Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Marabá

Corpo do DJ Felipe será sepultado em Mosqueiro

Ele foi executado a tiros de pistola na madrugada desta terça-feira, quando se dirigia para a inauguração de sua casa noturna
Continua depois da publicidade

O corpo do DJ Felipe, cujo nome completo era Carlos Felipe Ferreira da Silva, executado na madrugada desta terça-feira (5), conforme noticiou o Blog pela manhã, segue na tarde de hoje para o Distrito de Mosqueiro, Região Metropolitana de Belém, onde será sepultado. Ele se deslocava, de carro, para a casa noturna Dubai, na Folha 5, de sua propriedade, para tocar na inauguração, quando foi abordado por dois homens em uma motocicleta, na Folha 11. Felipe ainda tentou fugir da morte, acelerando o veículo que dirigia, mas, perdeu o controle e bateu no carro, do qual saiu correndo para se esconder em uma madeireira, mas foi atingido e caiu embaixo de um caminhão tendo morte instantânea.

Pelo menos 10 disparos de pistola calibre 380 teriam atingido o DJ, que era casado, pai de três filhos, empresário da noite e também ex-tenente temporário do Exército.

O radialista Leverson Oliveira, com quem Felipe trabalhou durante 10 anos, afirma que nunca soube do envolvimento do DJ em algum negócio desonesto nem de algum envolvimento extraconjugal.

Veja também:  Homem executado com quatro tiros dentro de casa em Floresta do Araguaia

“Ele era um cara muito trabalhador, casado, bastante animado e sempre estava com o astral para cima. Trabalhávamos juntos havia 10 anos e eu nunca soube que ele tivesse inimigos ou alguma desavença”, testemunha o radialista.

A Polícia Civil segue investigando o caso, mas sem ter ainda ponto de partida, já que Carlos Felipe, além de não ter antecedentes criminais, segundo todos os que o conheciam, não tinha uma vida irregular que envolvesse algum tipo de ilícito.

Por Eleutério Gomes – Correspondente em Marabá

Deixe uma resposta