Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Canaã dos Carajás

Em noite de encantos, música clássica chega a Canaã dos Carajás

Com direção artística da renomada pianista Simone Leitão, a Academia Jovem Concertante apresenta grandes clássicos da música erudita e atrai bom público ao Ginásio Antônio Chorão

Ao som de violinos, violoncelos e flautas, os encantos da música erudita chegaram a Canaã dos Carajás e arrancaram suspiros da animada e curiosa plateia que compareceu ao Ginásio Municipal Antônio Chorão, na noite desta quinta-feira (1). As afinadas notas representaram algumas das peças mais famosas e respeitadas do compositor austríaco Mozart. A orquestra Academia Jovem Concertante (AJC) viaja por todo o Brasil promovendo a música erudita; entre os estados visitados estão o Maranhão, São Paulo, Bahia e Rio Grande do Sul estão entre os principais.

O projeto tem caráter itinerante, possui repertório variado e visa preparar o jovem músico para o seu futuro como integrante de grandes orquestras no Brasil e no mundo. A AJC também tem o objetivo de levar a música sinfônica para lugares e espaços pouco explorados em todo o país. A cada novo lugar, os músicos que compõem a orquestra são novamente selecionados, e a preferência fica sempre para quem é da casa. No concerto em Canaã, 21 dos 29 membros da sinfonia são paraenses de várias cidades do estado.

Presente desde a gênesis do projeto, o jovem Thierry Neves, de 21 anos, falou sobre o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos: “É bonito de ver o crescimento desse projeto em âmbito nacional e também como ele inspira os mais jovens. É muito bom saber que conseguimos inspirar cada vez mais pessoas por onde passamos. Muitas vezes, o que nos falta é acreditar que é possível. Através da Academia e do contato com o maestro Daniel e a Simone, eu consegui sonhar mais e procurar sempre alcançar lugares mais altos.”

O talentoso e requisitado maestro Daniel Guedes também concedeu entrevista e explicou os objetivos da Academia Jovem Concertante: “O projeto já está no seu sétimo ano e consiste em reunir jovens talentosos do país todo. Em cada local, priorizamos os jovens de cada região. A ideia é proporcionar o intercâmbio entre eles e, depois, o intercâmbio da orquestra com o público e levar a música a lugares que não têm a oportunidade de ouvir sempre uma orquestra sinfônica, como é o caso de Canaã.”

O maestro também explicou que o programa surgiu no Rio de Janeiro, a partir de uma ideia da pianista Simone Leitão: “ela me convidou para ser o regente, somos amigos há muito tempo e parceiros musicais. A primeira etapa foi uma turnê e percorreu o país todo, a partir disso, foi plantada a semente e o projeto continua acontecendo todos os anos.”

O prefeito Jeová Andrade também marcou presença no grandioso evento: “esse é um projeto muito bom que a Vale está fazendo em vários municípios do Pará e do Brasil. Eu acredito que esse é um momento ímpar para Canaã; essa é uma cultura um pouco distante da realidade da população. A música clássica é realmente de muita qualidade. Esse é um grande incentivo à cultura da nossa sociedade.”

A velocidade com que os dedos da pianista e idealizadora do projeto, Simone Leitão, tocavam as teclas do piano impressionou quem esteve presente no local. Reconhecida pelo talento em todo o mundo, a pianista também falou: “Este é um projeto que nasceu de vários corações e foi abraçado pela Vale e pelo Ministério da Cultura. Esses jovens ficaram durante uma semana concentrados em Parauapebas, no Centro Cultural, para aprimorar o trabalho. Para mim, é um grande prazer estar em Canaã dos Carajás. Essa é a primeira etapa realizada na Região Norte e tudo é um prazer enorme para todos nós.”

Além das sinfonias dramáticas e eufóricas de Mozart, as lamentações de alguns compositores brasileiros do Nordeste foram tocadas pela orquestra e emocionaram os presentes. A próxima parada dos músicos é na cidade de Marabá, no próximo sábado (3), em apresentação que encerrará o ciclo de espetáculos da orquestra na etapa Pará.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!