Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Remo perde de virada para o Globo-RN e segue afundando na Série C

O Leão Azul vem dando passos largos rumo ao rebaixamento para a Série D.
Continua depois da publicidade

O Clube do Remo perdeu outra vez pelo Campeonato Brasileiro da Série C. A mais nova derrota azulina aconteceu na noite deste domingo (24), diante do Globo-RN, por 3 a 1, no Estádio Manoel Barreto, o Barretão, em Ceará-Mirim. Com o resultado negativo, o Leão Azul segue na lanterna do Grupo A da competição nacional, com apenas oito pontos e dando passos largos rumo ao rebaixamento para a Série D.

O Remo até que começou bem a partida, abrindo o placar com o gol do atacante Isac, que aproveitou uma cobrança de escanteio e subiu firme de cabeça, aos 14 minutos do 1° tempo. Só que ainda na primeira etapa, o Globo empatou com o zagueiro Alexandre, que aproveitou uma sobra de bola e mandou para o fundo do gol, aos 21 minutos. A equipe do Rio Grande do Norte virou a partida com Renatinho Potiguar, aos 17, e ampliou com Max, aos 28 minutos do 2° tempo.

O Remo volta a campo diante da Juazeirense-CE, na próxima sexta-feira (29), às 21h45, no Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém.  A partida será válida pela 12ª rodada da Série C.

O jogo: Globo 3 x 1 Remo – De virada!

O Remo chegou primeiro com Esquerdinha, que disparou e a bola desviou na zaga e foi para escanteio. O Globo respondeu quando Romarinho chegou por trás da zaga e chutou pela linha de fundo. O Leão Azul abriu o placar. Rodriguinho cobrou escanteio e o atacante Isac subiu mais alto e testou firme para o fundo do barbante, aos 14 minutos, 1 a 0. O segundo gol do cobrado atacante Isac na Série C e os dois contra o Globo.

O time potiguar quase chegou ao empate, quando Galiardo acertou um belo voleio, mas parou na grande defesa do goleiro Vinícius, que espalmou para escanteio. O Globo empatou quando em uma cobrança de falta, o zagueiro Alexandre pegou a sobra de bola e mandou para o fundo do gol, aos 21 minutos, 1 a 1, no Barretão. Minutos depois, a zaga do Remo parou e o goleiro Vinícius teve que mandar para escanteio.

Aos poucos o Leão tentava voltar para o jogo. Isac tentou marcar outra vez de cabeça, mas parou no goleiro Rafael. O atacante Romarinho infernizando a defesa remista, chutou para a intervenção de Vinícius. O meia Rodriguinho do Remo fez boa jogada e lançou Isac, mas antes da chegada do atacante, o goleiro Rafael saiu e defendeu. Na última tentativa da primeira etapa, o goleiro Vinícius defendeu milagrosamente uma bola, evitando a virada do time da casa.

Na segunda etapa, o Remo tentou o segundo gol com Keoma, a bola passou assustando o goleiro Rafael. O Globo respondeu com uma chance de virar, mas a bola foi pela linha de fundo. Everton cobrou um escanteio venenoso para o time azulino, mas parou na defesa de Rafael. O atacante Max tentou a virada para o time potiguar, mas desperdiçou a chance. Alex Sandro tentou marcar de falta, o goleiro Vinícius do Leão mandou para escanteio.

Veja também:  Paysandu fica no empate sem gols diante do CSA na Curuzu e sai vaiado de campo

O Remo respondeu quando Rodriguinho cruzou, Isac tentou de cabeça, mas a zaga chegou cortando para escanteio. Na cobrança do escanteio, Isac cabeceou e o goleiro Rafael defendeu. Mas quem marcou foi o Globo. Renatinho Potiguar recebeu na entrada da área, cortou a marcação e chutou, a bola bateu no montinho artilheiro e tirou o goleiro Vinícius da jogada, aos 17 minutos, 2 a 1.

Não demorou muito para sair o terceiro. Outra vez a bola foi para área do Remo, em um chute cruzado, o atacante Max apareceu na frente de Vinícius e bateu de primeira, aos 28 minutos, 3 a 1, Globo. No lance do terceiro gol, o goleiro Vinícius se machucou e teve que ser substituído, dando lugar a Evandro. Romarinho recebeu na frente e na primeira bola, o goleiro Evandro defendeu.

O Leão tocou bem a bola pelo meio e Rodriguinho disparou para a boa defesa do goleiro Rafael, que espalmou para escanteio. O perigoso atacante Romarinho chutou e o goleiro Evandro defendeu de mão trocada e mandou para escanteio, o que seria o quarto gol. Isac teve a chance de diminuir para o Remo e acabou perdendo a oportunidade. O árbitro acrescentou nove minutos. A última chance da partida foi do time paraense, mas Rodriguinho chutou pela linha de fundo. Placar final: Globo 3 x 1 Remo.

FICHA TÉCNICA

GLOBO: Rafael; Geovane, Alexandre, Carlos e Renatinho Carioca (Diego Soares); Reinaldo, Alex Sandro (Mateusinho), Galiardo e Renatinho Potiguar (Jean Natal); Max e Romarinho. Técnico: Higor César

REMO: Vinícius (Evandro); Bruno Limão, Mimica (Romário), Bruno Maia e Esquerdinha; Geandro, Keoma, Rodriguinho, Everton e Rafael Bastos (Dudu Pacheco); Isac. Técnico: Artur Oliveira

Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (MG)

Assistentes: Marconi Helbert Vieira (MG) e Douglas Almeida Costa (MG)

Cartões amarelos: Renatinho Potiguar, Alexandre, Jean Natal e Max (Globo); Keoma, Geandro, Mimica, Bruno Maia e Esquerdinha (Remo)

Cartão vermelho: Max (Globo)

Gols: Isac, aos 14 minutos do 1° tempo para o Remo; Alexandre, aos 21 minutos do 1° tempo, Renatinho Potiguar, aos 17, e  Max, aos 28 minutos do 2° tempo para o Globo.

Local: Estádio Manoel Barreto, o Barretão, em Ceará-Mirim

Deixe uma resposta