Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Série B

Em jogo movimentado, Paysandu e Luverdense ficam no empate em Lucas do Rio Verde

O Papão saiu na frente no placar com o gol do atacante Bergson, mas cedeu o empate ao Verdão do Norte
Por Fábio Relvas

Luverdense e Paysandu fizeram um jogo equilibrado na noite desta terça-feira (17/10), no estádio Passo das Emas, em Mato Grosso. A partida foi válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Papão saiu na frente com o atacante Bergson, logo aos 11 minutos de jogo, mas cedeu o empate aos 48 minutos da primeira etapa. O gol do Verdão do Norte foi assinalado pelo meio-campista Marcos Aurélio. O resultado de 1 a 1 foi péssimo para as duas equipes, que estão com o propósito de não cair para a Série C. O Papão é o 12º colocado com 38 pontos, enquanto que o LEC segue na zona de rebaixamento em 17º lugar com seus 35 pontos.

O Paysandu Sport Club volta a campo contra o Londrina-PR, no próximo sábado (21/10), às 16h30, no estádio do Café, em Londrina, no Paraná. O jogo será pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Tudo igual: 1 a 1

As duas equipes começaram o jogo buscando o ataque e quem chegou primeiro foi o Luverdense. Após boa triangulação na frente, Rafael Ratão ficou cara a cara para marcar, mas o goleiro Emerson saiu abafando o lance. Em seguida, Marcos Aurélio tentou surpreender o arqueiro bicolor e mandou um chute forte de fora da área, obrigando o goleiro a espalmar para escanteio.

Depois do susto inicial, o Paysandu foi para o ataque e não perdoou. Logo aos 11 minutos de jogo, o ataque Bergson avançou pelo meio e disparou para o fundo do gol do goleiro Diogo Silva, que se esticou todo e não alcançou a bola, que foi no cantinho direito, 1 a 0 Papão para a alegria da Fiel Bicolor, que compareceu ao estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde. O time paraense cresceu na partida e Juninho arriscou um chute da entrada da área, a bola desviou na zaga e foi para escanteio.

Em uma jogada cheio de estilo, Augusto Recife e Caion, tabelaram a bola trocando bons passes de cabeça, até que Caion matou no peito para chutar, mas foi travado pela defesa.  O LEC chegou em duas oportunidades. Na primeira, Sérgio Mota cobrou escanteio na primeira trave e Rafael Silva desviou sem muito perigo a meta bicolor. Na sequência, Marcos Aurélio tabelou com Rafael Ratão e disparou, mandando pela linha de fundo.

O Luverdense foi para a pressão. Aderlan cruzou na área, o zagueiro Perema não conseguiu cortar, mas o atacante Alfredo do Verdão do Norte não aproveitou a falha do defensor bicolor. Sérgio Mota arriscou de fora da área e o goleiro Emerson atento fez a defesa para o Papão. O time da casa teve tudo para empatar, quando Rafael Ratão recebeu passe de lateral e entrou sozinho e na hora de finalizar chutou cruzado para fora, a bola passou na boca do gol e não entrou.

O LEC chegou a marcar um gol, depois que a bola foi alçada na área do time paraense, o atacante Alfredo raspou de cabeça e Rafael Ratão ficou sozinho para completar e finalizar para a rede, mas a arbitragem invalidou o lance marcando impedimento.  O Papão voltou a atacar com Bergson, que foi derrubado perto da grande área. O lateral-direito Ayrton cobrou a falta e isolou mandando muito longe da meta adversária. Em mais um lance bicolor, Caion se livrou da marcação e conseguiu chutar sem ângulo, mas parou na defesa de Diogo Silva.

Quando tudo estava se encaminhado para o Paysandu deixar o gramado vencendo na primeira etapa, eis que surge um cruzamento da esquerda na área bicolor e Marcos Aurélio testou firme no meio da zaga do Papão e empatou o jogo, aos 48 minutos, 1 a 1. Após o gol, o meio-campista do time do Mato Grosso foi provocar a torcida da equipe paraense mostrando o escudo da camisa.

No segundo tempo, a partida seguiu movimentada. O atacante bicolor Bergson arriscou de fora da área, a bola bateu forte no chão e quase enganou o goleiro Diogo Silva, que acabou defendendo. O LEC começou a apostar na bola parada. Em uma cobrança de escanteio, Rafael Silva tocou de cabeça levando perigo a meta do Papão. Além disso, a equipe do Mato Grosso começou a chutar de qualquer jeito afim de testar o goleiro Emerson.  Sérgio Mota mandou um chutaço de fora da área, o arqueiro bicolor defendeu e deu rebote, mas conseguiu ficar com a bola na sequência. Caion deu o troco para o Paysandu entrando na área e chutando firme, a bola passou tirando a tinta da trave.

Sérgio Mota, o jogador mais perigoso do Luverdense, mandou um chute perigoso, assustando o goleiro Emerson. No lance seguinte, Aderlan cruzou na área, o arqueiro bicolor saiu catando borboleta e não achou nada, a bola caiu nos pés de Eduardo que sozinho e com o gol livre, conseguiu fazer o mais difícil, mandar para fora, levando a torcida do LEC ao desespero. Apesar do jogo noturno, o calor estava forte em Lucas do Rio Verde e o árbitro Felipe Gomes da Silva do Paraná, deu a parada técnica.

O Verdão do Norte queria a vitória e tentava chegar ao ataque. O zagueiro William resolveu chutar de longe e errou feio o alvo, a bola nem assustou o goleiro Emerson. Sérgio Mota pegou uma sobra da zaga bicolor, mas também errou a pontaria. Blitz total do Luverdense, em outro lance de Sérgio Mota, o meio-campo do time da casa chutou, o arqueiro do Papão soltou e Eduardo mandou para fora.

O Paysandu começou a retardar o jogo com alguns atletas caindo em campo. Mas em um contra-ataque, quase o time visitante surpreende na arrancada de Weliton Júnior, que deixou para Magno Ribeiro, o atacante chutou e parou na defesa de Diogo Silva. A partida virou lá e cá e a equipe da casa buscou a vitória com o atacante Eduardo, que entrou na área e chutou sem ângulo, Emerson segurou. O árbitro deu sete minutos de acréscimos e o técnico Marquinhos Santos do Papão foi a loucura. Ninguém conseguiu alterar mais o placar e a partida terminou mesmo empatada em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE: Diogo Silva; Aderlan, Neguete, William e Paulinho; Moacir, Marcos Aurélio e Sergio Motta; Rafael Ratão (Cléu Silva), Alfredo (Eduardo) e Rafael Silva (Douglas Baggio). Técnico: Júnior Rocha

PAYSANDU: Emerson; Perema, Diego Ivo e Rafael Dumas (Jean); Nando Carandina, Renato Augusto e Augusto Recife, Ayrton e Juninho (Magno); Bergson (Welinton Júnior) e Caion. Técnico: Marquinhos Santos

Árbitro: Felipe Gomes da Silva (CBF-PR)

Assistentes: Luiz Santos Souza Renesto (CBF-PR) e Diego Grubba Schitkovski (CBF-PR)

Cartões amarelos: Neguete e Marcos Aurélio (Luverdense); Nando Carandina e Bergson (Paysandu)

Gols: Bergson aos 11 minutos do 1º tempo para o Paysandu e Marcos Aurélio aos 48 minutos do 1º tempo para o Luverdense

Local: Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, Mato Grosso

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!