Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Sindicatos

Atualizado: Metabase Carajás assinou ontem (22) Acordo Coletivo 2017/2018 com a Vale

Após três Assembleias, funcionários aceitaram a proposta da empresa e agora aguardam o salário mais incrementado em dezembro. Mineradora Vale vai desembolsar mais de R$50 milhões em 1º de dezembro.
Continua depois da publicidade

O Sindicato dos Trabalhadores da Mineração – Metabase Carajás – assinou ontem (22) a noite o Acordo Coletivo 2017/2018 com a Vale referentes aos benefícios de 13 mil funcionários das Minas de Carajás, Manganês, Serra Leste, Sossego, S11D e Salobo.

Depois das Assembleias, que iniciaram na sexta-feira (17) e encerraram na terça-feira (21), os funcionários aprovaram por unanimidade a proposta da empresa. Agora, eles aguardam os salários com os valores reajustados em 2,5%, mais abono de R$ 1.200,00 pela retirada da cobertura dos tratamentos ortodônticos e implantes, e cartão alimentação com o valor duplicado de R$ 1.435,00.

“A folha de pagamento da Vale totalizando os quatro municípios no sudeste do Pará é de mais de R$ 38 milhões. Com os benefícios do acordo aprovado, dia 01 de dezembro, a empresa vai injetar na economia local cerca de R$ 53 milhões. Só os supermercados vão receber cerca de R$ 18 milhões, em função do valor dobrado, referente ao 13º do cartão alimentação”, explicou o presidente do Metabase Carajás, Raimundo Amorim, conhecido como “Macarrão”.

Esses valores animam o comércio local para esquecer um pouco da crise e, de acordo com conversa do Blog com alguns funcionários, a maior parte dos recursos será utilizado para quitar dívidas acumuladas no ano.

 

Datas de pagamentos dos benefícios
Dia 25 de novembro/2017
Pagamento do 13° crédito do cartão de alimentação no valor de R$ 735,00 (Já considerando o resíduo de R$ 17,50 do crédito do mês de novembro);

Dia 30 de novembro/2017
Pagamento do crédito de dezembro do cartão de alimentação no valor de R$ 717,50(Valor vigente do cartão de alimentação);

Dia 01 de dezembro/2017
Pagamento da indenização no valor de R$1.200,00 (não haverá desconto de Imposto de Renda, como a Vale informou anteriormente).

Deixe uma resposta