Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!

Corrida ao dinheiro do FGTS inativo também nas agências da Caixa em Marabá

Trabalhadores chegaram ainda de madrugada e formaram extensas filas nas três agências da cidade. PM intensificou policiamento no entorno das agências

Desde as 4h30 da madrugada desta sexta-feira (10), centenas de trabalhadores começaram a formar filas nas calçadas das três agências da Caixa Econômica Federal em Marabá. Eles chegaram cedo para sacar o dinheiro correspondente ao FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) inativo, que começa a ser pago para quem nasceu em janeiro e fevereiro.

O município acompanha o movimento das demais cidades do país, onde 4,8 milhões de trabalhadores nascidos nos dois primeiros meses do ano buscam o dinheiro extra principalmente para quitar dívidas e “limpar o nome”, diante da crise financeira que assola a Nação. É caso do motorista Juarez de Almeida Lima, que chegou cedinho e aguardava a hora de colocar a mão no dinheiro: “Tenho R$ 3.800,00 para receber, vou pagar contas atrasadas, no valor de R$3.600,00, e fazer umas comprinhas com o resto”, disse.

Já Eliana Maria Leão, desempregada, disse que, apesar de estar “parada”, iria usar os R$ 1.800,00 do FGTS inativo para pagar uma conta antiga e retirar o nome do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito). “Estou procurando emprego e o nome sujo pode atrapalhar”, explicou.

Também na fila, com a perspectiva de receber “uma boa ponta”, Elias Borges Camarão, pedreiro, preferiu não revelar quanto tinha para receber, mas adiantou que “esse dinheiro será empregado na reforma da casa” dele. “O que sobrar vai para a poupança”, antecipou.

Segurança

No 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar), o comandante, tenente-coronel Denner Favacho Rocha, informou ao blog que foi comunicado pela Caixa da grande movimentação de valores nesta sexta-feira, explicou que nenhuma operação especial foi montada, mas disse que intensificou o policiamento no entorno das agências e também na área comercial, onde boa parte desses valores deve girar.

Oportunidade

Com a movimentação de pessoas acima do normal, mototaxistas e vendedores informais de lanche, importados, cartelas de bingo eletrônico, de picolé e de pen-drives com música aproveitaram para também faturar um pouco mais.

Caixa

O blog entrou em contato com a Superintendência da Caixa em Marabá para saber se algum esquema especial foi montado para o atendimento em massa dos trabalhadores, mas foi informado de que só a Gerência de Marketing, em Belém, poderia se pronunciar sobre o assunto. Feito o contato, a atendente informou que a pessoa autorizada a falar, de prenome Sérgio, estava reunida com a Superintendência e não poderia atender. Contatada mais três vezes até o final da manhã, a resposta foi a mesma.

Deixe uma resposta