Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Futebol

Paysandu quebra jejum de vitórias em Belém diante do ABC no estádio da Curuzu e chega aos 30 pontos na Série B

O Papão não teve dificuldades contra o time de Natal e somou mais três pontos, mas permanece em 14º lugar

Por Fábio Relvas

Após dois meses sem vencer em Belém, o Paysandu quebrou o jejum ao derrotar o ABC-RN, no estádio da Curuzu, na tarde deste sábado (16/09). O Papão fez 2 a 0 no adversário que é o lanterna da Série B. Os gols bicolores foram assinalados pelo volante Rodrigo Andrade aos 11 minutos do 1º tempo e pelo atacante Marcão aos seis minutos do 2º tempo. A vitória deixou o time bicolor com 30 pontos, que segue em 14º lugar na classificação. A partida foi válida pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Papão volta a campo conta o Goiás-GO no próximo sábado (23/09), às 16h30, no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

O jogo: 2 a 0 Papão!

O Paysandu entrou em campo pressionado pela torcida devido aos fracassos seguidos dentro de casa pelo Campeonato Brasileiro da Série B. Os jogadores do Papão sabiam da necessidade da vitória contra o lanterna ABC-RN. O time paraense começou melhor o jogo se atirando ao ataque. Bergson dominou uma bola de frente, arrumou, ajeitou e disparou, mas mandou muito alto, longe da meta adversária.

O time Potiguar começou a chegar mais duro nos jogadores bicolores. Em um lance que levava perigo, o meia Diogo Oliveira driblou o zagueiro Vinícius e sofreu falta. De tanto tentar sufocar o adversário, o Paysandu chegou ao seu gol, quando o volante Rodrigo Andrade recebeu pelo lado direito, cortou a marcação para o meio e bateu colocado, tirando a chance de defesa do goleiro Edson, belo tento bicolor, aos 11 minutos do 1º tempo: 1 a 0!

O Paysandu seguiu em cima, após sobra de bola, o zagueiro Diego Ivo emendou um chute de primeira, mas o goleiro Edson pegou com tranquilidade. O forte calor no estádio da Curuzu, fez o árbitro Leandro Pedro Vuaden do Rio Grande do Sul determinar a parada técnica para os jogadores se hidratarem.  Quando a partida retornou, o atacante Bergson teve tudo para marcar o segundo gol bicolor, após uma dividida na área, a bola sobrou para o jogador do Papão que parou na boa defesa de Edson.

O ABC dava muito espaço aos donos da casa e o Paysandu tentava chegar de qualquer maneira. Em uma troca de passes, Nando Carandina recebeu de Guilherme Santos e chutou rasteiro, a bola passou longe da meta abcedista. E o fraco primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Papão.

Na etapa derradeira, o Paysandu aproveitou a falha de marcação do ABC para ampliar. A tabela foi entre os atacantes do Papão, Bergson recebeu e tocou para Marcão chutar forte e estufar as redes, logo aos seis minutos: 2 a 0! Para alegria da Fiel Bicolor. Após o gol sofrido, finalmente o time de Natal chegou ao ataque, depois do cruzamento da direita de Levy, Lucas Coelho cabeceou firme, mas mandou por cima da meta do goleiro Emerson.

Após o susto, o time bicolor seguiu pressionando o adversário. Em uma boa jogada de Lucas Taylor, que cruzou na medida para Marcão, o atacante do Papão sozinho conseguiu desperdiçar uma chance clara. Na sequência, depois de uma boa triangulação, foi a vez do atacante Bergson ficar de frente para o crime, mas chutou muito longe da meta de Edson. Era uma chuva de gols perdidos. No lance seguinte, Marcão mergulhou de cabeça se antecipando ao goleiro, mas a bola foi para fora.

Blitz total do Paysandu ocorreu quando Jhonnatan pegou uma sobra na área e acertou a trave, a bola sobrou limpa para Augusto Recife que sozinho fez o mais difícil, chutou para fora. No desespero o ABC tentou surpreender em chute de longa distância, mas o atacante Daniel Cruz mandou muito alto e nem assustou o goleiro Emerson. Final de jogo: Paysandu 2 x 0 ABC.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Emerson; Lucas Taylor, Perema, Diego Ivo (Douglas Mendes) e Guilherme Santos; Renato Augusto, Rodrigo Andrade (Augusto Recife), Nando Carandina e Diogo Oliveira (Jhonnatan); Bergson e Marcão. Técnico: Marquinhos Santos

ABC: Edson; Levy, Vinicius (Daniel Cruz), Cleiton e Daniel Nazaré; Márcio Passos, Felipe Guedes e Gegê; Fabinho (Berguinho), Jean Carlos (Lucas Coelho) e Adriano Pardal. Técnico: Itamar Schulle

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden do Rio Grande do Sul

Assistentes: José Eduardo Calza e Mauricio Coelho Silva Penna, ambos do Rio Grande do Sul

Gols: Rodrigo Andrade aos 11 minutos do 1º tempo e Marcão aos 6 minutos do 2º tempo para o Paysandu

Local: Estádio Leônidas Castro (Curuzu), em Belém

Renda: R$ 111.720,00

Pagantes: 3.734

Credenciados: 1.235

Sócio Bicolor: 1.715

Total: 6.684

Foto: Jorge Luiz/Ascom do Paysandu.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!