Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Futebol

Paysandu fica no empate com o Luverdense no Mangueirão e deixa escapar o bi da Copa Verde

Os bicolores precisavam de mais dois gols para levar a decisão para os pênaltis. Já o Luverdense ganhou o título invicto e inédito nos 13 anos do clube.

Por Fábio Relvas

O Paysandu bem que tentou o bicampeonato da Copa Verde 2017, mas não conseguiu seu objetivo ao ficar apenas no empate diante do Luverdense-MT. Como o jogo de ida terminou com a vitória do time do Mato Grosso, por 3 a 1, os bicolores precisavam vencer de 2 a 0 para levantar a taça. O Papão abriu o placar logo aos três minutos de jogo com o atacante Leandro Carvalho, que mandou um chutaço de fora da área. O LEC chegou ao empate aos 33 minutos do 2º tempo com o atacante Rafael Silva, que cobrou pênalti com muita categoria. A partida foi realizada na noite desta terça-feira (16/05), no estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém.

O jogo: Paysandu 1 x 1 Luverdense

Empurrado pela Fiel Bicolor, o Paysandu sufocou o Luverdense. Logo aso três minutos, Diogo Oliveira foi derrubado perto da grande área. Na cobrança de falta ensaiada, a bola foi cortada pela zaga para o meio da área, caindo nos pés de Leandro Carvalho, que soltou um foguete de primeira acertando o canto esquerdo, 1 a 0 Papão, estremecendo o Mangueirão. O Luverdense não sentiu o gol e tentou empatar na jogada do lateral esquerdo Paulinho, que avançou e mandou um chute forte, a bola passou longe da meta de Emerson.

O ritmo do Paysandu seguia forte no jogo e após uma lambança da zaga adversária, Leandro Carvalho tentou marcar de longe, mas errou o alvo. Aos 14 minutos o “tempo fechou” com uma confusão generalizada, depois que Maico Gaúcho, gerente executivo do Luverdense, ameaçou chutar a bola em cima de um jogador bicolor. O membro da comissão técnica foi expulso do banco de reservas pelo árbitro Rodrigo Batista Raposo do Distrito Federal. Maico Gaúcho na época de jogador profissional atuou no Clube do Remo, rival do Paysandu. Também na hora da confusão, o jogador Daniel Sobralense que estava no banco do Papão levou cartão amarelo.

O LEC tentou empatar o jogo depois de uma boa triangulação, mas o atacante Raphael Macena estava impedido na hora de concluir. O Papão buscou ampliar quando Ayrton arrancou pela direita e cruzou, a bola passou do atacante Bergson e se perdeu pela linha de fundo. Depois disso, o Luverdense teve três chances de igualar o marcador. Na primeira, Raphael Macena fez grande jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para a chegada de Douglas Baggio que mandou de primeira por cima da meta. Na segunda, em um bom contra-ataque, Rafael Silva chegou na frente da meta e chutou para a grande defesa de Emerson. Na terceira, Marcos Aurélio arrancou pelo meio e chutou para outra defesa do goleiro bicolor.

Precisando de mais um gol para ficar com o título da Copa Verde, o Paysandu voltou a atacar, mas o chute de fora da área de Rodrigo Andrade saiu fraquinho para a defesa tranquila de Diogo Silva. E o movimentado primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Papão.

No segundo tempo, o Verdão do Norte não deixou o Paysandu sufocar como fez na primeira etapa. Os visitantes saíram um pouco de trás e voltaram a atacar o Papão. Em uma bobeira de Rodrigo Andrade, Marcos Aurélio roubou a bola e foi derrubado na entrada da área em cima da meia lua. Marcos Aurélio soltou a bomba, a bola explodiu na trave e na sobra Erik não conseguiu marcar para o Luverdense.

Em uma troca de passes no ataque bicolor, Ayrton tentou surpreender disparando forte, mas a bola saiu pela linha de fundo. No lance seguinte, Ayrton cobrou falta da direita, Wesley cabeceou e a bola passou na frente de dois jogadores do Paysandu e não entrou, a galera gritou “uh”. O atacante Rodrigo Fumaça que entrou no lugar de Raphael Macena, recebeu passe e mandou um chute perigoso. Na outra tentativa do Luverdense, a bola caiu nos pés de Marcos Aurélio que chutou forte e rasteiro, a bola passou tirando a tinta da trave de Marcão.

O atacante Rodrigo Fumaça entrou bem na partida, após uma sobra de bola na área, o jogador do LEC foi derrubado pelo goleiro Marcão. Pênalti assinalado. Rafael Silva cobrou com muita categoria e empatou o jogo, aos 33 minutos. Rodrigo Fumaça provocou os bicolores e o “tempo fechou” novamente no Mangueirão. O Paysandu não tinha outra alternativa a não ser atacar e foi desesperadamente em busca de gols, mas errava muitos passes.

A torcida estava tensa nas arquibancadas. O Papão precisava de mais dois gols para levar a decisão para os pênaltis. Leandro Carvalho fez boa jogada na entrada da área e cruzou para Daniel Sobralense, que não conseguiu dominar a bola. O desespero era visível nos atletas bicolores, que tentavam chegar sem força ao ataque. Em uma bola alçada na área, o goleiro Diogo Silva não cortou e Gilvan desviou para fora. Final de jogo: Paysandu 1 x 1 Luverdense-MT. A equipe de São Lucas do Rio Verde conquistou o título inédito da Copa Verde, garantindo vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil 2018 e levando para casa R$ 180 mil pela conquista.

FICHA TÉCNICA

Paysandu: Emerson (Marcão); Ayrton, Perema, Gilvan e Willian Simões (Daniel Sobralense); Wesley, Rodrigo Andrade e Diogo Oliveira; Leandro Carvalho, Bergson (Will) e Alfredo. Técnico: Marcelo Chamusca.

Luverdense: Diogo Silva; Aderlan, Pierre, Dalton (Neguete) e Paulinho; Ricardo, Marcos Aurélio (Alaor Júnior) e Douglas Baggio; Rafael Silva, Erik e Raphael Macena (Rodrigo Fumaça). Técnico: Júnior Rocha.

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF) – Assistentes: Daniel Henrique da Silva (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF)

Cartões amarelos: Daniel Sobralense, Leandro Carvalho, Wesley e Marcão (Paysandu); Diogo Silva, Ricardo, Erik e Rodrigo Fumaça (Luverdense)

Gols: Leandro Carvalho, aos três minutos do 1º tempo para o Paysandu e Rafael Silva, aos 33 minutos do 2º tempo para o Luverdense.

Local: Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém

Renda: R$ 668.225,00

Público: Pagantes: 26.653  – Não pagantes: 1.900  – Total: 28.553

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!