Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
esporte

Paysandu demite o técnico Marquinhos Santos e contrata Dado Cavalcanti em menos de 24 horas

Dado Cavalcanti vai ser apresentado nesta quarta-feira. O treinador tem duas passagens pelo Papão e dois títulos conquistados
Por Fábio Relvas

Em menos de 24 horas após anunciar a saída do técnico Marquinhos Santos, a diretoria do Paysandu Sport Club já confirmou a volta de Dado Cavalcanti ao comando do time para o restante da temporada de 2018. O treinador está retornando ao estádio da Curuzu, depois de 15 meses e tendo duas passagens pelo Papão: 2015 e 2016. A apresentação oficial do novo comandante vai acontecer nesta quarta-feira (14/02).

Sendo assim, Dado Cavalcanti vai comandar o clube bicolor já na partida diante do Parauapebas Futebol Clube, que é o próximo adversário do Paysandu pela 6ª rodada do Campeonato Paraense, no estádio Rosenão. Também estão retornando ao atual bicampeão estadual, o auxiliar técnico Wilton Bezerra e o preparador físico Fred Pozzebom. Além do Parazão, o time da capital Belém ainda tem a disputa da Copa Verde e o Brasileirão da Série B.

Em suas passagens pelo Paysandu, Dado Cavalcanti acumula dois títulos: um do Parazão e outro da Copa Verde, ambos na temporada de 2016. O técnico de 36 anos nasceu na cidade de Arcoverde, interior de Pernambuco e treinou diversos clubes na carreira como: Ulbra-RO, Brazsat-DF, Santa Cruz-PE, América-RN, Central-PE, Icasa-CE, Ypiranga-PE, Luverdense-MT, Mogi Mirim-SP, Paraná-PR, Coritiba-PR, Ponte Preta-SP, Náutico-PE, Ceará-CE e por último estava comandando o CRB-AL.

Demissão de Marquinhos Santos

A situação do técnico Marquinhos Santos só piorou após a sequência negativa a frente do comando do Paysandu. O time bicolor não sabe o que é vencer há quatro jogos e tendo uma eliminação precoce na Copa do Brasil. Após começar o Parazão arrasador com três jogos e três vitórias, o Papão começou a cair pelas tabelas e com isso o treinador não era mais unanimidade pelo estádio da Curuzu.

Veja também:  Com direito a apagão, Paysandu vence o Londrina e segue 100% na Série B

Primeiramente derrota para o Clube do Remo no clássico pelo Parazão, por 2 a 1, de virada e nos acréscimos. Na mesma semana, derrota para o Novo Hamburgo-RS, também por 2 a 1, e eliminação ainda na primeira fase da Copa do Brasil. Na sequência, outra partida pelo estadual e um empate sem gols diante do Paragominas, tirando o Papão da liderança da Chave A1. E por último, outro empate com placar em branco, desta vez contra o modesto Interporto-TO, partida válida pela Copa Verde.

Marquinhos Santos chegou na tarde desta última segunda-feira (12/02) no estádio da Curuzu para trabalhar, quando foi chamado pelo presidente Tony Couceiro e dispensado do comando técnico. O comandante chegou ao Paysandu em junho de 2017 para substituir Marcelo Chamusca na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. De lá para cá, Marquinhos Santos comandou o Papão em 35 jogos, conquistando 13 vitórias, 8 empates e 14 derrotas, tendo 45% de aproveitamento.

Deixe uma resposta