Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Saúde

Tucuruí: SAMU inicia Projeto Samuzinho 2018

Projeto investe na conscientização dos alunos da rede pública de ensino quanto aos serviços de urgência e emergência
Continua depois da publicidade

Na próxima sexta-feira (23), o SAMU 192 dará início às atividades do Projeto “Samuzinho” em 2018. O projeto tem, por meio de atividades educativas de orientação, ajudado a conscientizar os alunos da rede pública de ensino quanto aos serviços de urgência e emergência feitos pelo município de Tucuruí.

A solenidade de lançamento da edição do projeto, que está em seu segundo ano, acontece no auditório da Associação Comercial e Industrial de Tucuruí (Acit), às 19h30. A presença de autoridades, lideranças comunitárias e representantes do 23° Esquadrão de Cavalaria de Selva e do 8º Grupamento de Bombeiros Militar são aguardadas na solenidade e a parceria para este ano já está firmada. O projeto é coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde, através da coordenação do SAMU.

Rondinele Pires, coordenador do SAMU, explica que a proposta do projeto é sensibilizar as crianças por meio de atividades que envolvem exibição de vídeos, pinturas, desenhos, colagens, palestras, além de repassar informações sobre os serviços de urgência e emergência, assim como a importância de não praticar trotes. O projeto também visa orientar sobre as funções do SAMU, como agir em situações de risco e quando acionar o 192. Os alunos envolvidos receberão ainda noções de primeiros socorros aos adultos.

O número de trotes por mês chega a assustar, de acordo com o enfermeiro Moraes: mais de 1500 ligações com informações falsas são feitas todos os meses, totalizando em média 18 mil trotes por ano. Em Tucuruí, a meta é reduzir em 50% a incidência de trote, número considerado muito alto registrado pelo serviço no município.

Para o secretário de Saúde, Weber Galvão, o treinamento de primeiros socorros para os estudantes é de suma importância visto que pode salvar uma vida. “Assim, a comunidade saberá chamar os socorristas e também o que se fazer em uma situação de emergência, até que os socorristas cheguem no local. Isso faz a diferença e pode salvar muitas vidas”, avalia o secretário.

Para melhor atender o projeto, uma equipe de voluntários recebeu treinamento e, a partir de agora, estes profissionais começam a atuar nas escolas e em alguns pontos da cidade, orientando e repassando informações essências.

Em Tucuruí, o Projeto Samuzinho teve início em 2017 e surtiu um efeito muito positivo. Por este motivo, a equipe do SAMU 192 dará continuidade e pretende abranger mais pessoas, para que tenham consciência dos danos das falsas chamadas.

Deixe uma resposta