Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Marabá

Presidente Michel Temer poderá visitar Marabá na 2ª quinzena de março

Equipe da comunicação do governo federal já esteve na cidade sondando local para o evento, que ainda não tem data confirmada
Continua depois da publicidade

O blog apurou nesta quarta-feira, dia 7, que o presidente da República, Michel Temer (MDB), deve vir a Marabá entre os dias 15 a 20 deste mês de março para entregar título rurais junto com o Incra e o Programa Terra Legal. Seria um ato previsto para acontecer, paralelamente, em 10 a 12 municípios da Amazônia, com outras ações em Belém, Acre e Rondônia, por exemplo.

A data exata ainda não está definida, mas uma equipe da Comunicação do Palácio do Planalto esteve em Marabá nos últimos dias e conheceu as três principais estruturas que poderiam receber o evento com a presença do presidente da República. Eles estiveram no Plenário da Câmara Municipal (capacidade para 400 pessoas), Ginásio Renato Veloso (7 mil pessoas) e o recém-inaugurado Centro de Convenções, que tem teatro com capacidade para 1.200 pessoas. Todavia, o local exato só será confirmado quando vier a equipe de segurança, que avalia vários itens para definir o espaço ideal.

A reportagem do blog esteve na sede do Incra nesta quarta-feira para buscar informações sobre a entrega de títulos, com o superintendente interino do órgão, Valciney Ferreira Gomes, mas este estava participando de uma conferência com a Ouvidoria Agrária Nacional por videoconferência.

Veja também:  Audiência pública pressiona Incra sobre fazendas vizinhas à Rebio Tapirapé

Ordem de serviço

Nesta sexta-feira, dia 9, o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (MDB), estará em Marabá para assinar a ordem de serviço para a empresa Cejen Engenharia, vencedora da licitação, executar as obras da Orla do Rio Itacaiunas, em Marabá. O projeto executivo será avaliado pela equipe do professor PHD e engenheiro civil Remo Magalhães de Souza, da Universidade Federal do Pará, para possíveis ajustes. Este seria o último evento de Helder em Marabá, já que tem de se desincompatibilizar do cargo até o final deste mês, caso queira concorrer ao cargo de governador nas eleições de outubro deste ano.

Por Ulisses Pompeu – Correspondente em Marabá

Deixe uma resposta