parceiros de campanha pela conquista da cadeira da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa).

Muito contundente e objetivo nas respostas, Gesmar Costa disse que priorizará neste primeiro momento ações em busca de melhorias na segurança pública e na educação de nível médio, responsabilidades exclusivas do Estado. “Há disponibilidade do governo estadual para licitar a construção de uma delegacia no bairro Cidade Jardim. Falta só os processos burocráticos. Temos que aproveitar esse momento, pois em breve novos servidores da Polícia Civil serão convocados e teremos condições de ter um bom quadro aqui na cidade. Em relação à educação, na próxima terça-feira (17) teremos reunião para tratar das pautas dessa área com integrantes do governo estadual”, informou o deputado.

Com relação aos problemas nas áreas da saúde enfrentados no município de Parauapebas, que arca com serviços onerosos de alta complexidade, responsabilidade do governo estadual, o deputado informou que também será atuante, porém, precisa primeiramente conversar com o atual prefeito para entender qual será a dinâmica de trabalho no Hospital Geral de Parauapebas (HGP), se há interesse de regionalizar os serviços, para então poder contribuir com as articulações necessárias neste sentido.

Quando questionado sobre como será sua relação com o atual gestor de Parauapebas, Gesmar Costa disse que o mandato estará à disposição do governo municipal para que melhorias sejam realizadas no município. Destacou, por exemplo, que irá atuar no resgate de incrementos de receita a partir do ICMS.

“Por conta de mudanças realizadas pelo governo estadual nas alíquotas do ICMS, Parauapebas perdeu muito na receita de ICMS. O ex-prefeito Valmir Mariano ajuizou uma ação contra o Estado e por meio dela o município deverá receber R$ 270 milhões referentes às perdas desse imposto. Estamos acompanhando de perto esse processo e em conversa com o governador sobre o assunto”, adiantou Gesmar Costa.

Ao finalizar a coletiva, Gesmar Costa falou sobre a necessidade que o PSD tem de repaginação e o fortalecimento do partido nas últimas eleições. “Nós quase fizemos o prefeito aqui em Parauapebas e conseguimos eleger dois vereadores. Sem dúvida saímos fortalecidos das eleições. Em breve faremos uma visita aos 15 municípios dessa região para verificar como estão os serviços do estado nessas localidades e também como está a atuação do PSD. Creio que o nosso partido será um dos mais fortes da região”, concluiu o deputado.

Parauapebas

Convenção 2016 em Parauapebas: PSD

A Convenção do Partido Social Democrata – PSD – em Parauapebas contou com milhares de pessoas. Nela ficou decidido que a chapa majoritária será formada pelo atual prefeito Valmir Queiroz Mariano e pelo empresário João José Trindade (foto), do PDT. Mais conhecido como João do Verdurão, o empresário nunca disputou uma eleição, faz sua estreia na política já como candidato a vice de Valmir Mariano. O PSD está fechado com PSC, PDT, PPL, PMN e PSDB na majoritária.

Parauapebas

Evento de lançamento da pré-candidatura de Valmir Mariano à prefeitura de Parauapebas bate recorde de público

Na noite dessa sexta-feira (20) uma multidão esteve do Colégio Amazon para prestigiar o evento de lançamento das pré-candidaturas de Valmir Mariano e vereadores do PSD em Parauapebas. Pelo menos, 7 mil pessoas lotaram o ginásio da escola que ficou pequeno pra tanta gente. “Nunca vi um evento político com tanta gente em nenhuma pré-campanha, em todas as eleições”, comentou nas redes sociais o jornalista e empresário Genésio Filho.

Rapidamente, imagens da reunião do PSD se espalharam pelas redes sociais instigando mais pessoas a participarem da festa. O número de presentes foi tão alto que a Rua Santarém, no Bairro Maranhão, foi tomada por centenas de pessoas que não puderam entrar no ginásio. “Viemos porque queremos demonstrar nosso apoio a Valmir e que as melhorias continuem em Parauapebas”, disse o motorista Elenildo Silva Chaves.

Para o líder do PSD, essa foi a resposta que a população de Parauapebas deu à oposição que ignora a mudança que o atual governo trouxe ao município. “Vi que o lançamento da minha pré-campanha a prefeito de Parauapebas era o passo que o povo de nossa cidade esperava e, por essa razão, iremos mais uma vez realizar essa caminhada e continuar o desenvolvimento de Parauapebas”, garantiu Valmir Mariano.

Valmir Mariano afirmou ainda que tem certeza de que um governo tem seu valor reconhecido pelo trabalho, e trabalhos realizados não faltam para atestar sua capacidade de governar em prol do desenvolvimento e da melhoria de vida da população de Parauapebas.

O estudante Alessandro Lima tem certeza de quem não quer como prefeito de Parauapebas em 2017. “Não quero mais escolas de madeira com telhados de brasilit para os meus filhos, nem postos de saúde caindo aos pedaços e sem médicos. Quero um prefeito que fique aqui em Parauapebas e veja nossas necessidades, e não no conforto de outro estado como outros que já passaram por lá”, justifica Alessandro, que participou ativamente de todo o evento em apoio a Valmir Mariano.

O pré-candidato a prefeito afirmou em sua fala que seus adversários, que saíram de Parauapebas e agora retornaram para tentar o cargo de prefeito, aqueles que aqui moram ou de municípios vizinhos que tentarão se aventurar na campanha usando veículos de comunicação próprios à seu favor, ignorando a má administração de sua própria cidade, se sentem incomodados com suas realizações e tentam denegrir sua imagem.

“Por incompetência e falta de coragem eles me atacam e tentam sujar minha imagem com os cidadãos. Por que não foram capazes de resolver problemas que eu consegui em apenas três anos eles espalham mentiras sobre mim. Compare os oito anos anteriores à minha gestão pelos três que estou à frente do executivo. Entrego meu mandato se eu tiver feito menos”, desafiou Valmir Mariano.

O atual prefeito finalizando dizendo que não faz promessas com outros candidatos, e sim assume compromissos com a população. “Irei trazer o campus da Universidade Estadual do Pará e o curso de Medicina pra cá e antes de terminar o meu primeiro mandato Parauapebas terá finalmente o Novo Hospital Municipal”, declarou.

Texto: Assessoria PSD
Fotos: Assessoria PSD e Chocopeba

Pará

Eleições 2014: Diap divulga os favoritos no Pará para a Câmara Federal

Diap – Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar – Divulga levantamento das candidaturas competitivas para as 17 vagas do Estado do Pará.

Veja abaixo as coligações formadas, o prognóstico de eleição por partido e a relação nominal dos candidatos com chance na disputa eleitoral de 2014.

Coligações: União pelo Pará (PSDB/PSD/PSB/PP/PSC/PTB/PPS/PTdoB/PTC); Defendendo o Pará

(PR/DEM/PHS/Pros/PCdoB/PSL/PDT/PPL); Todos pelo Pará II (PMDB/PT); A Força da nossa gente

(PRB/SD); Avança Pará (PMN/PRP/PEN); Frente de esquerda – mudança pra valer


Nova Imagem

Parauapebas

Gesmar confirma candidatura e Parauapebas se destaca na convenção estadual do PSD

 A convenção estadual do PSD, realizada em Belém na segunda-feira (30), contou com a presença de pré-candidatos e lideranças de todo o Pará, mas o destaque ficou mesmo com Parauapebas. A militância do partido fez uma grande festa para celebrar a confirmação da candidatura a deputado estadual do ex-gestor do SAAEP, Gesmar Costa, que recebeu várias declarações de apoio, inclusive do prefeito de Parauapebas, Valmir Mariano.

Reforçaram a comitiva de Parauapebas lideranças políticas dos municípios de Curionópolis, São João do Araguaia, Canaã dos Carajás, Itupiranga e Eldorado dos Carajás.  Gesmar agradeceu o apoio de todos e reafirmou o compromisso de defender os interesses da região, entre eles a criação do Estado do Carajás. “Toda a região sul e sudeste pode ter certeza, o sonho não acabou, vamos continuar lutando pela criação do Estado”, garantiu.

O prefeito de Parauapebas – e presidente municipal do PSD -, Valmir Mariano, convocou os filiados e militantes a aderirem à candidatura de Gesmar a deputado estadual. “Precisamos eleger candidatos do PSD, precisamos eleger o Gesmar a deputado estadual, precisamos de um deputado preparado para defender o nosso projeto de desenvolvimento para todo o Pará”, discursou.

Na convenção, foram confirmados o apoio do PSD à candidatura de Simão Jatene à reeleição para o Governo do Estado e a de Helenilson Pontes ao Senado Federal.