Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Marabá

Presidente da Academia de Letras do Sul e Sudeste do Pará assassinado em casa

O corpo de Eduardo Castro foi encontrado por parentes na noite de ontem

Eleutério Gomes – De Marabá

O professor e escritor Eduardo Castro, ex-presidente e atual vice-presidente, um dos fundadores da Academia de Letras do Sul e Sudeste do Pará e também presidente da Academia de Letras de Marabá, teria sido vítima de latrocínio e assassinado a pauladas na própria casa, na noite de ontem (25), no Bairro Quilômetro Sete, Núcleo Nova Marabá. Segundo as primeiras informações colhidas pelo blog, Castro morava só.

Eduardo Castro de Aquino Lima, nasceu em 08 de outubro de 1951, no município de Rio Sono, estado de Tocantins, até então estado de Goiás e residia na cidade de Marabá desde 1988.

Auto didata, alfabetizando-se somente aos quinze anos de idade, iniciando a partir daí, a sua grande afinidade com a literatura, o escritor e poeta Eduardo Castro ocupou a cadeira nº 03, tendo como patrono o consagrado poeta Gonçalves Dias. Castro tinha a arte literária como uma paixão em sua vida. Suas obras são sempre marcadas por temas de caráter social, pela busca à cidadania, e pela preservação da natureza, sempre em nome da vida.

O blog continua levantando maiores detalhes sobre o caso.

Deixe uma resposta