Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Eventos

II Fórum Comunitário reúne entidades e autoridades em prol da infância e adolescência em Marabá

O II Fórum Comunitário aconteceu nesta terça-feira (5), no auditório da Secretaria Municipal de Assistência Social (Seasp), em Marabá,  e reuniu entidades que desenvolvem projetos para crianças e adolescentes, além de mediadores do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância)  e profissionais da área de Assistência Social.

Após a abertura, os participantes foram divididos em cinco grupos, conforme os direitos preconizados pelo Fundo Internacional de Emergência para as Crianças: Direito de sobreviver e desenvolver-se; Direito de aprender; Direito de proteger-se do HIV; Direito de crescer sem violência; e Direito de ser adolescente.

O objetivo era discutir os avanços em cada eixo de discussão e elaborar novas propostas em prol da infância e adolescência. Ao final das discussões em grupo houve a socialização de informações.

Para Nadjalucia Lima, diretora Técnica da Seasp e articuladora do Programa Selo Unicef Município Aprovado, houve avanços devido ao trabalho desenvolvido em conjunto pelas secretarias municipais de Educação, Saúde e Assistência Social.

“Cada secretaria ficou responsável por desenvolver ações a fim de minimizar os problemas na área da infância. E nós percebemos que avançamos muito, porque eles apontaram que nós tínhamos muita dificuldade com transporte escolar, hoje nós temos mais de 50 ônibus que foram adquiridos nesse período, nós implantamos o registro civil, o banco de leite, nós ampliamos o número de vagas na educação infantil, melhoramos as escolas e hoje é a culminância. Se nós tivermos apontado avanços nós vamos receber novamente o selo”, disse.

O primeiro Fórum comunitário foi realizado em 2014, com o objetivo de analisar a realidade do município em relação à assistência a crianças e adolescentes. Nesse segundo, o objetivo é apontar os avanços ocorridos nos últimos dois anos e estabelecer novos desafios para impulsionar ainda mais o desenvolvimento de projetos.

Por isso, desta vez Marabá está sendo avaliada pelo Unicef e pode receber o segundo Selo Município Aprovado. De acordo com Giuseppe Mapelli, mediador do Unicef o Selo é importante porque reconhece a qualidade do trabalho desenvolvido pela prefeitura em relação à infância e adolescência.

“Esse selo ajuda também a prefeitura a entrar numa realidade mais ampla de mesas de discussões, de coordenações, nacional e até internacional. Estamos analisando duas coisas: os avanços, mas, sobretudo o trabalho, o esforço que uma prefeitura fez porque sabemos que nem sempre nossos esforços conseguem um resultado, mas o esforço já é um exercício de colocar à população os direitos do cidadão”, explicou. (Texto: Fabiane Barbosa/Fotos: Hélder Messiahs)

Deixe uma resposta