Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Secretários

Wanterlor Bandeira é o novo gestor da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão de Parauapebas.

Entre as atribuições do novo gestor estão o Centro de Controle e Operações (CCO), a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, Gabinete de Gestão Integrada, DMTT, e a Guarda Municipal de Parauapebas.

Michel J. Correa Gomes não é mais o Secretário Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão de Parauapebas. Ele foi exonerado na sexta-feira (20) pelo prefeito Darci José Lermen. Em seu lugar assume Wanterlor Bandeira Nunes, 52 anos. Bandeira foi chefe de gabinete do ex-prefeito Valmir Queiroz Mariano.

Profundo conhecedor das nuances políticas parauapebenses, Wanterlor Bandeira chega para assumir a Semsi em momento de profunda violência no município. Somente neste mês de outubro nada menos que 12 pessoas já morreram de forma violenta.

Entre as atribuições do novo gestor estão o Centro de Controle e Operações (CCO), a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, Gabinete de Gestão Integrada, DMTT, e a Guarda Municipal de Parauapebas.

A posse do novo gestor da Semsi deve acontecer às 10 horas da terça-feira no gabinete do prefeito Darci Lermen.

Atualização: A posse do novo secretário deverá acontecer na quinta-feira (26) e não amanhã. O adiamento se dá em virtude da agenda de secretários de governo e de agentes da segurança local, que deverão estar presentes.

Confira o decreto de nomeação:

TCM-PA

Projeto CAPACITação do TCM-PA abrangerá todos os municípios do Estado

Além do TCM-PA, está envolvido no projeto a Escola de Contas Públicas, com o apoio do Ministério Público de Contas dos Municípios do Pará e da Assembleia Legislativa do Estado

O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará (TCM-PA), através da Escola de Contas Públicas “Conselheiro Irawaldyr Rocha”, iniciará, em maio, o projeto CAPACITação, que tem por objetivo levar orientação técnica e conhecimento, de forma didática, a prefeitos, presidentes de câmaras, vereadores, secretários e servidores públicos de todos os municípios paraenses. O CAPACITação será realizado em municípios polos. O primeiro acontecerá em Paragominas, entre os dias 09 e 11 de maio, no Teatro Reinaldo Castanheira.

O projeto realizará palestras e cursos com temáticas variadas e abrangerá 15 municípios da Região Rio Capim: Abel Figueiredo, Aurora do Pará, Bujaru, Capitão Poço, Concórdia do Pará, Dom Eliseu, Garrafão do Norte, Ipixuna do Pará, Irituia, Mãe do Rio, Nova Esperança do Piriá, Ourém, Rondon do Pará, Tomé-Açú e Ulianópolis.

O presidente do TCM-PA, conselheiro Daniel Lavareda, informou que o Tribunal e a Escola de Contas Públicas, com o apoio do Ministério Público de Contas dos Municípios do Pará e da Assembleia Legislativa do Estado, vão realizar 13 encontros do CAPACITação, em municípios-polo, proporcionando treinamentos, de forma a atender às necessidades das administrações públicas municipais.

A diretora Geral da Escola de Contas, conselheira vice-presidente Mara Lúcia, explicou que os temas abordados estão relacionados para sanar as principais falhas detectadas nas prestações de contas, com foco especial ao Sistema de Processo Eletrônico e ao Mural de Licitações, “ferramentas imprescindíveis a um controle ágil e efetivo dos gastos públicos”.

PROGRAMAÇÃO

No próximo dia 9, serão realizadas somente as palestras abordando sobre a função fiscalizadora do TCM-PA, gestão moderna e eficiente, contabilidade, ouvidoria, políticas públicas de apoio a pequenos negócios e os desafios da gestão ambiental.

Os dias 10 e 11 de maio, de 8h às 18h, ocorrerão cursos com assuntos sobre gestão de fundos municipais, atos de pessoal, prestação de contas e os sistemas disponibilizados pelo TCM-PA, atuação dos conselhos municipais, receitas próprias municipais e processos e técnicas legislativas. A programação completa pode ser acessada no Portal do TCM-PA www.tcm.pa.gov.br

Todas as atividades do CAPACITação são gratuitas. Os interessados em participar do projeto em Paragominas podem se inscrever através do e-mail escoladecontas.tcm.paragominas@gmail.com.

Conheça todos os municípios-polo do projeto CAPACITação, do TCM-PA.

Perfil

Conheça quem são os gestores de Parauapebas (parte 3)

Saiba quem são João Corrêa (Seplan), Isaías de Queiroz (Seden) e Rafael Ribeiro (CMJ)

Os titulares das secretarias municipais de Planejamento e Desenvolvimento e da Coordenadoria Municipal de Juventude são apresentados nesta terceira matéria de perfil dos gestores municipais.

Seplan

O novo ocupante da pasta de Planejamento é João José Corrêa, 52 anos, casado há 33 anos, pai de dois filhos e avô de dois netos. Nascido em Barbacena Minas Gerais, atuou em Parauapebas e região desde a época das cantinas comunitárias, na década de 90, mas tem residência fixa no município desde 2010.

Pedagogo, com uma pós-graduação em História da Educação, outra em Cooperativismo, João Corrêa cursa agora sua terceira pós, na área de Economia Solidária. Em seu histórico profissional consta seu trabalho na FUNAI, nas áreas de desenvolvimento econômico, contabilidade e finanças e Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE), como Técnico em Educação não formal, Coordenador da Equipe Local de Marabá, Coordenador de Núcleo do Programa regional Amazônia e Coordenador Adjunto do Programa Amazônia. Atuou como Assessor Parlamentar na ALEPA e na Câmara Municipal de Marabá.

Atualmente sem partido, João Corrêa aponta os seguintes desafios à frente da Seplan: reorganizar a secretaria de Planejamento e Gestão; articular as diversas secretarias em metas e ações; construir coletivamente um processo de planejamento, monitoramento e avaliação do orçamento e das ações desenvolvidas pelo governo; oportunizar a participação dos conselhos e organizações sociais; fortalecer a relação com a Câmara Municipal.

Seden

O empresário Isaías de Queiroz França, conhecido como Isaías da Pioneira foi o escolhido para assumir a Secretaria de Desenvolvimento. Natural de Itaituba, no Pará, reside há 15 anos em Parauapebas, onde atua no segmento de auto escola. Tem 40 anos, é casado e pai de dois filhos. Iniciará agora um curso superior na área de administração.

Em função dos resultados alcançados nas urnas durante as últimas eleições, Isaías foi o indicado pelo PEN, seu partido, para ocupar a pasta. Ele se candidatou a vereador e obteve 1.370 votos em sua primeira tentativa para conseguir uma vaga na Câmara Municipal.

Seu principal desafio à frente da pasta é trabalhar na contribuição do desenvolvimento de novas matrizes econômicas para o município. Para alcançar tal objetivo, o novo gestor tem visitado o Pólo Moveleiro, de Gemas e Jóias e o Distrito Industrial para entender como estão os trabalhos e levantar as principais carências. Já identificou, por exemplo, a urgência em retomar a parceria com a Vale, que tem madeira para ser destinada gratuitamente aos empreendedores do Pólo Moveleiro.

O Plano Municipal de Turismo, que a gestão passada deixou encaminhado, também deverá ser retomado para que esse segmento seja fortalecido na cidade, com o objetivo de gerar emprego e renda. E a meta do novo gestor é também fortalecer o Banco do Povo e aumentar ainda mais os incentivos aos pequenos empreendedores.

CMJ

A Coordenadoria Municipal da Juventude (CMJ) é um órgão que se perdeu ao longo dos últimos anos. Prova disso é que por falta de projetos, os recursos do seu orçamento foram devolvidos ao gabinete, pasta à qual é vinculado, e decresceu vertiginosamente. Em 2012 o orçamento da CMJ era de R$ 2,7 milhões já para 2017 está previsto um orçamento de R$ 311 mil.

E quem tem o desafio de resgatar o órgão e fazer com que desenvolva um papel social importante voltado para a juventude é o jovem Rafael Ribeiro Oliveira, que, apesar de ter apenas 23 anos, tem uma história de vida impressionante. Nascido em Parauapebas, casado e com um filho, Rafael Ribeiro cursa graduação em administração.

Seu histórico profissional inicia aos sete anos de idade quando começou a vender jornal, atividade que exerceu até os 11 anos, paralelo com a venda de picolé. O perfil de liderança também foi despertado cedo, quando na quarta série do ensino fundamental se tornou líder de turma e seguiu implantando grêmio nas escolas que estudava e lutando pelos direitos dos estudantes. Aos 18 anos se candidatou a vereador e conseguiu 518 votos. Nas últimas eleições alcançou a marca de 988 votos e é o primeiro suplente do PMDB.

Em suas propostas de trabalho está o desenvolvimento de parcerias para a criação do Centro de Referência para o Jovem e a Casa do Trabalhador Jovem, que possibilitará capacitação e qualificação profissional para inserção desse público no mercado de trabalho. Além disso, o fortalecimento de grêmios e entidades estudantis e de atividades culturais que envolvem o público juvenil, principalmente nas regiões periféricas do município.

Mas, antes disso tudo, Rafael Ribeiro terá que estruturar sua equipe de trabalho, já que recebeu um quadro de apenas nove servidores, todos efetivos no cargo de auxiliar administrativo. Segundo ele, parcerias com outras secretarias já estão sendo desenvolvidas no sentido de compor uma equipe multidisciplinar para contribuir com os trabalhos, entre eles profissionais nas áreas de assistência social, psicologia e pedagogia.

Leia também: 

Conheça quem são os gestores de Parauapebas (parte 1)

Conheça quem são os gestores de Parauapebas (parte 2) 

Perfil

Conheça quem são os gestores de Parauapebas (parte 1)

Saiba quem são Bonetti do Gabinete, Claudia do Saaep e Cristiano da Controladoria

Com o objetivo de apresentar para a sociedade parauapebense um pouco da história dos novos gestores da Prefeitura e de que forma eles podem contribuir com o serviço público municipal, o blog levantou o perfil de cada um e apresenta, em uma série de matérias, as experiências que eles trazem consigo e os desafios que terão pela frente. Hoje apresentaremos os gestores do gabinete do prefeito, do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas (SAAEP) e da Controladoria do Município.

Chefe de Gabinete

O catarinense Edson Luiz Bonetti de 36 anos, casado, foi o escolhido por Darci Lermen para assumir o gabinete. Formado em engenharia agronômica, Bonetti atuou como superintendente do INCRA, em Marabá, onde teve a oportunidade de gerenciar diversos tipos de crises. O novo chefe de gabinete é filiado ao PT, partido que não apoiou Darci durante as eleições, e reside há cinco anos em Parauapebas e sua capacidade de articulação parece ter sido o maior peso na escolha do nome para o cargo.

Bonetti foi um dos coordenadores do Plano de Governo e aponta dois desafios para a gestão, grandiosos e urgentes: a geração de emprego e renda primeiramente, e uma reforma administrativa e tributária, que deve ser realizada o mais breve possível. Já a respeito da sua pasta, ele define “o gabinete é o pára-choque do Prefeito, deve resolver os problemas, os conflitos, e eu acredito que tenho esse perfil.”

Gestor do Saaep

Chamada ultimamente de “a menina do Saaep”, por ser desconhecida no meio político, Claudenir Rocha Rodrigues assumiu uma das pastas mais complexas do governo e tem o desafio de sanar as dívidas da autarquia, mas, principalmente, de fazer a água chegar às torneiras e com qualidade para o consumo.

Cláudia, como geralmente é chamada, tem 35 anos, é casada, tem uma filha e mora em Parauapebas há 17 anos. Formada em gestão empresarial, ela faz atualmente MBA em Direito Tributário e Contabilidade. Seu histórico profissional na cidade é marcado por boas atuações nas áreas de gestão, seja financeira, de qualidade, comercial ou operacional. Atuou no ramo de alimentação e em seguida foi para a Anagráfica, onde trabalhou por sete anos.

Filiada ao PSB, mesmo partido do vice-prefeito, Sérgio Balduíno, Cláudia não tem expertise política, mas, possui competência técnica de gestão e habilidade de estabelecer relacionamentos. “Os problemas emergenciais já estamos resolvendo, como por exemplo, o abastecimento dos bairros Tropical e Ipiranga, que já foi restabelecido provisoriamente com caminhão pipa. Porém, temos projetos audaciosos para acabar com as dificuldades relacionadas ao abastecimento de água e ao tratamento de esgoto em nossa cidade”, reforçou.

Controlador Municipal

O administrador de empresas Cristiano César de Souza, de 36 anos, nascido em Itabira, Minas Gerais, mora em Parauapebas há 11 anos e veio para a região trabalhar na Vale, onde atuou por cinco anos e em seguida montou uma empresa no ramo de manutenção. Em função da crise, em meados de 2016, Cristiano César decidiu fechar as portas da empresa. Foi então que entrou de cabeça no processo eleitoral. Na oportunidade ele era presidente do PTC, partido que apoiou a candidatura de Darci Lermen.

Cristiano César faz pós-graduação em Contabilidade e Direito Tributário, ele assumiu a Controladoria Municipal, órgão da Prefeitura responsável por acompanhar todos os processos licitatórios e de fornecer parecer sobre a legalidade deles. Além dessa grande missão, é de responsabilidade da controladoria também realizar auditoria interna nos diversos processos.

O novo gestor da pasta diz que para conseguir realizar todas as atividades atribuídas à Controladoria será necessário ampliar o quadro de servidores que atualmente conta com apenas 13 profissionais.

Curionópolis

Conheça quem serão os secretários de Adonei Aguiar

A lista é extra-oficial, já que Adonei não divulgou oficialmente a lista com os nomes de seus secretários

O prefeito eleito e  diplomado de Curionópolis, Adonei Aguiar deverá empossar amanhã o seu secretariado. Não houve uma coletiva para o anúncio dos nomes, mas o Blog teve acessoa essa lista. Os nomes são:

  • Chefe de Gabinete
    Rogério Serelli Macedo

  • Procuradoria Geral do Município
    Dr. Alex Marcelo Marques
  • Controladoria Geral do Município
    Dr. Miramny Santana Guedelha
  • Secretário Municipal de Administração
    Sérgio Wilson Ramos
  • Secretário Municipal de Planejamento e Gestão
    Dr.  Gilmar Nascimento de Moraes
  • Secretário Municipal de Finanças
    André Gustavo Pagliuso
  • Secretária Municipal de Saúde
    Aurea Luzia Paes Martins
  • Secretária Municipal de Educação, Esportes e Cultura
    Maria Francisca Teixeira Lopes
  • Secretária Municipal de Assistência Social
    Verônica Fernandes Rabelo
  • Secretário Municipal de Produção
    Sales Miglene Camilo da Costa
  • Secretário Municipal de Meio Ambiente
    Adauto da Silva dos Santos

  • Secretário Municipal de Infraestrutura
    Francisco Antônio dos Santos Costa
Parauapebas

Secretariado de Darci Lermen é apresentado durante coletiva de imprensa

Apenas três mulheres farão parte do primeiro escalão do futuro governo de Darci Lermen

O nome dos secretários que vão inicialmente compor o governo de Darci Lermen foi anunciado oficialmente nesta quinta-feira (29), durante uma coletiva de imprensa realizada no auditório do Instituto Federal do Pará (IFPA). A maior parte dos nomes apresentados consta na lista divulgada por este blog anteriormente.

Durante o seu discurso o prefeito eleito disse que não abrirá mão de ser o líder e que não permitirá que os secretários atuem de acordo como bem entenderem. “Com as experiências do passado posso afirmar que estamos preparados para encarar esse desafio com muita tranqüilidade e humildade. Não permitirei que existam várias prefeituras, somos um governo só”, afirmou.

Ainda de acordo com o prefeito eleito, a escolha dos nomes foi acordada com os partidos políticos que apoiaram o projeto da campanha. “Não terei medo de mudar secretário. Aqueles que não apresentarem os resultados esperados serão trocados e faremos isso em conversa com os partidos”, afirmou Darci Lermen.

“Toda a cidade está esperando muito dessa gestão e não há tempo para erros”, enfatizou o vice-prefeito eleito, Sérgio Balduíno.

Dentre os nomes apresentados chama a atenção dos jovens Dion Leno dos Santos Alves, de 22 anos, técnico de meio ambiente, que assumirá a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), e Rafael Ribeiro, de 23 anos, que assumirá a Coordenadoria Municipal de Juventude (CMJ). Os dois nasceram em Parauapebas.

O prefeito eleito foi questionado sobre o porquê de colocar Eurival Martins de Carvalho, conhecido como Totô, um dos líderes do MST, para assumir a Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror), já que seu histórico de relacionamento com a Vale não é dos melhores. Darci respondeu que acredita na competência técnica do futuro gestor da pasta e que “o momento é de paz e não de guerra”.

O professor e advogado Raimundo Oliveira Neto, de reconhecida competência durante a sua atuação como secretário de educação nos dois mandatos de Darci Lermen, volta ao cargo. Os demais apresentados foram:

  • Chefe de Gabinete:
    Luiz Bonetti
    – engenheiro agrônomo, catarinense
  • Secretaria Municipal de Finanças (Sefaz) :
    Keniston Braga
    – contador, paraense.
  • Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) :
    João José Corrêa
    – pedagogo, mineiro.
  • Secretaria Municipal de Administração (Semad) :
    Cássio André de Oliveira (Cássio Flausino)
    – empresário e produtor rural, goiano.
  • Procuradoria Geral do Município (PGM) :
    Cláudio Gonçalves Moraes
    – advogado, paraense.
  • Controladoria:
    Cristiano César Souza
    – contador, mineiro.
  • Secretaria Municipal de Saúde (Semsa):
    Francisco Cordeiro Leite
    – médico, carioca.
  • Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb):
    Edmar Cruz Lima
    – engenheiro civil, maranhense.
  • Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas (Saaep):
    Claudenir Rocha
    – gestora empresarial, maranhense.
  • Secretaria Municipal de Desenvolvimento (Seden):
    Isaías Queiros de França
    – empresário, paraense.
  • Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas):
    Jorge Antônio Benício, conhecido como Pastor Guerreiro
    – pastor evangélico, paulista.
  • Ouvidor Municipal:
    Josemir Santos Silva
    – corretor imobiliário, maranhense.
  • Controladoria de Treinamento de Recursos Humanos (CTRH):
    José Roberto Marques
    – administrador e sindicalista, paraense.
  • Assessoria de Comunicação (Ascom):
    Laércio de Castro
    – radialista, maranhense.
  • Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel):
    Laoreci Diniz Faleiro
    – filósofo, gaúcho.
  • Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi):
    Michael Júnior Correa Gomes
    – teólogo, maranhense.
  • Secretaria Municipal de Cultura (Secul):
    Wandeilson Santos da Costa (Popó)
    – jornalista, maranhense.
  • Secretaria Municipal de Obras (Semob):
    Maria Silvana de Faria Souza
    – empresária e produtora rural, mineira.
  • Secretaria Municipal de Mineração, Ciência e Tecnologia (Semect):
    Flávio Veras Ribeiro
    – empresário, paraense.
  • Secretaria Municipal da Mulher (Semmu):
    Ângela Pereira
    – técnica de enfermagem, maranhense.
  • Secretaria Municipal de Habitação (Sehab):
    Maria Vani Caetano Alves
    – gestora empresarial.

As posses do prefeito, vice, e vereadores serão realizadas no domingo (1º), às 10 horas, no Plenário da Câmara Municipal de Vereadores.

Já a posse dos secretários, assim como a divulgação do segundo escalão de governo ocorrerá na segunda-feira (2), às 10 horas, no auditório do Centro Administrativo da Prefeitura.

Darci prestigiou os partidos políticos que o ajudaram a se eleger. Senão, vejamos:

Dion Leno é filho do presidente do PV, Joel,

Ângela Massud é presidente do PTB.

Cassio Flausino é presidente do PMDB.

Dr. Francisco é presidente do PSDC.

Jorge Guerreiro é presidente do PRB.

Isaías é presidente do PEN.

Popó Costa é presidente do REDE Sustentabilidade.

Flávio Veras é presidente do PRP.

Kenniston Braga é vice-presidente do Rede Sustentabilidade.

E, ainda, José Roberto (CTRH) é presidente do Sindicato Sinssepar.

Parauapebas

Darci Lermen anuncia amanhã seu secretariado com pelo menos um nome polêmico

Antigo companheiro de Darci, Totô do MST será nomeado Secretário de Produção Rural de Parauapebas

Em Parauapebas, o prefeito eleito Darci José Lermen agendou para amanhã, 28, o anúncio oficial dos 17 secretários que comporão o seu governo. O Blog já adiantou alguns nomes aqui (Keniston Braga na Sefaz, Bonetti no gabinete, D. Silvana na Semob, João Correa na Seplan, Pastor Guerreiro na Semas e Dr. Frncisco na Semsa), todos confirmados por Darci. E nessa véspera de anúncio adianta outros possíveis.

Nomes que se envolveram na vitoriosa campanha eleitoral de Darci farão parte, pelo menos nesse primeiro momento (no melhor estilo “se tiver competência fica”) por pura gratidão e para manter os compromissos políticos feitos durante a pré-campanha.

Um deles é o de Cássio “Flausino” André de Oliveira, presidente municipal do PMDB, que deverá ser o secretário de Administração; de Wandernilson Costa, o Popó, presidente municipal do Rede Sustentabilidade, que deverá assumir  a Secult; Flavio Veras, do PRP, que deverá assumir a Secretaria de Mineração.

O ex-companheiro de Darci no PT, Raimundo Neto, deverá ser o secretário de Educação. Angêla Massud assumirá a secretaria de Mulher; já o engenheiro Edmar estará a frente da Semurb e Laurecy da Semel.

O radialista Laércio de Castro será o gestor da Assessoria de Comunicação.

O PTN dirigirá a secretaria de segurança institucional, provavelmente com Maike do PTN.

Cristiano Cesar de Sousa, que compôs o grupo de transição vai para a Controladoria.

Dr. Cláudio Morais será o Procurador Geral do Município.

O nome mais polêmico a ser anunciado amanhã, sem dúvida é o de Eurival Martins Carvalho para a secretaria de Produção Rural. Pra quem não conhece, Eurival é conhecido por Totô. Ele é líder do MST na região e acusado por fazendeiros de ser o principal articulador de invasões de terras na área do Carajás, assim como mantém uma relação conflituosa com a Vale, já que foi o responsável por dezenas de interdições da Estrada de Ferro Carajás ao longo dos anos.  Totô é assentado do Incra na Rio Branco e vizinho de terras do prefeito eleito, com quem tem uma ótima relação desde a época do Darci petista. Essa nomeação, de início, traz um esquente na relação entre o futuro governo e a classe ruralista, além de colocar a Vale em posição de alerta.

Vamos ver quantos destes irão realmente vingar, já que anúncio de secretariado é como nuvem no céu, muda a todo o instante.

Atualização às 17 horas

Recebemos há pouco convite da Assessoria de Imprensa de Darci Lermen comunicando que a coletiva para o anúncio oficial do secretariado está marcada para o dia 29 de dezembro, às 10 horas no auditório do IFPA em Parauapebas, em evento exclusivo para a imprensa.

Marabá

Doze secretários de Tião Miranda já estão definidos

Conheça a lista extra-oficial dos secretários escolhidos pelo prefeito eleito de Marabá

Ulisses Pompeu – de Marabá

O Blog levantou junto ao grupo político do deputado estadual Tião Miranda, eleito prefeito de Marabá, a maior parte de seu secretariado. As principais secretarias já estão definidas, enquanto as demais o novo gestor ainda está alinhavando nomes para sua composição.

A primeira bomba relógio chamada Semed (Secretaria Municipal de Educação) será administrada pelo advogado e atual presidente da Cosanpa Luciano Dias, um fiel escudeiro de Tião e considerado uma pessoa serena, capaz de lidar com o emblemático PCCR (Plano de Cargos, Carreira e Remuneração) do Magistério, que contribuiu para deixar a secretaria ingovernável e ajudou a manchar a imagem da gestão de João Salame.

Para a Secretaria de Saúde, o nome cotado inicialmente – de Adailton de Sá – não vingou, porque o médico-fazendeiro simplesmente não quis assumir a pasta, outra bomba-relógio que o governo de Tião terá de desarmar. Depois, vários outros nomes foram ventilados, mas ninguém aceitou. Nesta quarta-feira, todavia, segundo dois interlocutores de Miranda, Dr. Adailton teria aceitado iniciar como secretário, mas em seguida passaria a pasta para o advogado Marcone Leite. Os dois são de extrema confiança do prefeito eleito.

Para a SDU (Superintendência de Desenvolvimento Urbano), Tião escalou o também advogado Mancipor Oliveira Lopes, que já ocupou o cargo de juiz no TRE-PA.

Fábio Moreira, da Construfox deve ir para a menina dos olhos de Tião Miranda: a Secretaria de Obras.

Múcio Eder Andalécio, que trabalhou na campanha de Tião, será o secretário municipal de Urbanismo.

Rubens Sampaio, que já exerceu o cargo de secretário de Agricultura na última gestão de Tião Miranda, estará de volta à função.

A Congem (Controladoria Geral do Município) seria ocupada pelo vice-prefeito Antônio Cunha, delegado licenciado da Polícia Federal e que vem pregando a realização de um governo transparente e intransigente com a corrupção. Todavia, no início da tarde desta quarta-feira chegou a informação de que ele deve abrir mão deste cargo, apenas indicando a Tião uma pessoa de sua confiança para o cargo. Assim, Toni ficaria mais livre para transitar por todas as secretarias.

Para a Secretaria Municipal de Administração o escolhido é um servidor de carreira que já ocupou essa função em outras duas administrações de Tião Miranda: José Nilton de Medeiros.

Karam El Hajjar, presidente do IPASEMAR (Instituto de Previdência Social dos Servidores de Marabá) desde as gestões anteriores de Tião Miranda, vai para a Seplan (Secretaria Municipal de Planejamento).

O nome mais cotado para assumir o Ipasemar, órgão que tem as digitais de Karam, é Silvania Ribeiro, possivelmente apontada pelo próprio Karam. Ela é servidora de carreira e atua, desde 2013, como diretora de Benefícios do Instituto Previdenciário.

O agente da Polícia Rodoviária Federal, Jair Barata, seria o nome indicado por Toni Cunha para a Secretaria de Segurança Institucional, que ainda não está definido se será mantida ou extinta. Mesmo assim, restariam para ele DMTU e Guarda Municipal.

As secretarias de Meio Ambiente, Cultura, Gestão Fazendária e Assistência Social ainda não estão definidas. Houve especulação de que Márcia Paz, esposa de Ítalo iria ocupar esse cargo, mas essa possibilidade foi deletada esta semana.

A Secretaria de Indústria, Comércio e Mineração, deverá ser ocupada por Ricardo Plugliese, ex-Sinobras, uma indicação de Ítalo Ipojucan, ex-vice de Tião e hoje quase-sogro de Toni Cunha.

No pacote do “adeus secretaria” entram Turismo, Esporte e Ações Comunitárias. Turismo e Esporte seriam transformadas em departamentos da Secretaria de Cultura. A aglutinação e extinção visam diminuir custos com aluguéis e salários.

Ao analisar a lista de secretários, é possível perceber que faltam ainda nomes tradicionais e que são aliados políticos de Tião Miranda. É o caso de Vanda Américo, Wilson Teixeira e Jedean Milhomem, por exemplo, que poderão ocupar cargos no segundo escalão.

error: Conteúdo protegido contra cópia!