Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Redenção

Começam nesta sexta as comemorações dos 36 anos de Redenção

Depois de vários anos sem festa de aniversário, o município ganha shows com atrações de renome nacional
Continua depois da publicidade

Começam nesta sexta-feira (11) as comemorações pelo 36ª aniversário de emancipação político-administrativa de Redenção. Serão três noites de muita alegria e animação, com as atrações artísticas se exibindo no espaço cultural da Avenida Brasil, centro da cidade. Na gestão do atual prefeito Carlo Iavé Furtado de Araújo (PMDB) este é o primeiro aniversário do município comemorado em grande estilo e com participação de cantores de renome nacional. De acordo com a assessoria da prefeitura, a abertura solene ocorrerá no auditório do UEPA (Universidade Estadual do Pará) com lançamento do programa Redenção Sustentável.

As apresentações culturais começam a partir das 21h de hoje, com a Banda Forró Bacana, de Belém. No sábado (12), quem faz a festa é a cantora Joelma, ex-Banda Calypso e o MC Dourado.

As comemorações do aniversário, que havia anos aconteciam em Redenção, foram elogiadas por muitas pessoas. “A cidade está de parabéns por receber shows de artistas de renome nacional”, opinou o estudante João Gabriel.

 Ainda segundo informações da prefeitura, os cantores da cidade também terão a oportunidade de mostrar seu talento durante a programação cultural de aniversário.

Segundo a organização, o encerramento ocorrerá no domingo (13), com um grande passeio ciclístico que sairá às 8 horas, da frente da Escola Maria Conceição Correia.

História

De acordo com a estimativa de 2017 do IBGE, Redenção conta com 82.464 habitantes. A história do município teve inicio quanto, na década de 1960 a Sudam proporcionou a vinda de fazendeiros a se instalarem numa região denominada Boca da Mata. Com o desbravamento da fazenda Santa Tereza, de propriedade do agrônomo João Lamari do Val, vieram também os pioneiros Ademar Guimarães, José Bueno Cintra e Gerudes Gomes da Silva.

Veja também:  4º Batalhão de Polícia Militar comemora 40 anos de criação em Marabá

Na mesma época foram chegando Luiz Vargas Dumonte e Carlos Ribeiro para conhecerem a Serra dos Gradaús, localizada no município de Cumarú. Vale lembrar que as primeiras casas foram construídas na atual Avenida Santa Tereza e um dos primeiros moradores foi Gerudes Gomes da Silva, falecido em 15 de abril de 2001.

Esses homens aventureiros dotados de um idealismo viram e conheceram uma região plana e rica de recursos minerais e vegetais, fator que levou ao lançamento da pedra fundamental exatamente no dia 21 de setembro de 1969. O que era uma ideia se transformou em uma vila para centenas de desbravadores, os quais vislumbravam nessas terras um futuro promissor.

Um dos incentivadores para a criação do município de Redenção foi o médico Giovanni Correia Queiroz, tido como o primeiro médico e professor, sendo também proprietário do primeiro hospital denominado Nossa Senhora da Conceição. Giovanni depois veio a ser prefeito de Conceição do Araguaia, deputado estadual e deputado federal.

O Distrito de Redenção foi criado pela Lei Estadual n.º 4568/1973, subordinado ao município de Conceição do Araguaia. Em divisão territorial datada de 1979, figura no município de Conceição do Araguaia. Foi elevado à categoria de município com a denominação de Redenção, pela Lei Estadual n.º 5028/1982, desmembrado de Conceição do Araguaia e instalado em 31 de janeiro de1983. Em divisão territorial datada de 1988, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2014.

Deixe uma resposta