Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Parauapebas

Amostra de sangue de criança morta suspeita de febre maculosa segue para o Rio de Janeiro

Não há prazo previsto para que o resultado do exame de sangue seja concluído.

Chegou ao Instituto Evandro Chagas, em Belém, nesta quinta-feira, dia 19, a única amostra de sangue coletada da menina Sophia Lopes de Almeida, de 2 anos de idade, suspeita de ter morrido de febre maculosa em um hospital de Belém, no dia 9 deste mês.

A menina, que morava no bairro Cidade Jardim, em Parauapebas foi picada por um carrapato e o médico que preencheu a declaração de óbito registrou como causa da morte febre maculosa, mas sem ter em mãos nenhum exame para comprovação.

Após o falecimento, a Sespa determinou que a mostra do exame da garota fosse enviada para o Instituto Evandro Chagas, mas só havia uma amostra de sangue, coletada no 1º dia de manifestação da doença.

Uma fonte do blog na Sespa, em Belém, informou no final da tarde de hoje que o Instituto Evandro Chagas vai enviar a amostra para a Fiocruz, no Rio de Janeiro, considerado um centro de referência para essa doença, e que não há data ainda para que o resultado seja concluído.

A fonte disse ainda que seriam necessárias duas mostras para comprovação, mas infelizmente só existe uma e que a coleta precisaria ter ocorrido em dias esparsados.

Deixe uma resposta