Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Justiça

PF evita prejuízo de R$ 20 milhões à Previdência Social no Pará

PF evita prejuízo de R$ 20 milhões à Previdência Social no Pará

A Polícia Federal deflagrou hoje (6/9) a Operação Contumácia II, com objetivo de desarticular organização criminosa especializada em fraudes à Previdência Social no Pará.

Cerca de 65 policiais federais e 5 servidores da APEGR/PA cumprem 9 mandados de busca e apreensão, 3 prisões preventivas, 5 prisões temporárias e 2 conduções coercitivas na região metropolitana de Belém, São Miguel do Guamá, Santarém e Marabá.

A partir da análise de material apreendido na operação contumácia I, deflagrada 25 de fevereiro do corrente ano, bem como da revisão de diversos benefícios, identificou-se a existência de beneficiários fictícios, denominados “Cidadãos de Papel”, que provocou um rombo de mais de R$ 5 milhões aos cofres da previdência social até a presente data. Nessa fase, a Polícia investiga principalmente fraudes na concessão de benefícios de prestação continuada, o amparo assistencial ao idoso e deficiente físico.

A ação de hoje também tem como consequência o cancelamento de 490 benefícios fraudulentos, evitando um prejuízo de aproximadamente R$ 20 milhões à Previdência Social, considerando a expectativa de vida do brasileiro e que cada benefício representa o pagamento de um salário-mínimo/mês.

Os envolvidos responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de uso de documentos falsos, inserção de dados falsos nos sistemas informativos do INSS, corrupção ativa e passiva. (Assessoria de Comunicação da PF)

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!