Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Futebol

Remo e Paysandu largam na frente por uma vaga nas semifinais da Copa Verde

O campeão da Copa Verde tem vaga assegurada nas oitavas de final da Copa do Brasil

Por Fábio Relvas

O Remo foi o primeiro time paraense a entrar em campo pelas quartas de final da Copa Verde 2017. O Leão Azul recebeu o time do Santos de Macapá no estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém, na noite da última quinta-feira (30/03).

Empurrado pelo Fenômeno Azul, o Remo tentou encurralar o adversário, mas não foi isso que aconteceu. O time do Peixe da Amazônia deu trabalho para os donos da casa, esperando o adversário e saindo no contra-ataque. Em um deles, o Santos abriu o marcador, após uma jogada rápida, o lateral-esquerdo Batata cruzou na medida na cabeça do atacante Luciano, que de frente com o goleiro André Luis, não perdoou e mandou para o fundo da meta azulina, 1 a 0, aos 31 minutos do 1º tempo. O fato curioso, é que o autor do gol macapaense, é filho do presidente do clube, Luciano Marba, que nesta partida estava como técnico interino, já que o treinador do peixe, Élcio do Rosário, cumpria suspensão, após expulsão diante do Fast-AM, na fase anterior da competição.

O jogo estava encardido para o Remo, que começou a receber pressão da torcida, com vaias em jogadas que não davam certo. O atacante Edgar, que foi perdoado pela diretoria, após o episódio de alcoolismo nas vésperas do Re x Pa, apareceu no jogo e foi fundamental para o gol de empate, que saiu de seus pés. Depois de uma boa arrancada pela esquerda, Edgar cruzou rasteiro para a chegada de Val Barreto, que com um leve toque tirou do goleiro Axel e correu para o abraço, aos 43 minutos, tudo igual: 1 a 1.

No segundo tempo, o técnico Josué Teixeira deu um puxão de orelha em seus atletas e colocou o Leão Azul mais ofensivo para mudar a história da partida. Com duas chances claras de virar o resultado do duelo, uma com o atacante Edgar e outra com o meia Eduardo Ramos, quem conseguiu marcar o gol da vitória foi o zagueiro Henrique, que recebeu passe de Edgar e dentro da área só fez escorar para o fundo da meta do Peixe da Amazônia, 2 a 1 Leão, aos 43 minutos. Com a vitória o Remo joga pelo empate no jogo da volta marcado para a próxima segunda-feira (03/04), às 20h15, no estádio Olímpico Zerão, em Macapá.

Já Águia e Paysandu fizeram o duelo de times paraenses pelas quartas de final da Copa Verde. A partida aconteceu nesta sexta-feira (31/03), no estádio Zinho Oliveira, em Marabá. Devido a forte chuva que caiu na cidade durante o dia inteiro, o gramado ficou quase que impraticável, com muita lama, dificultando a vida das duas equipes.

O Águia começou a partida arriscando contra a meta bicolor, mas o goleiro Emerson atento tranquilizava com boas defesas. O Paysandu conseguiu abrir o placar depois da arrancada do atacante Alfredo, que deixou o marcador para trás e chutou para a chegada de Wilkerson, completando para o fundo do gol, aos 33 minutos, 1 a 0 Papão.

Na etapa derradeira, o Águia sufocou os visitantes e teve chance de marcar por duas vezes, uma com o zagueiro Fernando Lombardi do próprio Paysandu, que quase marcou contra e outra com Bernardo que na hora de concluir furou na pequena área. O Azulão empatou em um pênalti marcado, quando Hayner derrubou Tiago Mandi. O lateral esquerdo Edinaldo cobrou e deixou tudo igual, aos 29 minutos, 1 a 1.

O Papão não sentiu o gol do adversário e voltou a sair para o jogo. Ayrton arrancou pela direita, fez uma linda tabela com Daniel Sobralense, que devolveu de calcanhar para a chegada do próprio Ayrton que fuzilou para a meta do goleiro Maycki Douglas, aos 38 minutos, decretando a vitória do Paysandu, por 2 a 1.

As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira (04/04), às 19h15, no estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém.

Deixe uma resposta