Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Pequeno Gigante: Pedrinho, aos 6 anos, é campeão mundial de karatê na Escócia

O feito do carateca se tornou um fato inédito para a cidade de Parauapebas 
Continua depois da publicidade

O atleta de Parauapebas, Pedro Antônio Pereira da Cunha, mais conhecido como Pedrinho, de apenas seis anos, conquistou o Campeonato Mundial de Karatê realizado na cidade de Dundee, na Escócia, no período de 14 a 17 de junho. A competição reuniu 48 seleções mundiais, que competiram entre si, e com países considerados fortes na modalidade de karatê, como: Estados Unidos, Alemanha, Itália, Inglaterra, Ucrânia, Argentina, Escócia, África do Sul e Eslováquia.

Pedrinho conquistou a medalha de ouro na categoria de 6 a 7 anos, no kata, na faixa branca a laranja, e ainda conseguiu medalha de bronze, concorrendo em Kumite (luta). O atleta mirim disputou com todas as faixas, de branca a preta, obtendo a posição de terceiro melhor do mundo, sendo que o garoto é faixa vermelha. O feito do carateca se tornou um fato inédito para a cidade de Parauapebas, que formou um campeão mundial com apenas seis anos.

O atleta mirim começou a praticar o karatê aos quatro anos e de lá para cá vem conquistando diversos campeonatos, como o Paraense (2017), Copa Ramos (2017), o Brasileiro (2017) e o Norte e Nordeste (2018), onde obteve a classificação para o mundial. Sua preparação para a competição na Escócia foi intensa, quando o atleta chegou a treinar com garotos com idades mais avançadas, como de 9 até 11 anos, sendo oito vezes na semana.

O garoto Pedrinho conta com o total apoio da Prefeitura Municipal de Parauapebas, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), em parceria com o Sistema Único de Ensino Ágape, onde consegue conciliar o esporte e o estudo. O atleta tem todo o suporte necessário para que possa desenvolver suas atividades da melhor maneira possível, visando trazer bons resultados para a cidade.

Veja também:  AGAM vai realizar a 8ª Copa Girão de Karatê Interestilos no Ginásio Poliesportivo

“O secretário da SEMEL, Laoreci Diniz, tem nos apoiado junto com a Ágape. É uma parceria que vem nos ajudando muito a conquistar bons resultados e fazendo crescer o esporte. Só temos a agradecer também e muito, ao prefeito Darci Lermen, por essa oportunidade que tem nos apoiado e prestigiado de uma forma bastante abençoada. Eu sou muito grato a isso. Em relação ao mundial, enfrentamos os gigantes e nosso campeão pôde obter êxito, mostrando disciplina, treinamentos árduos e muita garra e determinação. Podemos dizer que foi o pequeno Davi enfrentando o grande Golias”, afirmou Valdivino Pereira, pai de Pedrinho.

Estava marcada uma carreata com Pedrinho, campeão mundial de karatê, para a tarde desta sexta-feira (22), mas devido ao jogo do Brasil na Copa do Mundo da Rússia, o comando do Corpo de Bombeiros deu recesso para a maioria da corporação, e por falta de contingente não foi possível realizar. A carreata deverá ser remarcada para semana que vem passando pelas principais vias da cidade de Parauapebas.

Seja o primeiro a escrever um comentário

  1. Parabéns ao Pedro e a todos aqueles que têm acreditado nele.
    Tenho observado que do nosso município tem surgido campeões. Cada um representando um esporte.
    Sonho um dia em que teremos no nosso município um grande centro de esportes, lazer e cultura. Uma grande academia de campões. Local onde nossos jovens possam praticar esportes e ser tornarem campões. E quem sabe, exportaremos campeões em alguns anos.

Deixe uma resposta