Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Futebol

Paysandu perde o jogo e a invencibilidade na Série B para o Avaí

A derrota deixou o Papão fora do G4 do Campeonato Brasileiro da segunda divisão
Continua depois da publicidade

Por Fábio Relvas
Foto: (Divulgação/AFC)

O Paysandu conheceu a sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro da Série B, na noite desta sexta-feira (25). O Papão encarou o Avaí no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, e perdeu pelo placar de 3 a 1. A partida foi válida pela sétima rodada da competição nacional.

O atacante Rodrigão abriu o placar, aos 42 minutos do primeiro tempo, para os catarinenses. Na segunda etapa, o lateral-direito Guga marcou de falta, aos 21 minutos. O Papão esboçou uma reação e diminuiu o marcador com Cassiano cobrando pênalti, aos 26. Mas, no finalzinho da partida, aos 46, Rômulo ampliou, fechando a conta para o Leão de Santa Catarina.

Com o resultado, o Papão segue fora do G4 da Série B, com 12 pontos, em sétimo lugar. O próximo compromisso do Paysandu será diante do Boa Esporte-MG, na sexta-feira (01/06), às 21h30, no Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém.

O jogo: Avaí 3 x 1 Paysandu – Caiu a invencibilidade do Papão!

O Avaí começou o jogo melhor: na primeira chegada ao ataque, o lateral-direito Guga chegou chutando de longe, mas a bola foi para fora. Em outra tentativa do time da casa, o atacante Rodrigão abriu espaço para chutar e mandou um balaço para fora. O Paysandu chegou com Mike, que ganhou da marcação e chutou, mas a bola foi em cima do goleiro Aranha, que fez a defesa.

A zaga do Avaí falhou e a bola ficou com o meia Thomaz, que experimentou e chutou para fora. Em um contra-ataque dos catarinenses, Rômulo cruzou para o desvio de cabeça de Renato e a bola passou assustando o goleiro Renan Rocha. O lateral-direito bicolor Matheus Silva cruzou, o goleiro Aranha se enroscou com a bola e quase deixou entrar em sua meta. O time da casa chegou quando Guga cruzou para o toque de cabeça de Renato, mas a bola foi para fora.

O Papão deu o troco no chutaço desferido por Alan Calbergue, que o goleiro Aranha defendeu bem. Em uma falha da defesa bicolor, o oportunista atacante Rodrigão não perdoou e abriu o placar na Ressacada para o Avaí, aos 42 minutos, 1 a 0. Na segunda etapa, Renato tentou ampliar, mas chutou para fora. Outra vez, o time avaiano chegou com André Moritz, que pegou uma sobra de bola e mandou por cima.

Veja também:  Em um jogo dramático, Paysandu empata contra o Juventude na Curuzu

O Leão catarinense quase ampliou quando André Moritz pegou outra sobra de bola e bateu para o gol, mas Renan Rocha salvou o Papão. Minutos depois, Guga cobrou falta com muita categoria e ampliou para o Avaí, aos 21, 2 a 0. Festa nas arquibancadas da Ressacada. O Paysandu foi para o ataque com Cassiano, que acabou sendo derrubado pelo goleiro Aranha; pênalti. O próprio Cassiano cobrou com categoria e descontou para o time paraense, aos 26 minutos, 2 a 1.

O Papão cresceu nos minutos finais de jogo. Em uma jogada de Claudinho, o zagueiro Edimar desviou e a bola passou muito perto da meta de Aranha. O atacante Moisés teve tudo para empatar quando recebeu passe na cara do gol, mas parou no paredão chamado Aranha. Quem não faz, leva: o atacante Rômulo ganhou uma jogada da defesa bicolor e tocou na saída de Renan Rocha, aos 46 minutos, ampliando em Florianópolis. Placar final: Avaí 3 x 1 Paysandu.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ: Aranha; Betão, Alemão e Airton; Guga, Renato, Judson (Matheus Barbosa), André Moritz (Luanzinho), Capa; Rômulo e Rodrigão (Getúlio).
Técnico: Geninho

PAYSANDU: Renan Rocha; Diego Ivo, Nando Carandina (Moisés) e Edimar; Matheus Silva, Cáceres, Alan Albuquerque e Carlinhos (Mateus Muller); Thomaz, Mike (Claudinho) e Cassiano.
Técnico: Dado Cavalcanti

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo (SP) e Daniel Luís Marques (SP)

Cartões amarelos: Betão, Renato e André Mortiz (Avaí); Matheus Silva e Mike (Paysandu)
Gols: Avaí: Rodrigão, aos 42 minutos do 1° tempo para o Avaí; Guga, aos 21 minutos do 2° tempo para o Avaí; Cassiano, aos 26 minutos do 2° tempo para o Paysandu; e Rômulo, aos 46 minutos do 2° tempo para o Avaí

Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)

Deixe uma resposta