Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Febre Aftosa

Vacinação contra febre aftosa começa hoje no Pará

Regiões sul e sudeste abrigam os maiores rebanhos do estado, estando os maiores situados em São Félix do Xingu, Marabá e Novo Repartimento

Começa hoje, segunda-feira (1º), a campanha de vacinação contra febre aftosa em rebanhos bovinos e bubalinos em 127 municípios do Pará. Os maiores rebanhos estão localizados nas regiões sul e sudeste. Em Marabá, por exemplo, há 1,1 milhão de cabeças de gado em 4.623 propriedades, conforme a Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), responsável pela ação. A expectativa é imunizar mais de 20 milhões de cabeças em aproximadamente 108 mil propriedades rurais do estado nesta primeira etapa, que dura até o próximo dia 31.

Além de Marabá, que aparece em segundo lugar no ranking dos maiores rebanhos paraenses, a região também abriga o primeiro e o terceiro lugares, São Félix do Xingu, com 2,2 milhões de cabeças de gado, e Novo Repartimento, com 959 mil cabeças de gado. As únicas regiões não atendidas nesta etapa serão o Arquipélago do Marajó e os municípios de Faro e Terra Santa.

O responsável pela vacinação é o produtor rural que tem a obrigação de notificar a Adepará em relação à imunização até o dia 15 de junho. O órgão, por sua vez, realiza a campanha e acompanha o processo para garantir que o processo atenda às metas estabelecidas pela agência em atingir o mais alto índice vacinal.

Finalizada essa etapa, o Estado do Pará realiza campanha entre 15 de julho e 30 de agosto nas Zonas de Proteção de Faro e Terra Santa e entre 15 de agosto e 30 de setembro na Ilha do Marajó. Entre 1º e 30 de novembro será realizada a segunda etapa estadual. A vacinação brasileira é determinada em normativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e deve ser realizada semestralmente. (Com informações da Agência Pará)

Deixe uma resposta