Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Pará

Clube do Remo perde para Atlético Acreano na estreia do Brasileiro da Série C

O Leão Azul pecou nas finalizações e acabou derrotado pelo Galo Carijó na Arena da Floresta
Continua depois da publicidade

O jogo: Galo Carijó 1 x 0 Leão Azul

Na primeira tentativa do Clube do Remo, o atacante Elielton entrou livre, mas a arbitragem assinalou impedimento. Em outra jogada do campeão paraense, o Isac também foi flagrado em posição irregular. Adenilson cobrou escanteio e o zagueiro Mimina cabeceou para o chão e a bola foi para fora. O time azulino tentava chegar de qualquer maneira e o atacante Isac apareceu impedido outra vez.

Adenilson entrou pela esquerda e cruzou para o meio, a bola passou na frente de todo mundo e o Remo perdeu uma boa chance de abrir o placar. Felipe Marques arriscou um chute de longe, o goleiro Ruan defendeu em dois tempos. Em um contra-ataque do time da casa, o meia Polaco deixou Neto na boa para marcar, o atacante do Atlético-AC chutou rasteiro, a bola passou assustando o goleiro Vinícius.

As duas equipes erravam demais em campo com um nível técnico muito fraco. Quando tudo parecia que iria terminar empatado no primeiro tempo, o Galo Carijó conseguiu abrir o marcador. Após jogada de Polaco, o meia tocou para Neto, o volante Dudu do Remo cortou mal e deu nos pés de Eduardo, que sozinho só teve o trabalho de empurrar para o fundo da meta azulina, 1 a 0, aos 41 minutos.

Na segunda etapa, o Clube do Remo melhorou e foi em busca do gol de empate. O atacante Felipe Marques recebeu passe e na hora da finalização foi travado pela defesa adversária. Em outra tentativa do Leão Azul, Adenilson cobrou escanteio e Elielton sozinho cabeceou para fora. Pressão azulina, agora Felipe Marques recebeu lançamento e chutou para a boa defesa do goleiro Ruan.

Veja também:  Gramado do Estádio Rosenão recebe reparos para as competições do 2° semestre

Blitz total do Remo, desta vez a bola sobrou na entrada da área para o atacante Jayme, que mandou para fora. Após um chutão da zaga remista, o zagueiro Diego furou feio e a bola caiu nos pés de Felipe Marques, o atacante azulino encheu o pé e parou no paredão chamado Ruan, que salvou a pátria acreana. Na última chance remista na partida, Jefferson Recife chutou cruzado, o atacante Jayme sozinho desviou para fora. Placar final: Atlético-AC 1 x 0 Remo.

Ficha Técnica

Atlético – AC: Ruan; Matheus, Diego, João Marcus e Jeferson; Leandro (Wilson), Kássio e Polaco (Ancelmo); Eduardo, Rafael Barros e Neto (Araújo Jordão). Técnico: Álvaro Miguéis

Remo: Vinícius; Levy, Mimica, Martony e Esquerdinha; Dudu, Fernandes (Rodriguinho) e Adenílson (Jefferson Recife); Elielton (Jayme), Felipe Marques e Isac. Técnico: Givanildo Oliveira

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior (AM)

Assistentes: Uesclei Regison Pereira dos Santos e Anne Kesy Gomes de Sá, ambos do Amazonas

Cartão amarelo: Elielton (Remo)

Gol: Eduardo, aos 41 minutos do 1° tempo para o Atlético-AC

Local: Arena da Floresta, em Rio Branco, no Acre

Renda: R$ 17.580,00 – Pagantes: 862

Por Fábio Relvas

Deixe uma resposta