Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Política

Vereadores conquistam benefícios para Jacundá

“Não podemos permitir mais nem um dia que a nossa gente consuma água sem tratamento, sendo que essa obra está com quase 100% de sua estrutura finalizada. É necessária a união de todos para essa conquista”.

Reforma das escolas estaduais Maria da Glória Rodrigues Paixão e Dorothy Stang, a reforma do Hospital Municipal Maria Cecília de Oliveira e retomada das obras da Estação de Tratamento de Água foram algumas das reivindicações nas áreas de saúde e educação que um grupo de 9 vereadores defenderam durante esta semana junto ao Governo do Estado.

Liderados pelo presidente do Poder Legislativo de Jacundá, vereador Lindomar Marinho, o grupo participou de reuniões com o deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, e também com Márcio Miranda, Miro Sanova, Celso Sabino e Fernando Coimbra para apresentar a pauta de reivindicação. O grupo se reuniu também com Izabela Jatene, Secretaria Extraordinária de Estado de Municípios Sustentáveis. “As duas escolas do Estado estão caindo, prejudicando o ensino e revoltando nossos alunos e trabalhadores das instituições”, aponta Lindomar, que esteve acompanhado dos vereadores e vereadoras Neusilene de Souza (Neusa do Adão), Clayton Guimarães (Clayton da Nanô), Weslimar Mulato (Nego Mulato), Raylane Soares (Pequena), Mariza Alves (Mariza do Padeiro), Rafael Comin (Rafael Garrancho), Edson Ferreira de Souza (Edinho da Prefeitura), além de José Wilson.

Lembra a vereadora Neusa do Adão que o Hospital Municipal de Jacundá é a única unidade pública para atender uma população superior a 55 mil habitantes. “As condições estruturais do Hospital não permite um atendimento de qualidade que a nossa gente merece, por isso, estamos reivindicando junto a nossa bancada de deputados estaduais que nós apoiemos para conseguir essa reforma”.

Nego Mulato é mais enfático ao cobrar a conclusão da obra da Estação de Tratamento de Água. “Não podemos permitir mais nem um dia que a nossa gente consuma água sem tratamento, sendo que essa obra está com quase 100% de sua estrutura finalizada. É necessária a união de todos para essa conquista”.

A vereadora Raylane Pe quena apresentou uma pauta sobre pavimentação asfáltica. Na defesa, ela mostrou fotos de várias ruas do centro da cidade que se encontra em situação precária de conservação. “É tanto buraco que nossas parece um queijo suíço”.

Sobre a reunião, o vereador Lindomar Marinho considerou positiva. “Apesar de estamos sendo motivo de “chacota política” por causa do entra e sai de prefeito, nós vereadores conseguimos a garantia do presidente da Alepa que nossa pauta de reinvindicação será atendida. Isso é uma grande conquista para todos nós”.

Enquanto o líder político Guilherme Mulato, o Neguim Mulato, lembrou que o município de Jacundá foi contemplado com uma ambulância por intermédio dos deputados Geismar e Joaquim Passarinho.

Turismo

Carajás: Visitantes do Parque Zoobotânico Vale já podem conferir novidades

Obras de melhorias foram realizadas no período de junho a setembro deste ano

O Parque Zoobotânico Vale (PZV) inicia o mês de outubro com várias novidades. Além da implantação de oito quiosques instalados em uma área sombreada para piqueniques, alguns recintos receberam rochas artificiais e estão ainda mais bonitos e também mais confortáveis para os animais.

“As obras foram realizadas nos últimos três meses e envolveram melhorias nos recintos e também nas áreas de observação. Nós trabalhamos para proporcionar maior bem estar para os animais e também maior comodidade para o nosso visitante”, explica o veterinário do PZV, André Mourão.

O recinto das onças pintadas, uma das grandes atrações do PZV, está de cara nova. “Agora o visitante poderá observar o maior felino das Américas em uma área sombreada, semelhante ao espaço de observação da Harpia, com uma parede de vidro. O orquidário também  recebeu vidros em seu interior, proporcionando ao visitantes uma excelente visualização das plantas. Além disto,poderá ser visitado sem acompanhamento”, ressalta André.

O PZV está localizado no coração da Floresta Nacional de Carajás, Unidade de Conservação Federal preservada e fiscalizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com o apoio da Vale. O parque ocupa uma área de 30 hectares na Floresta Amazônica, com cerca de 70% de sua área de floresta nativa.

O espaço recebeu, até setembro deste ano, 124.225 visitantes. E, recentemente, foi reconhecido pelo site internacional Trip Advisor, que concedeu ao PZV, o Certificado de Excelência, fruto das frequentes avaliações positivas feitas pelos visitantes.

O Parque Zoobotânico Vale funciona todos os dias da semana, inclusive sábado e domingo, de 10h às 16h. O plantel é constituído de aproximadamente 300 animais, com destaque para as espécies de felinos, aves e mamíferos, que foi ampliado com a chegada de exemplares de uiraçu-falso e macacos-aranha-cara-vermelha.

Justiça

Juiz bloqueia R$ 5 milhões da prefeitura de Marabá para evitar paralisação de hospitais

Juiz também autorizou a aquisição de medicamentos, equipamentos e suprimentos para suprir os dois hospitais até o final do mês de janeiro

Por Ulisses Pompeu – de Marabá

Numa decisão inédita em Marabá, o juiz federal do trabalho Jônatas dos Santos Andrade, titular da 2ª Vara do Trabalho no município, determinou o bloqueio de R$ 5 milhões em contas específicas da Secretaria de Saúde para que os recursos sejam usados para reforma urgente do Hospital Municipal de Marabá e do Hospital Materno Infantil, cujas obras iniciaram no último sábado e estão sendo acompanhadas diariamente pelo magistrado.

Além desta decisão, o juiz autorizou também, na última quarta-feira, 29, a aplicação de parte dos recursos bloqueados para pagamento de salários de servidores dos dois hospitais referente ao mês de novembro deste ano, que está atrasado e causando muitos descontentamentos nos dois hospitais.
Ele ainda determinou a elaboração e implementação de um programa de prevenção de riscos ambientais, outro de combate a incêndio, programa de saúde médico e ocupacional, controle de risco químico, entre outras orientações para melhorar a qualidade de saúde do trabalhador.

Outra medida adotada pelo juiz foi a determinação para que os demais municípios que integram o polo passivo da demanda se abstivessem de remeter ao Hospital Municipal de Marabá demanda não regulada ou não pactuada, também sob pena de multa de R$50 mil por paciente remetido em infração ao comando. Parauapebas e Bom Jesus descumpriram a decisão e foram multados no valor equivalente a R$ 50 mil.

FUNDAMENTOS
Tudo começou a partir de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público do Trabalho, sob o signo do meio-ambiente do trabalho, com pedidos de tutela de urgência. O juiz se fundamentou no fato de que se torna necessária incursão da Justiça nos limites extremos da curvatura de sua jurisdição, para considerar que o conceito de meio-ambiente assumido pelo ordenamento jurídico brasileiro é onipresente. A dignidade humana é quem lhe erige a tal condição, não havendo como afastar o ambiente laboral de sua incidência, nem lhe impor limitações. O ser humano e o trabalhador se encontram no centro da política nacional do meio-ambiente. Todas as ações levadas a efeito nos espaços públicos e privados, artificiais e naturais, materiais e imateriais, devem velar pela integridade física e psíquica dos indivíduos, dos trabalhadores, sem que nenhum outro interesse de qualquer natureza justifique o contrário.

FATOS
Na quarta-feira, 28, no HMM, por volta de 21 horas, o juiz Jônatas Andrade fiscalizava o andamento das obras e a aplicação dos recursos bloqueados. Acompanhado de enfermeiras, ele disse à reportagem do blog que as condições do hospitais estão em petição de miséria e careciam de uma ação urgente. Por isso, as obras emergenciais contemplam a troca de parte telhado, eletrificação, parede e piso epox de alta resistência, como recomendado para unidades hospitalares.

Ontem, quinta-feira, toda a parte do Pronto Socorro foi transferida para a clínica cirúrgica provisoriamente até que o espaço do PS seja reformado, o que deve ocorrer em poucos dias. A obra deve custar mais de R$ 1,5 milhão nas duas casas de saúde.

O magistrado, questionado se vê omissão por parte do poder público em ter resolvido os dilemas do HMM e HMI nos últimos quatro anos, disse que é difícil de avaliar essa situação, porque com a interferência da Justiça foi dispensada licitação, tendo ele mesmo negociado com fornecedores, enquanto a relação do Executivo com empresas é diferente, através de licitação. “Estamos buscando uma solução permanente com elaboração e execução de um plano de segurança e outro plano de saúde ambiental, contemplando definitivamente os trabalhadores destes dois hospitais”, explicou o magistrado.

A enfermeira Maurícia Macedo disse que o juiz também autorizou a aquisição de medicamentos, equipamentos e suprimentos para suprir os dois hospitais até o final do mês de janeiro, o que vai ajudar a nova gestão que assumirá a Prefeitura de Marabá em dois dias.

Parauapebas

Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Parauapebas funcionará em prédio da Seccional, após conclusão de reforma

Desde o mês de maio deste ano, o prédio da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas passa por reforma. De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), foram investidos cerca de R$ 500 mil na reparação da estrutura do prédio. Com a entrega do local reformado, prevista para o mês de setembro, a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Parauapebas (Deam) atenderá provisoriamente também na Seccional, na área anexa onde funcionava o auditório.

DSC_5217

O diretor da 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas, delegado Thiago Carneiro, garante que o prédio será entregue à comunidade com móveis, equipamentos, material logístico, computadores e sistema de informática tudo novos. “É um ganho para o município de Parauapebas, uma vez que melhoraremos o atendimento à comunidade, pois vamos ganhar mais sala e uma estrutura muito melhor”, destaca.

A expectativa dos profissionais da segurança pública que atuam em Parauapebas era de que o prédio fosse entregue ainda neste mês de agosto, contudo, a entrega, conforme a Segup, não ocorrerá como o desejado, visto que o ato solene contará com a presença de autoridades do Governo do Estado, como o secretário de Segurança, delegado-geral, comandante-geral das Polícia Civil e Militar, presidente da Fundação Pro Paz, entre outras autoridades. E para que eles estejam presentes na cerimônia de entrega há necessidade de adequação da data do evento à agenda das autoridades.

“Será muito bom para a comunidade de Parauapebas e região, que são atendidos pela Seccional, e para os policiais civis lotados em Parauapebas”, reforça Thiago Carneiro. A Delegacia conta com 15 salas, quatro alojamentos e uma cozinha/copa.

Atualmente, a Delegacia de Parauapebas funciona em prédio alugado, na Rua 83 Lote 21, Bairro Jardim Canadá.

Brasil

Hospital Municipal Teófilo Soares passa por reformas

downloadhsopital

Oferecer serviços de saúde de qualidade, comodidade e conforto aos usuários da rede municipal de saúde é mais uma proposta da Prefeitura de Parauapebas, que investe na construção, reforma e ampliação dos espaços de saúde e aquisição de novos equipamentos. O Hospital Municipal Teófilo Soares, que atende centenas de pacientes do município e de toda região todos os dias, está passando por uma ampla reforma.

A primeira etapa da obra iniciou pelo bloco da frente, onde funcionava a antiga Unidade de Saúde da Cidade Nova. Além de pintura interna e externa, troca de portas e janelas, e novo telhado, o local será todo adaptado para funcionar o Pronto Socorro, que terá nova estrutura com recepção, cinco consultórios médicos, sala de sutura, sala de triagem, quatro leitos de observação, entre outros.

De acordo com o diretor administrativo do Hospital Municipal, Edenilson Gentil, com a mudança do Pronto Socorro para o bloco da frente o espaço que hoje funciona o Pronto Socorro também será reformado para receber novos leitos cirúrgicos. A reforma vai contemplar todos os setores do hospital.

A dona de casa Vera Almeida costuma usar o serviço municipal de saúde e acredita que com a reforma do prédio os serviços ofertados também vão ser melhorados. “Fico feliz que o governo esteja reformando o hospital. Esse Pronto Socorro é pequeno, mas acredito que esse novo espaço vai ser melhor e mais confortável”, comentou a moradora do Bairro Primavera.

A primeira etapa da obra deve ser entregue no prazo de 60 dias. Os investimentos somam R$ 869.236,71. Além da reforma, no hospital foram instalados novos e modernos aparelhos de ultrassonografia, arco cirúrgico, bisturi elétrico cardiotocógrafos, monitores multiparâmetros, respiradores, desfibriladores e nova rouparia para todos os setores.

Parauapebas

Começa a pintura da fachada do Unique Shopping

Nessa quinta-feira (17) as obras de pintura da fachada do Unique Shopping foram iniciadas. A área externa do prédio ganhará nova cor, substituindo o verde pelas cores camurça e pérola. Segundo o Gerente Operacional do Shopping, Paulo Lima, as obras devem terminar no próximo mês: “Nesta etapa cobriremos toda a fachada. Ainda nos próximos meses vamos realizar outras melhorias externas, como por exemplo, no estacionamento e nos portões de acesso ao shopping”, destacou.

Desde o início do ano, o Shopping, que foi comprado pelo Grupo Partage, iniciou o processo de revitalização. Tratamento do piso dos corredores, paisagismo interno e investimentos na área de elétrica e climatização são algumas das melhorias que já foram realizadas, cumprindo o processo de revitalização que será aplicado até o fim do ano.