Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Thiego Marques rumo ao Japão com a Seleção Brasileira de Judô Paralímpico

O treinamento vai servir de preparação para o Campeonato Mundial que será realizado em Portugal
Continua depois da publicidade

Após conquistar a medalha de prata no American Championship, Campeonato das Américas IBSA, realizado na cidade de Calgary, no Canadá, no mês de maio, o judoca Thiego Marques já está de malas prontas outra vez. O parauapebense foi convocado pela Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV) para compor a Seleção Brasileira de Judô Paralímpico.

Thiego vai se juntar a outros atletas para participar de um intercâmbio nas cidades de Tsukuba e Hirosaki no Japão, no período de 1° a 26 de Julho. Na ocasião, vai treinar no país onde a modalidade foi criada e que tem a chamada potência do judô mundial. Será uma oportunidade ímpar na carreira do aleta, que faz parte do Projeto Todos à Luta da Associação Esportiva e Paradesportiva do Sul e Sudeste do Pará (AEPA) e da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL).

“Estava ansioso esperando a convocação, mais uma experiência internacional e oportunidade de aprender tecnicamente”, afirmou Thiego.

O professor de judô Antônio Sérgio, que descobriu o talentoso Thiego, acredita que o garoto vai trazer muito conhecimento técnico na bagagem, já que vai treinar com atletas japoneses de ponta. O treinamento no Japão fará parte da preparação da Seleção Brasileira de Judô Paralímpico, que visa a principal competição do ano, que é o Campeonato Mundial IBSA, em novembro, na cidade de Lisboa, em Portugal.

Além de Thiego Marques da Silva (AEPA-PA), que vai treinar na categoria ligeiro 60kg, mais sete atletas foram convocados: Maria Nubea dos Santos (Instituto Reação-RJ) na categoria 57kg, Lúcia da Silva Teixeira Araújo (CESEC-SP) na categoria 63kg, Rebeca de Souza Silva (APADV-SP) na categoria + 70kg, Luan Simões Pimentel (ISMAC-MS) na categoria 73kg, Arthur Cavalcante da Silva (ADEVIRN-RN) na categoria 90kg, Antônio Tenório da Silva (CESEC-SP) na categoria 100kg e Wilians Silva de Araújo (CEIBC-RJ) na categoria +100kg.

Os atletas vão contar com as orientações dos técnicos: Alexandre de Almeida Garcia e Jaime Roberto Bragança, que estarão na comissão brasileira no Japão.

Esportes

Parauapebas realizou a IV Taça de Voleibol no Ginásio Poliesportivo Municipal

O evento foi realizado pela SEMEL e contou com a participação de cinco times no feminino e 12 equipes no masculino
Continua depois da publicidade

A cidade de Parauapebas realizou neste final de semana a IV Taça de Voleibol que foi disputada no Ginásio Poliesportivo Municipal do bairro Beira Rio. A competição contou com a participação de cinco equipes no feminino, divididas em duas chaves e 12 times no masculino, divididos em três chaves. O evento contou com o total apoio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL).

A competição se entendeu ao longo de três dias e ainda em alusão aos 30 anos de emancipação política da cidade. Além de equipes da cidade de Parauapebas, o convite se estendeu para mais dois municípios que participaram da competição, como times de Curionópolis e Jacundá, agregando valores através do esporte.

“Foi mais um grande evento da SEMEL. O Voleibol de Parauapebas é o atual campeão paraense. Temos uma equipe de um nível muito alto que disputa competições municipais, estaduais e interestaduais. Nossos atletas fizeram parte de um projeto social da SEMEL e a gente sempre parabeniza esse grande trabalho e hoje eles fazem parte da equipe onde foram convocados para a Seleção Paraense e aletas campeões paraenses e brasileiros. Foi uma competição de alto nível”, afirmou Dutó Hungria, técnico da seleção e coordenador da competição.

A competição que teve um alto nível com grandes partidas de voleibol no Ginásio Poliesportivo Municipal, contou também com uma arbitragem experiente para comandar os jogos. O árbitro Fábio Holanda, que faz parte da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), arbitrou as acirradas partidas em Parauapebas. O desempenho das atletas da região sudeste engrandeceu o evento realizado pela SEMEL.

“O evento foi muito importante para agregar através do esporte como ferramenta de inclusão social. A gente viu que houve um equilíbrio entre as equipes no decorrer da competição e o nível aumentou com grandes jogos. O mais importante é ressaltar que para o munícipio de Parauapebas é bom demais e a gente agradece a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer”, ressaltou Fábio Holanda, árbitro da CBV.

Na categoria feminina, a Cia do Vôlei de Parauapebas foi a campeã, seguida pelas Meninas do Vôlei que ficou com o vice e também da cidade do Pebas e a equipe de Jacundá conquistou o terceiro lugar.

“Eu me sinto muito feliz. É a segunda vez que estou participando dessa competição. O ano passado para mim foi um pouco triste, porque eu tive uma lesão na final e eu não pude terminar a competição, também fui campeã, mas eu queria muita está em quadra e esse ano foi diferente. O nosso time é muito bom, começamos vencendo e terminamos com o título. Gosto muito dessa cidade, me sinto bem aqui, a recepção é muito boa e estou muito feliz”, disse Nagila Gonçalves, atleta da Cia do Vôlei de Parauapebas, campeã da IV Taça.

Pelo masculino, o título ficou com a rapaziada do UNIASSELVI, tendo o time do Hidrogyn como vice-campeão e a equipe do Modena com o terceiro lugar. Todas as três equipes de Parauapebas.

Parauapebas

Calendário esportivo de Parauapebas contou com Workshop e 2ª Corrida da Cidade

O evento foi realizado pela ACOPER e teve aproximadamente 200 atletas participando
Continua depois da publicidade

Ainda em comemoração aos 30 anos de emancipação da cidade de Parauapebas, os praticantes de corrida de rua do município participaram dentro do calendário esportivo, do II Workshop de Corrida de Rua e a 2ª Corrida da Cidade de Parauapebas, realizada pela Associação de Corredores de Parauapebas e Região (ACOPER), no último domingo (27), que contou com total apoio da Prefeitura Municipal de Parauapebas através Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL).

A ACOPER é uma associação recém-criada, no dia 24 de março de 2018, que tem o objetivo de difundir o esporte de corrida da cidade, contando com Robervaldo Freitas como presidente. O evento deste final de semana foi o primeiro realizado com o intuito de promover a saúde, o bem estar, a qualidade de vida, tirando um pouco o sedentarismo das pessoas que participaram.

Antes da corrida, no sábado (26), o correu o workshop que teve como o tema – “Corrida de Rua: Esporte e Qualidade de Vida”, com o objetivo de transmitir conhecimento técnico e teórico aos participantes com palestras de educador físico, nutricionista e médico ortopedista.

Quem participou do workshop também pôde acompanhar de perto uma demonstração de zumba e teve seu nome incluso em sorteio de brindes. Os atletas locais puderam trocar experiências com os demais participantes.

Aproximadamente, 200 atletas participaram do evento principal, que foi a II Corrida da Cidade, realizada no domingo (27), com largada da praça de eventos, seguindo pela rua três, até o Atrium e retornando para a praça de eventos, dando de 6 a 7 km de percurso. Os participantes tiveram total estrutura e todos puderam receber medalhas do evento, além de prêmios e troféus nas colocações gerais, tanto no masculino como no feminino, pelas categorias de 0 à 29 anos, de 30 à 39 anos, de 40 à 49 anos, de 50 à 59 anos, de 60 acima e especiais.

“A corrida foi um sucesso. Ela foi cronometrada com chip, ou seja, o corredor no ato da inscrição recebeu o número de peito com chip, no qual na largada quando o atleta passava pelo pórtico, já cronometrava o tempo e na chegada finalizava esse tempo. Nem todas as corridas que acontecem na região é chipada, eles falam cronometrada, de pessoas marcando no relógio, mas a nossa foi da maneira que tem que ser feita”, afirmou Robervaldo Freitas, presidente da ACOPER.

A ideia é que a próxima edição da Corrida de Rua seja realizada, mais ou menos, no aniversário de 31 anos da cidade de Parauapebas.

Por Fábio Relvas

Parauapebas

Campeonato Paraense de Bicicross foi realizado com sucesso em Parauapebas

A competição reuniu pilotos de sete cidades em disputa acirrada no Ginásio Poliesportivo
Continua depois da publicidade

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL) realizou no último domingo (27), no Ginásio Poliesportivo, o Campeonato Paraense de Bicicross Etapa Única. O evento contou com atletas das categorias de 7 até 17 anos, Júnior Man, Open, Elite Master, Júnior Man e Elite Man com participação das cidades de Araguaína, São Miguel do Guamá, Colinas, Palmas, Imperatriz , Açailândia e Parauapebas.

O Campeonato Paraense reuniu grandes pilotos com aproximadamente 60 atletas, incluindo competidores da escolinha de bicicross da SEMEL, que já revelou talentos dentro do projeto, com cinco campeões paraenses. A competição estadual foi em etapa única no mesmo formato do Campeonato Brasileiro.

A cidade de Parauapebas fez bonito, conquistando vários primeiro lugares nas principais categorias como: Isaque Lima de 9 à 10 anos, André Victor de 11 à 12 anos, Luiz Enrique de 13 à 14 anos, Jacson Silva no Júnior Man, Maurício Pinheiro no 17 Open, Aldinei Borges no Elite Master e no Elite Man.

“A gente superou as expectativas. Estávamos esperando pilotos de outros estados como de Tocantins e algumas cidades aqui do Pará e Maranhão e graças a Deus veio piloto além do que imaginávamos. Como foi Campeonato Paraense, a disputa estava muito grande, mas graças a Deus Parauapebas foi a que mais levou premiações, principalmente nas principais categorias que a 17 Open, Elite Máster e Elite Men. A gente conseguiu um grande êxito nesta competição”, afirmou Railton Oliveira, coordenador de bicicross de Parauapebas.

Confira todos os campeões do Campeonato Paraense de Bicicross Etapa Única

Categoria 7/8

1° Jason Ramirez de Açailândia-MA

2° Gabriel Santos de Parauapebas -PA

3° Luiz Fernando de Parauapebas-PA

Categoria 9/10

1° Isaque Lima de Parauapebas-PA

2° Eduardo Sousa de Parauapebas -PA

3° Enzo Aniceto de Parauapebas-PA

Categoria 11/12

1° André Victor de Parauapebas -PA

2° João Victor de Parauapebas-PA

3° Mateus Martins de Parauapebas-PA

Categoria 13/14

1° Luiz Enrique de Parauapebas-PA

2° Erik Alexandre de Parauapebas-PA

3° Mateus Silva de Parauapebas-PA

Categoria 15/16

1° Wallekeson de Colinas-TO

2° Pedro Enrique de Araguaína-TO

3° Clenilson Sales de Parauapebas-TO

Categoria Júnior Man

1° Jacson Silva de Parauapebas-PA

2° Lucas de São Miguel do Guamá-PA

Categoria 17 Open

1° Maurício Pinheiro de Parauapebas-PA

2° Addas Santos de Parauapebas-PA

3° Railton Oliveira de Parauapebas -PA

Categoria Elite Master

1° Aldinei Borges de Parauapebas -PA

2° Luiz Fernando de Parauapebas -PA

3° José de Ribamar de Parauapebas-PA

Elite Man

1° Aldinei Borges de Parauapebas-PA

2° Rodrigo Lima de Parauapebas-PA

3° Lucas Gaspar de Parauapebas-PA

Esportes

Parauapebas recebeu a cerimônia de abertura dos JEPS

Jogos Estudantis Paraenses começam nesta quinta-feira (24) e vai reunir alunos das cidades do sul e sudeste do Pará
Continua depois da publicidade

O Ginásio Poliesportivo de Municipal de Parauapebas recebeu na noite desta quarta-feira (23), a cerimônia de abertura oficial dos Jogos Estudantis Paraenses (JEPS), que serão realizados de 24 a 27 de maio. Atletas de nove cidades do sul e sudeste do estado do Pará estarão disputando jogos nas modalidades de futsal, voleibol, basquetebol e handebol, no masculino e feminino. Destaque para a delegação de Parauapebas, que irá participar com 157 atletas.

A cerimônia de abertura contou com as execuções dos hinos do Brasil, do estado do Pará e da cidade de Parauapebas, além da apresentação das meninas do balé, que fazem parte do projeto da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), onde recentemente conquistaram bons resultados em evento realizado em Marabá. Também houve o juramento do atleta e a tocha simbólica dos JEPS foi acesa pela estudante Emilly Mota.

“Eu me senti maravilhada pela primeira vez carregar uma tocha. É um orgulho para todos, tanto para o meu time, como representando todos os municípios que estão aqui nesse momento”, falou Emilly Mota.

O evento contou com a presença de alunos, professores, organizadores, autoridades locais e os secretários da SEMED e SEMEL, que juntos estão em parceira no evento que é realizado pelo governo do estado do Pará.

 “Um momento importante para a nossa cidade, para os nossos atletas e não deixa de ser importante também para as cidades vizinhas. Um momento de integração, um momento de esporte que com certeza vai ficar marcado na vida de todos esses alunos”, afirmou Laoreci Diniz, secretário da SEMEL.

As escolas vencedoras dos JEPS da etapa regional garantem vaga para a próxima fase estadual, que será realizada na capital Belém no final do ano. Quem for bem na capital vai participar da etapa nacional.

“Quem se classificar nessa etapa regional vai para a fase estadual, que vai ser em Belém e esse ano vão reunir as duas categorias e nós vamos realizar as finais no Ginásio Mangueirinho, na Arena Guilherme Paraense, e será transmitida ao vivo por uma emissora”, afirmou Ana Glória Guerreiro, diretora geral dos jogos.

A partir desta quinta-feira (24), as escolas estarão participando de jogos acirrados e contará com alunos das cidades de Parauapebas, Bom Jesus do Tocantins, Canaã dos Carajás, Jacundá, Marabá, Nova Ipixuna, Pacajá, Rondon do Pará e São Geraldo do Araguaia.

Esportes

Atlético Paraense derrota o MP nos pênaltis e conquista o título

Dos 34 times, 30 deles participaram do torneio início que movimentou a comunidade Palmares Sul
Continua depois da publicidade

Na manhã deste domingo (20), foi dado o pontapé inicial para a 18ª Edição da Copa Palmares de Futebol de Campo, no Estádio Castanheirão, na comunidade Palmares Sul. Das 34 equipes que vão disputar a competição, 30 delas foram inscritas para a participação no torneio início. O time do Atlético Paraense venceu nos pênaltis, por 2 a 1, a equipe do MP, após empate sem gols no tempo normal e ficou com o título do torneio início, garantindo vaga na 2ª fase da competição.

“Mais um grande torneio, um grande evento, organizado pela SEMEL com a parceria da comunidade Palmares e graças a Deus, tudo dentro do organizado, tudo dentro do programado com uma grande final”, disse Laoreci Diniz, secretário da SEMEL.

Os 30 times se enfrentaram ao logo do dia no torneio início, que teve os jogos com duração de 10 minutos, em único tempo, no sistema eliminatório e obedecendo alguns critérios para desempates como: escanteios a favor, cartões amarelos e vermelhos do adversário e por último, cobranças de pênaltis. Depois de grandes jogos, chegaram para decidir o título às equipes do Atlético Paraense e MP.

O regulamento da final foi diferenciado, com escanteios e cartões, não dando vantagens a nenhuma das equipes e com o tempo de 15 minutos corridos. A decisão foi acirrada e teve o apito de Nielma Arouche. O Atlético Paraense chegou a marcar, mas a árbitra anulou o gol marcando impedimento no lance e a partida terminou com o placar em branco. A decisão foi para os pênaltis alternados.

Melhor para o Atlético Paraense, que venceu por 2 a 1, e conquistou o título do torneio início e a vaga na segunda fase da 18ª Edição da Copa Palmares de Futebol de Campo. Rodrigo e Jeferson marcaram para o Atlético, enquanto que Bruninho marcou para o MP, e Gilmar parou na defesa do goleiro Mauro, que defendeu a cobrança e saiu para comemorar com a torcida atleticana no Estádio Castanheirão.

“A gente entrou meio que azarão porque a gente vem de uma competição de vice-campeão e entramos para complementar a competição, mas queremos ganhar também”, falou Jeferson, atacante do Atlético Paraense.

A Copa Palmares, um evento organizado pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), começa no próximo sábado (26), em partidas eliminatórias, no chamado confrontos de mata-mata.

“Que bom que todos gostaram. Acabamos esse ano conseguindo terminar o torneio início no tempo previsto em uma grande festa, uma grande final”, avaliou Laoreci Diniz.

Por Fábio Relvas

 

Parauapebas

Parauapebas: crianças do Alto Bonito participam de manhã de esporte lazer

O evento contou com aulas de balé, de judô, recreação, futebol, Mambol, pintura, jogos de mesa (ping-pong e pebolim), além da distribuição de kits com suco, pipoca e brindes diversos.
Continua depois da publicidade

Mais de 400 crianças e adultos que residem no Residencial Alto Bonito, em Parauapebas, se divertiram neste fim de semana em uma ação de esporte e lazer promovida por uma faculdade particular, em parceira com a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente de Parauapebas (COMDCAP), e lideranças do bairro.

A iniciativa é de Edilberto Serpa, professor e educador físico formado pela UFMG, com especialização em educação especial inclusiva, e dos alunos de educação física de uma faculdade local.

Serpa destaca que “produzir, sistematizar e socializar o saber (seja ele filosófico, científico, artístico ou tecnológico) amplia e aprofunda a formação do ser humano para o exercício profissional, em busca da construção de uma sociedade justa e democrática e da defesa da qualidade de vida”. Esclarecendo, ainda, que “nada mais justo do que a Faculdade utilizar de suas ferramentas educacionais para promover atividades e criar projetos como o “RUA DE LAZER”, que irá, inicialmente, utilizar algumas atividades esporádicas de recreação na comunidade, dentro da perspectiva de oferecer diversão e o lazer dirigido para estas crianças que não possuem condições econômicas de arcar com a prática esportiva.

O evento contou com aulas de balé, de judô, recreação, futebol, Mambol, pintura, jogos de mesa (ping-pong e pebolim). Foram distribuídos kits com suco, pipoca e brindes diversos às crianças.

Thiego Marques, atleta da Seleção Brasileira Paralímpica de Judô prestigiou o evento. Ele, que é de Parauapebas, levou todas as medalhes e troféus que ganhou ao longo de sua vitoriosa carreira para que as crianças do Alto Bonito pudessem vê-las e assim se sentirem incentivadas à prática do judô. O atleta parauapebense embarca na próxima quinta-feira para Antara, na Turquia, onde participa da Copa do Mundo de Judô Paralímpico, classificatória para Tóquio 2020.

Esporte

Vagas para atividades esportivas disponíveis gratuitamente na Secretaria de Esportes de Parauapebas

Crianças e adolescentes de até dezessete anos podem se inscrever para as atividades.
Continua depois da publicidade

A prática de atividades esportivas é sempre indicada por especialistas da área de nutrição para o público infantil e juvenil, principalmente por conta do aumento considerável da obesidade em crianças e adolescentes. Os pais que tem interesse de colocar os filhos em atividades esportivas, gratuitamente, podem contar com as modalidades ofertadas pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel).

No início do ano a secretaria disponibilizou vagas para diversas modalidades esportivas, entre elas judô, jiu-jitsu, caratê, balé, vôlei, handball, futsal, capoeira e bicicross, e agora, no final do semestre, algumas vagas foram abertas para essas modalidades. Crianças e adolescentes de até dezessete anos podem se inscrever para qualquer uma dessas atividades.

De acordo com o secretário, Laoreci Diniz, cerca de quatro mil alunos estão matriculados na Semel. As aulas ocorrem sempre nos três principais polos esportivos: o Ginásio Poliesportivo, localizado no bairro Beira Rio, o Complexo, localizado no bairro Rio Verde, e a Praça da Juventude, no bairro Habitar Feliz II (Casas Populares II).

As inscrições são realizadas também nos polos, das 8 às 14 horas. É necessário que o responsável leve cópias dos seus documentos pessoais e também dos seus filhos, assim como comprovante de residência. Agora em julho a maior parte dos alunos entrará de recesso, as atividades retornarão a partir de agosto.