Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Nossa Senhora de Nazaré

Na visita da imagem de Nazaré à Câmara Municipal de Marabá, vereadores clamam por água em abundância nos rios

Eles pediram também o fim da violência e proteção aos jovens e às mulheres.
Continua depois da publicidade

Por Eleutério Gomes – de Marabá

Na manhã desta terça-feira (10), conforme antecipou o Blog ontem, a imagem de Nossa Senhora de Nazaré, cujo Círio em Marabá acontece no próximo domingo (15), foi recebida na Câmara Municipal, onde a primeira parte da sessão ordinária foi dedicada à padroeira. Ao abrir a sessão, o presidente da Casa, vereador Pedro Correa Lima (PTB), lembrou que desde 2014 a cerimônia se repete, não só pela importância da data para a comunidade católica, mas pelo cumprimento do Decreto Legislativo 1.186/2014, de autoria do vereador Miguel Gomes Filho (PP) – Miguelito.

Dom Vital Corbellini, bispo diocesano, abriu os pronunciamentos falando sobre a alegria de participar do segundo maior Círio do Estado, que no ano passado reuniu aproximadamente 240 mil fiéis. Em seguida, após narrar e comentar uma passagem bíblica, disse que um dos seus maiores pedidos à santa é para que as chuvas voltem a cair e que os rios – Tocantins e Itacaiúnas – voltem a encher. Pediu também pela preservação da natureza, pelas comunidades ribeirinhas e pelos indígenas.

O vereador Márcio do São Félix (PSDB), emocionado, disse que Maria deve ser homenageada porque é mãe do Salvador e foi o instrumento que o Criador usou para trazê-lo ao mundo. “É por intercessão dela que pedimos ao Pai”, completou afirmando que aquele era um “momento valoroso”.

Cabo Rodrigo, vereador pelo PRB, pediu à Virgem de Nazaré que os rios voltem a ter água em abundância e também clamou por proteção às mulheres vítimas da violência dos homens “que não têm Deus no coração”.

Veja também:  Jornalistas do “Zé Dudu” são homenageados pela Câmara de Marabá

No mesmo ritmo discursaram os vereadores Marcelo Alves (PT), Ilker Moraes (PHS), Alécio Stringari (PSB) e Nonato Dourado (PMDB), todos pedindo por proteção aos jovens, pelo socorro aos desempregados, pela ajuda aos que têm fome, pela proteção àqueles que estão à mercê da violência e pela volta das águas aos rios, que estão muito secos.

Dois pronunciamentos, entretanto, emocionaram muito aos que estavam na plateia. O primeiro foi do vereador Miguelito, ao narrar que, quando o médico constatou que ele estava com câncer, ficou receoso de dar a notícia e perguntou se ele estava preparado para ouvir. “Eu disse ‘estou preparado, tenho Nossa Senhora de Nazaré como minha força’. E hoje estou curado do câncer, Nossa Senhora me curou”, contou ele.

O outro foi da vereadora Cristina Mutran (PMDB), que, em 24 de maio de 2015, perdeu um filho por afogamento. Em meio a lágrimas e com a vez embargada ela disse: “Nesses 28 meses 16 dias ela está segurando a minha mão e é o que me mantém firme. É ela que intercede para nos manter firmes”.

Além do bispo Dom Vital e do vereador Pedro Correa, fizeram parte da Mesa Diretora o padre Ademir Gramelik, pároco de Nossa Senhora de Nazaré; Mauro Souza e Ederaldo Souza, diretores da festividade; e Ladyanne Souza, evangelizadora e missionária. Os cantores Sara Maria e Claudenor Peixoto prestaram homenagem à santa.

Deixe uma resposta