Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Expoama 2017

Sindicato de Produtores Rurais de Marabá e órgãos fiscalizadores se reúnem para definir esquema de segurança da 31ª Exposição Agropecuária

A estimativa desse ano é que sejam movimentados entre 30 a 35 milhões de reais durante o evento.

Na trigésima primeira edição, a Exposição Agropecuária de Marabá, que vai de 8 a 16 de julho, no Parque de Exposições da cidade, promete movimentar a economia da região. A programação abrirá oficialmente com a Grande Cavalgada, no dia 8, e já estão confirmadas mais de 30 comitivas.  Para animar o público diário, em média de 10 mil visitantes, estão agendados shows das atrações: Márcia Felipe, Jorge e Mateus, DJ Jesus Luz, Pablo, Otávio Vip, Sacode, Banda Som e Louvor (Gospel) e também um infantil. A Expoama 2017 deve superar a marca de 300 expositores, já que esse número deve crescer até o início da feira. Além disso, o público também contará com prova de marcha, oito leilões e ciclo de palestras.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Marabá, Antônio Vieira Caetano, a estimativa desse ano é que sejam movimentados entre 30 a 35 milhões de reais. “Se não superarmos, vamos igualar a movimentação do ano passado, já que a quantidade de expositores está aumentando, algumas empresas que não vieram em 2016, confirmaram presença”, concluiu o presidente do SRPM.

Além do sorteio de oito motocicletas e um automóvel, outra novidade esse ano é que será cobrada taxa no estacionamento do Parque de Exposições, que disponibiliza três mil vagas. O Sindicato Rural garante que o valor será padronizado e de baixo custo, já que o intuito é apenas ajudar na manutenção do espaço.

E para garantir que a Exposição Agropecuária de Marabá seja ainda melhor, nesta quinta-feira, dia 08 de junho, na sede do Sindicato Rural, foi realizada a reunião de definição do esquema de segurança do evento, principalmente da Cavalgada que reúne mais de dois mil participantes.  Além do presidente do Sindicato e outros membros da diretoria, estiveram presentes vários representantes de órgãos de segurança e fiscalizadores como Polícia Rodoviária Federal, Departamento Municipal de Trânsito, Polícia Civil, Exército, Conselho Tutelar, Procon, Sindicato dos Moto-taxistas, Conselho de Jovens Empresários de Marabá, ONG Focinhos Carentes e Secretarias de Saúde e de Agricultura.

O chefe de Policiamento da Polícia Rodoviária Federal em Marabá, Nivaldo Silva, afirmou que a Operação Expoama 2017 já começou a ser planejada e que a meta desse ano é reduzir para zero o número de acidentes. Ele destacou que a fiscalização será redobrada para evitar infrações durante a Cavalgada.  Já o diretor do Departamento Municipal de Transito Urbano, Jocenilson Silva, também garantiu apoio ao evento. Ele ressaltou que a atuação do DMTU durante a Cavalgada se dá principalmente na VP-8 e que para garantir a segurança será disponibilizado todo o efetivo. A delegada Simone Felinto, diretora de Polícia Administrativa (DPA), solicitou que, em casos de locação de espaços para festas particulares com utilização de palcos, as autorizações devem ser solicitadas o quanto antes junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil.

Devido a Cavalgada ser um evento aberto ao público, Laís Oliveira e Fátima Mutran, presidente e vice da ONG Focinhos Carentes, solicitaram uma parceria das autoridades no sentido de orientar e fiscalizar os participantes da Cavalgada acerca de maus-tratos com animais, como excesso de pessoas em cima de carroças.

Durante a reunião, foi feita a entrega oficial das premiações do concurso do Baile da Rainha Expoama, realizado no último dia 03, no tatersal do parque. A Rainha Expoama 2017, Wynne Costa, ganhou uma motocicleta modelo BIS. A primeira princesa Lynda Sousa e a segunda princesa Jaquelynne Nascimento, ganharam respectivamente cheques nos valores de R$1.500,00 e R$1.000,00.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!