Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Saúde

Presidente Temer passa mal e é levado para hospital em Brasília

Diagnóstico é de obstrução urológica, diz Planalto em nota

O presidente Michel Temer (PMDB) passou mal nesta quarta-feira (25) e foi levado para um hospital de Brasília.

“O Presidente Michel Temer teve um desconforto no fim da manhã de hoje e foi consultado no próprio departamento médico do Palácio do Planalto. O médico de plantão constatou uma obstrução urológica e recomendou que fosse avaliado no Hospital do Exército, onde se encontra para realização de exame e devido tratamento”, diz a nota oficial da Secretaria de Comunicação da Presidência.

O mal-estar teria ocorrido após ele ter saído para o almoço, o que aconteceu por volta de 13h30, segundo apurou a reportagem do UOL.

O líder do governo, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), afirmou no plenário da Câmara que o presidente apenas passou por “exames de rotina” e que retornaria ao Planalto ainda hoje. Segundo Ribeiro, a orientação do governo é continuar a votação na Câmara.

O deputado Carlos Marun (PMDB-MS) afirmou nesta quarta que o presidente teve apenas uma “indisposição” e foi levado ao hospital para mais exames. “Ele está bem e muito bem. Jantamos juntos ontem, não há motivo para preocupação.” Segundo ele, a sessão não será interrompida e a expectativa do governo é encerrar a votação da denúncia ainda nesta tarde.

O incidente com Temer ocorre no momento em que a Câmara dos Deputados prepara-se para votar se aceita uma segunda denúncia contra o presidente, apresentada pela Procuradoria-Geral da República.

No início do mês, foi divulgado que Temer está com obstrução parcial de uma artéria coronária. O problema foi detectado em exame de imagem. Temer deverá passar por tratamento medicamentoso e dieta. Ainda não há informações se há relação entre a internação desta quarta com o problema na artéria.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido contra cópia!