Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Futebol

São Raimundo vence o Independente de virada no Estádio Navegantão e confirma vaga na semifinal do Parazão

O Pantera confirmou sua classificação com uma rodada de antecedência e vai encarar o Remo na semifinal. Já o Independente deu adeus ao sonho da vaga
Continua depois da publicidade

Por Fábio Relvas

O São Raimundo venceu o Independente na noite desta quarta-feira (14), no Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí, e confirmou sua classificação para a semifinal do Campeonato Paraense de 2018. Por outro lado, o Independente deu adeus ao sonho da vaga. O Pantera derrotou o Galo Elétrico de virada, por 2 a 1, em um jogo bastante movimentado, válido pela nona rodada do estadual.

O Independente saiu na frente com o gol de pênalti marcado pelo atacante Betinho, aos 25 minutos do primeiro tempo. O São Raimundo chegou ao empate ainda na primeira etapa, através de Ciro, aos 38, e conseguiu virar com o gol de Leonardo, em cobrança de falta, aos cinco minutos da etapa derradeira. Com o resultado adverso do Galo, o Bragantino também conseguiu sua vaga na semifinal.

Portanto, as semifinais do Campeonato Paraense já foram definidas antes mesmo da última rodada: Paysandu x Bragantino e Remo x São Raimundo. A décima e última rodada vai ser apenas para conhecer o segundo rebaixado: a degola está entre Castanhal, Paragominas e Parauapebas. O time do Cametá Sport Club foi o primeiro a ser rebaixado, com duas rodadas de antecedência.

O jogo: Galo 1 x 2 Pantera – de virada e vaga na semifinal confirmada!

As duas equipes entraram em campo com o mesmo objetivo: em busca da classificação para a semifinal do Campeonato Paraense. A bola rolou debaixo de muita chuva no Estádio Navegantão, em Tucuruí. O São Raimundo chegou primeiro e, na falta cobrada pelo meia Kleyton, a bola passou assustando o goleiro Dida. Apesar de ser o visitante, o Pantera santareno tinha mais posse de bola que o adversário.

Na base do desespero em busca do gol, o Independente ganhou um pênalti a seu favor. O atacante Chaveirinho entrou na área e foi derrubado pelo lateral-direito Ciro, o árbitro Wasley do Couto Leão não titubeou e assinalou em favor do Galo Elétrico, amarelando o defensor do Pantera. O atacante Betinho não perdoou e colocou dentro do barbante, fazendo a festa da torcida de Tucuruí no Navegantão, 1 a 0, aos 25 minutos.

Jogando bem, o São Raimundo foi em busca do empate e conseguiu: após bola na área, o lateral-direito Ciro apareceu para completar para o fundo do gol, 1 a 1, aos 38 minutos. Para o segundo tempo, as duas equipes voltaram com as mesmas formações. Com menos de um minuto, Anderson Preto disparou em tentativa de marcar para o Galo Elétrico e assustou o goleiro Jader.

Quem marcou mesmo foi o Pantera, aos cinco minutos, em uma bela cobrança de falta de Leonardo, virando o placar para cima do Independente, 2 a 1, São Raimundo. Na sequência, Wendell disparou e o goleiro Dida salvou o que seria o terceiro gol. A torcida do Galo Elétrico desanimou no Estádio Navegantão. O time quase empatou após cobrança de falta, quando Chicão subiu de cabeça e Jader fez uma grande defesa para o time santareno.

Veja também:  Parauapebas vence o São Francisco e se aproxima das quartas de final do Sub-17

Em uma cobrança de falta de Mocajuba, a bola passou assustando o goleiro Jader. Wendell tentou de fora da área, a bola passou perto da meta de Dida. O técnico Júnior Amorim não teve alternativa, e colocou cinco atacantes no time do Independente, já que só a vitória interessava. Em uma bola na área, Feijão, sozinho, perdeu a chance do empate. Mais uma bola na área, outra vez o baixinho Feijão tocou de cabeça e quase deixou tudo igual no placar.

No desespero, o Galo Elétrico buscava o empate. Fabrício ficou de frente para o gol, mas o chute foi para fora, enlouquecendo o torcedor que ficou no “uh”. Os jogadores se desentenderam e o árbitro Wasley do Couto Leão expulsou dois atletas, um de cada lado, Ezequias do Independente e Lima do São Raimundo. Na última chance do jogo, Fabrício cobrou falta para fora e o árbitro encerrou a partida, aos 50 minutos. Placar final: Independente 1 x 2 São Raimundo.

FICHA TÉCNICA

INDEPENDENTE: Dida; Léo Rosa (Wegno), Thayson, Ezequias e Mocajuba; Anderson Preto (Feijão), Chicão e Fabrício; Ray Gol, Chaveirinho (Lucas Sheldon) e Betinho.
Técnico: Júnior Amorim

SÃO RAIMUNDO: Jader; Ciro, Moises, Adielson e João Victor; Tetê, Leonardo, Jeová (Lima) e Kleyton (Felipe); Wendell e Herbert Chocolate (Wanderson).
Técnico: Vladimir de Jesus

Árbitro: Wasley do Couto Leão-CBF
Assistentes: José Ricardo Guimarães Coimbra-CBF e Heronildo Sebastião Ferreira da Silva-CBF
Quarto-árbitro: Melck Muller Soares de Almeida

Cartões amarelos: Chaveirinho, Anderson Preto, Léo Rosa, Wegno e Ray Gol (Independente); Ciro, Jeová, Leonardo, Jader e Lima (São Raimundo)
Cartões vermelhos: Ezequias (Independente) e Lima (São Raimundo)
Gols: Betinho de pênalti, aos 25 minutos do 1º tempo para o Independente; Ciro, aos 38 minutos do 1º tempo para o São Raimundo; Leonardo de falta, aos 5 minutos do 2º tempo para o São Raimundo.

Local: Estádio Municipal Antônio Dias, o Navegantão, em Tucuruí

Classificação do Parazão 2018

Chave A1
Paysandu: 19 pontos
Bragantino: 16 pontos
Independente: 13 pontos
Águia: 8 pontos
Cametá: 4 pontos

Chave A2
Remo: 19 pontos
São Raimundo: 16 pontos
Castanhal: 10 pontos
Paragominas: 10 pontos
Parauapebas: 8 pontos

Deixe uma resposta