Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Polícia Militar

Pá carregadeira roubada no Maranhão encontrada pela PM em Serra Pelada com ajuda de GPS

A máquina pesada estava desaparecida havia aproximadamente um mês, a 675 km do local em que foi surrupiada
Continua depois da publicidade

Um trator Volvo, tipo pá carregadeira, roubado na cidade de Balsas (MA), há cerca de um mês, foi localizado em Serra Pelada, por volta das 19h30 de sábado (3). A máquina pesada estava na Fazenda Serra Grande, na Vila Alto Bonito, já com a numeração do chassi alterada. Para chegar ao local onde foi encontrado, o equipamento viajou 675 km. A apreensão foi feita pela guarnição composta pelo sargento J. Ricardo, cabo P. Silva e soldado Oliveira, que saíram em busca do equipamento por ordem do major Sérgio Pastana Ribeiro, subcomandante do 23º Batalhão de Polícia Militar, de Parauapebas, conforme orientação do coronel Mauro Sérgio Marques da Silva, comandante de Policiamento Regional II.

Ao Blog, o sargento J. Ricardo detalhou a operação. Segundo o militar, após receber a ordem para localizar o trator, passou a fazer uma varredura naquela região, que até então era desconhecida para ele. Nessa busca contou com a ajuda de uma pessoa identificada apenas como Ataíde, que, de Balsas, estava fazendo o monitoramento por satélite, pois a máquina é dotada de GPS (sigla em inglês de Sistema de Posicionamento Global). Desse modo, sempre ao celular e com as coordenadas sendo repassadas de minuto a minuto por Ataíde, a guarnição chegou ao local onde o trator estava, uma mina de exploração de manganês, no alto de um morro, porém se identificação com placa. Ali os PMs só encontraram um mecânico. O rapaz explicou que o apontador, que controla o carregamento e a saída do minério em basculantes, não se encontrava, muito menos o encarregado da mina. Ele levou o sargento e sua equipe a um galpão onde o trator se encontrava.

Veja também:  Homem rouba caminhonete, se esconde no cemitério e atira na PM

J. Ricardo, então, fotografou a pá carregadeira tanto por fora quanto por dentro e enviou as fotos a Ataíde, que constatou que se tratava do equipamento roubado. “Além do chassi adulterado, quem roubou também trocou a concha e o painel, que era circular, trocando por um quadrado”, detalha o militar, informando que ninguém foi preso.

J. Ricardo afirma que recebeu de várias pessoas a informação de que naquela área existem muitas máquinas roubadas de outros Estados, mas as declarações foram feitas informalmente, pois ninguém quis sequer dizer o nome.

Diante da impossibilidade de conduzir a máquina até a Delegacia  de Polícia Civil, a pá carregadeira foi levada para Posto Policial Destacado da PM lá em Serra Pelada mesmo, onde aguarda as providências legais.

Reportagem: Ronaldo Modesto

Deixe uma resposta