Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Trânsito

Faixas apagadas levam riscos de acidentes a pedestres e condutores marabaenses

Departamento de Trânsito garante que dentro de 15 dias empresa contratada começa a revitalizar a sinalização

Por Eleutério Gomes – de Marabá

O blog ouviu durante a semana várias reclamações dando conta da precariedade das faixas de pedestres na área urbana de Marabá. Muitas delas estão quase apagadas e outras já sumiram totalmente. O problema acontece nos três núcleos urbanos da cidade, acarretando risco tanto para pedestres quanto para condutores.

José Marinho, 64 anos, aposentado, diz que por pouco não foi atropelado numa dessas faixas, na semana passada, na Transamazônica. “O motorista sabia que ali era uma travessia e que antes tinha uma faixa, mas fez que não sabia”, reclamou ele.

De outra parte, o motorista Cláudio Peres, que disse ser novo em Marabá – veio do Estado do Tocantins -, relatou que foi “xingado de tudo o que é nome feio” por uma mulher, no início da semana, numa das grandes via da Nova Marabá, a qual ele não soube identificar, porque não parou numa faixa. “Depois é que fui perceber que ali era uma passagem de pedestre, a sinalização está muito apagada”, explicou.

Porém, há os motoristas que reclamam de pedestres que “não sabem, atravessar nas faixas”. “Muitos são afoitos e vão logo atravessando, não importa se o carro vem longe ou perto”, diz Haroldo Saldanha, que dirige em Marabá há 35 anos e ensina: “A pessoa deve descer da calçada e parar na margem da pista. Quando todos os veículos pararem, aí sim, é que ela atravessa”.

E ele está certo, pois essa é a orientação para pedestres ao atravessarem vias nas faixas de pedestres, que, além de ficarem parados na margem da pista, podem também levantar o braço para chamar atenção dos condutores. Já para os ciclistas, a orientação é de que não cruzem a faixa montados nos veículos. Eles devem descer e empurrar a bicicleta.

Outro lado

Ouvido pelo blog, o diretor do DMTU (Departamento Municipal de Trânsito e Transporte Urbano), Jocenilson Souza, informou que o processo de licitação para a contratação da empresa que vai revitalizar a sinalização de trânsito na cidade já está na fase final. “Eu creio eu dentro de, no máximo, 15 dias a empresa já estará pintando as faixas. Hoje temos várias demandas para atender com urgência, das associações, do Ministério Público. São muitas e no início a prioridade será para aquelas que ficam na frente das escolas”, anuncia ele.

Jocenilson disse também que, após a revitalização de todas as faixas, o Departamento de Trânsito inicia imediatamente campanha educativa a fim de instruir pedestres e ciclistas sobre o uso delas. Assim como vai instruir também os condutores a ter a serem pacientes e aguardarem até que não haja mais ninguém na faixa, para depois seguirem em frente.

Comentários ( 2 )

  1. E tem a passarela em frente ao INSS, no Incra, que está disponível (nada indica o contrário…), a faixa foi “removida”, mas os pedestres não utilizam a mesma.

  2. Ainda tem a faixa de pedestre apagada logo abaixo da passarela que fica em frente ao INSS.
    Uma faixa desnecessária, haja vista que existe uma PASSARELA acima dela.
    Mas alí ninguém entende o que tentaram fazer, pois existe uma seta indicativa em cima da faixa orientando seguir adiante ou entrar à esquerda.
    Não deveriam apagar a faixa???
    Seria bom o DMTU resolver esse impasse com a maior brevidade possível.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!