Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Mineração

Parauapebas deixa de arrecadar cerca de R$ 1,5 milhão com os dois dias de interdição nas operações da Vale.

O prejuízo considera apenas o recolhimento da Contribuição Financeira pela Exploração Mineral (CFEM)
Continua depois da publicidade

O prejuízo considera apenas o recolhimento da Contribuição Financeira pela Exploração Mineral (CFEM), paga pelas empresas mineradoras e que é repassada aos Estados, ao Distrito Federal, aos Municípios e aos órgãos da administração da União pela utilização econômica dos recursos minerais.

O total de R$ 324 milhões de CFEM já foram recolhidos de janeiro a outubro de 2017 pela atividade minerária no município. Desde total, Parauapebas recebeu R$ 211 milhões. Com a interdição, o município perde por dia o montante de R$ 702 mil , além do impacto na arrecadação para Governo do Pará e Governo Federal.

Hoje (28), por volta das 15 horas, os manifestantes ligados a FNL liberaram os bloqueios à Portaria da Flona de Carajás, da Estrada Faruk Salmen, que liga ao Projeto Salobo, e da Estrada de Ferro Carajás.

Fonte: DNPM

Deixe uma resposta