Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Parauapebas

Rapidinhas

As últimas do cotidiano da região

Apreensivos
O clima de final de ano em Marabá não é de festa. Servidores municipais andam apavorados com o temor de não receberem o salário de novembro. O de dezembro já têm certeza que não sai em 2016. Há temor também que o 13º não caia nas contas dos mais de 9 mil trabalhadores da Prefeitura Municipal.

Transição
Em Marabá, a equipe de transição do novo governo ainda não recebeu relatórios de algumas secretarias, embora tenham feito pedidos por escrito há mais de 20 dias. Duas secretarias são vistas como bicho-papão em Marabá: Saúde e Educação. A primeira já teve 12 gestores nos últimos oito anos e o atual só assumiu porque ninguém mais de competência reconhecida tem coragem para fazer isso.

Tô fora
O drama vai continuar o mesmo no futuro governo. O médico Adailton de Sá renegou o pedido do amigo Tião Miranda e não vai assumir a saúde a partir de janeiro próximo. O grupo mirandista está consultando vários profissionais de reconhecida competência no município, mas nenhum deles quer colocar a “bomba” na própria mão.

No batente
Enquanto isso, o prefeito eleito de Marabá, Tião Miranda, retornou na última semana de uma viagem a São Luís-MA, onde foi cuidar da saúde. Anteriormente, ele tinha ido a São Paulo com o mesmo objetivo. Seus assessores dizem que ele voltou animado e até já participou de reunião da comissão de transição. O vice, Antônio Cunha Sá, o Toni Cunha, disse hoje à tarde ao blog que em dezembro (não deu data precisa) Tião deverá anunciar sua equipe de governo (enxuta, porque várias secretarias serão fundidas, segundo ele).

Entrevista
Por falar em vice, Toni Cunha deu entrevista exclusiva ao Blog nesta segunda-feira (será divulgada ainda hoje) dando conta que a situação na Prefeitura de Marabá é de CA-LA-MI-DA-DE financeira e necessitará de um pulso firme em todos os setores.

Maridé
Depois de ter seu pedido de Habeas Corpus visando voltar ao cargo de vereador na Câmara Municipal de Parauapebas negado liminarmente pelo TJPA, o vereador Maridé Gomes passou por outra derrota hoje.  É que as Câmaras Criminais Reunidas do TJPA julgaram e hoje (28) o mérito do HC e, por unanimidade, denegaram o pedido. O vereador foi afastado após a divulgação de vídeos em que o empresário Pedro Ribeiro era visto repassando dinheiro a alguns vereadores. O MP acredita que Maridé tenha participação ativa no aliciamento de vereadores.

Lista falsa
Durante o fim de semana uma nova lista informando o futuro secretariado do prefeito eleito de Parauapebas, Darci Lermen, foi amplamente divulgada nas redes sociais locais. De pronto Darci fez publicar um áudio novamente desmentindo a lista e ratificando o dia 28 de dezembro como prazo para a divulgação dos seus futuros colaboradores.

Lista falsa II
Como diz o velho jargão, “o povo aumenta, mas não inventa”. Alguns dos citados na lista defenestrada por Darci são dados como certos no futuro governo, já que são pessoas que acompanham o futuro alcaide desde que ele se lançou candidato a prefeito. Entre eles podemos citar… não, o melhor esperar o dia marcado pelo prefeito eleito!

Lista falsa III
Quem acaba lucrando com essas falsas listas são açougueiros e distribuidoras de bebidas. Logo após a divulgação da última lista um dos supostos futuros secretários reuniu a assistência para degustar um suculento churrasco em comemoração ao futuro cargo. Resta saber se procede a informação de que logo depois do prefeito eleito desmentir a lista todos os convidados foram intimados a deixar o local.

Comércio
Depois do Black Friday, que parece não ter sido lá essas coisas em Parauapebas, o comércio local tem um novo alento para o fim do ano. É que a Vale deve depositar nos próximos dias os valores referentes ao cartão alimentação dos funcionários da mineradora. O comércio agradece!

HGP
Não convidem para tomar tacacá na mesma cuia, o chefe de gabinete do prefeito Valmir Mariano, Wanterlor Bandeira, e os representantes da Gamp, que administra o Hospital Geral de Parauapebas. Segundo fontes ligadas ao chefe de gabinete, esse pessoal da GAMP não é parceiro de confiança. É bom lembrar que o Assessor de Comunicação da Gamp usou a tribuna da Câmara e jogou toda a culpa pelo atraso no pagamento dos funcionários do Hospital nas costas da prefeitura, além de deixar transparecer que o novo hospital foi concluído pela empresa paulista.

Sem recesso.
Após o vendaval eleitoral que atingiu o PT do Pará, o presidente estadual da legenda Milton Zimmer decidiu suspender o tradicional recesso de final de ano. Zimmer e sua diretoria executiva vão utilizar o mês de dezembro para visitar os municípios e reorganizar o partido para as próximas batalhas. O mandato de Zimmer encerra em abril quando os filiados do PT voltam às urnas para eleger suas novas direções.

PT×PMDB
Assustados com o revés eleitoral e com a sede de poder dos então aliados pmdebistas que levaram muitos petistas bem colocados em pesquisas a desembarcarem do partido , o PT do Pará decidiu no último sábado em reunião do seu diretório por ter candidatura própria em 2018. Pós golpe, os petistas querem distância de Hélder Barbalho. Na tribuna da ALEPA, o deputado estadual da legenda Carlos Bordalo se encarregou de levar o recado. “Não haverá trégua na oposição ao governo Temer e seu ministro Hélder Barbalho”.

Casa arrumada.
Em meio a crise interna que atravessa o PT, a direção nacional da legenda resolveu adiantar o processo eleitoral interno. Com isso, a gestão que iria até dezembro terminará no início de Abril. No Pará 80 mil petistas estão aptos a irem as urnas no dia 12 de Março para eleger as novas direções. O presidente estadual da legenda pretende utilizar seus últimos meses de gestão pra organizar o partido nos municípios. Em Parauapebas, cidade do presidente, a direção local do PT será toda substituída.

Blocão
Em Parauapebas, os vereadores eleitos dos partidos PSD, PSC e PSDB arquitetam uma composição visando trabalhar em bloco a partir de 2017 na Câmara Municipal de Parauapebas. Juntos, os três partidos têm sete vereadores e estudam a possibilidade de que o vereador João do Feijão (PV) se junte ao bloco, fazendo assim a maioria simples naquela casa de Leis na futura gestão.

Eventual
A empresária Rosana Alves, proprietária da Casa de Shows Eventual, em Parauapebas, promete para os próximos dias um relançamento da marca. Nova equipe de trabalho, repaginamento das instalações e preços mais módicos serão os carros chefes da nova marca, intitulada “O Eventual em novos tempos”.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!