Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Pará

Parauapebas será sede do Tiro de Guerra do Exército Brasileiro

A prefeitura de Parauapebas está prestes a assinar um convênio com o Exército Brasileiro visando a implantação no município de uma sede de uma das mais tradicionais organizações do Exército Brasileiro, o Tiro de Guerra. Entendimentos para tal já estão sendo firmados entre o Chefe do Estado-Maior da 8ª Região Militar, em Belém, e o município.

Já no próximo ano o Tiro de Guerra já estará com uma sede em Parauapebas, atendendo centenas de adolescentes que hoje têm que se deslocar até Marabá para realizar o alistamento militar obrigatório. Pelo convênio, o Exército fornecerá os instrutores (normalmente sargentos ou subtenentes), fardamento e equipamentos, enquanto a administração municipal disponibilizará as instalações.

O Alistamento Militar deve ser realizado por todo jovem brasileiro, do sexo masculino, no período de 2 de janeiro até o último dia útil do mês de junho do ano em que o cidadão completar dezoito anos, na Junta de Serviço Militar (JSM) mais próxima de sua residência.

O objetivo dos TGs é formar reservistas de 2ª categoria aptos ao desempenho de tarefas no contexto da Defesa Territorial e Defesa Civil. A formação do atirador é realizada no período de 40 semanas, com uma carga-horária semanal de 12 horas, totalizando 480 horas de instrução. Há um acréscimo de 36 horas destinadas às instruções específicas do Curso de Formação de Cabos, e um terço desse tempo é direcionado para matérias relacionadas com ações de saúde, ação comunitária, defesa civil e meio ambiente.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!